acompanhe o blog
nas redes sociais

5.11.12

Crossfire: Toda Sua, Vol. 1 [Sylvia Day]

Ed. Paralela, 2010 – 280 páginas

        No livro mais bem escrito da nova onda de romances eróticos femininos, Sylvia Day conta a história de duas pessoas com um passado complicado que se encontram numa explosão de luxúria e paixão. Romântico, sombrio e muito sensual, Toda sua - leitura perfeita para os fãs do best-seller Cinquenta tons de cinza - vai levar você aos limites da obsessão - e além. (Ed. Paralela)


Já acabei de ler este livro há um tempo, mas demorei a fazer meus comentários, pois meus sentimentos quanto ao livro são conflitantes e um pouco turvos. Digo isto porque li num fôlego só, e geralmente quando isso acontece é porque gostei muito do livro, mas no caso deste, não sei o que realmente achei... Fiquei com um sentimento de que é só um romance com muito sexo, com um enredo raso demais...
Ouvi então a opinião de algumas amigas, que gostaram, acharam a heroína forte, algumas preferiam este a 50 Tons... Mas mesmo assim não me convenci...
A história entre Eva e Gideon não me cativou, principalmente por ela endeusa-lo tanto (lindo, forte, rico, bem-sucedido, poderoso), achando que todos os outros homens estão abaixo dele. Como eu acredito que não existe “o melhor”, mas sim “o NOSSO melhor”, já não gostei disso. Além do mais sua trama é pobre, basicamente o livro todo trata das briguinhas do casal, seu reencontro com muito sexo selvagem, mais brigas, mas sexo....
O livro é o primeiro de uma trilogia, os dois personagens tem seus traumas, sendo que o de Eva é contado logo no início do livro e o de Gideon ainda não sabemos qual é. O único personagem que se destaca além do casal é Cary, amigo íntimo de Eva, que também é problemático. 

OBS: Criei um novo marcador, "Erótico", para acompanhar essa nova moda literária...

Sinopse

Eva Tramell tem 24 anos e acaba de conseguir um emprego em uma das maiores agências de publicidade dos Estados Unidos. Tudo parece correr de acordo com o plano, até que ela conhece o jovem bilionário Gideon Cross, o homem mais sexy que ela — e provavelmente qualquer outra pessoa — já viu.
Gideon imediatamente se interessa por Eva, que faz tudo o que pode para resistir à tentação. Mas ele é lindo, forte, rico, bem-sucedido, poderoso e sempre consegue o que quer.


comentários pelo facebook:

21 comentários em "Crossfire: Toda Sua, Vol. 1 [Sylvia Day] "

  1. Eu particurlamente não sinto vontade de ler esse livro, nem 50 tons. Não sei por que mais esses livros não me ganham, não me convenceram a ler eles. Nada contra mais só os leria se ganhase de presente, caso contrário não penso em comprar.
    Os livros hot estão dominado as parradas agora,mais a mim eles não ganharam.
    Gostei da resenha, foi muito verdadeira sua opinião.
    Bjos....

    ResponderExcluir
  2. Hmmm ...
    Mas sinceramente por mais que falem mal de 50 tons ele ainda é o meu preferido pq penso assim quem de fato LEU o livro, gostou pq a história realmente tem enredo, mesmo que seja só pela visão da Ana no 1º livro... E no 2º MELDELS #MULTIPLICAGREYSNOMUNDO . Não estou muito interessada em ler este livro não, mas quem sabe mais pra frente não leio =]

    ResponderExcluir
  3. Eu não fiquei com um pingo de vontade de ler Toda Sua, porque quase todas as pessoas que leram o livro disseram que a trama era muito pobre, e que a autora não escrevia muito bem. Compararam muito com cinquenta tons, alguns dizendo que a autora de toda sua quis fazer algo parecido, mas que não foi muito bem. Agora com a sua opinião também não tão positiva, eu realmente não vou ler

    Beijinho!

    ResponderExcluir
  4. Eu não tenho interesse em ler este livro e nem a moda de 50 tons... Não é o meu tipo de leitura preferido.

    É uma pena que a trama seja tão pobre, o que acaba estereotipando os romances hots como "ruins".

    Bjos!

    www.silentmyworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Eu estou muito ansiosa para poder ler, eu estou adorando esta onde de livros eroticos, porque quem sabe assim as editoras param de cortar partes ou diminuir quando tem palavrão ou conteúdo erotico nos livros.
    beijos.

    ResponderExcluir
  6. Oi Gi!
    Bom, é como eu disse lá na minha resenha, a estória é bem fraca. Os protagonistas não causam empatia nos leitores, pelo menos comigo, não me interesso em saber mais nada desse casal casa/separa >.<
    Sua resenha ficou ótima Gi, parabens! Vc conseguiu expressar melhor sua opinião do que eu. Achei a estória tão pobre q nem sabia o que falar...
    Beijocas, boa semana =*

    @morenalilica
    Doce Insensatez

    ResponderExcluir
  7. Sua resenha ficou ótima, bom eu morro de vontade de ler esse livro, mas sua resenha me jogou uma água fria, não esperava me decepcionar tanto com esse livro, sendo que ele parece ser muito bom.

    ResponderExcluir
  8. Querida Gi, ler num fôlego só já é um bom sinal. Muitas vezes lemos livros assim, bons para um domingo sem nada pra fazer, algo que nos divirta e se tiver uma pegada hot, melhor ainda. Mas quando vamos peneirar não sobra muita coisa não. Sinceramente eu compraria o livro, assim como 50 tons de cinza, não porque seja moda, mas porque gosto de romances "eróticos" (gostei do marcador) e gosto não se discute. Não são livros que eu levaria para uma ilha deserta. Também não geraria em mim discussões sobre minha existência, mas que eu gosto... ahhhh isso eu gosto.

    ResponderExcluir
  9. Ler num só fôlego quer dizer que o livro tem alguma coisa boa, mesmo que não seja a riqueza de conteúdo.
    Eu não sou chegada a "eróticos" exatamente porque quase sempre são rasos, sem história, sem personagens bem construídos e uma abordagem do sexo que eu não sei se gosto.
    Respeito muito quem gosta do gênero e não vou fechar as portas para ele. Espero que um dia desses lancem alguma coisa que me cative.
    bjs

    ResponderExcluir
  10. Eu fui uma que achou esse melhor que 50 tons. É melhor porque a mulher desse é mais forte e independente. É mais...sei lá, ela faz. Já a bestinha de 50 tons é.. bestinha! Não que eu não goste dela, mas ficou com cara de tonta no livro e eu odeio heroína com cara de tonta se for livro novo. Aqueles livros de uns 200 anos atrás ainda dá pra aturar, mas em livro novo? Putz, aquela de 50 tons perde pra Eva u.u
    Eu gostei e até achei que esse tinha um tico a mais de história, mas parece imitação de 50 tons. Parece mesmo ¬¬
    Fazer o que né? O jeito é esperar pelos próximos e ver no que dá. Talvez, assim como 50 tons (achei o primeiro uma merda, mas os outros são fofos e bem melhores!!!) eu acabe gostando mais desses livros...

    ResponderExcluir
  11. Eu tive essa mesma sensação que você quando li o livro, li rápido, mas ficou aquela coisa confusa com relação aos sentimentos por ele.
    Ai cheguei a uma conclusão, a escrita da autora é boa, mas o romance não me convenceu, ficou superficial.

    Beijos,
    Pepper Lipstick

    ResponderExcluir
  12. Eu senti o mesmo que você no livro. Eu estou adorando essa onda de livros eróticos, estou tentando ler todos. Um livro que parece ser um dos melhores é Bem Profundo, eu adorei o primeiro capitulo e a sinopse. Espero que seja mil vezes melhor que Cinquenta Tons de Cinza e Toda Sua, porque não gostei muito de nenhum desses. E adorei a resenha, beijos!!

    ResponderExcluir
  13. Gisela como já te disse, eu adorei Toda Sua, continuo achando 50 tons melhor, mas esse não é um livro para ser lido comparando um com o outro, é uma leitura à parte( assim como te disse que não da para ler livros de vampiro e ficar comparando com IAN , se não você vai começar a achar tudo uma porcaria) .Também estou adorando essa onda de livros eróticos. Estou super ansiosa por Profundamente Sua.

    ResponderExcluir
  14. Eu ainda não li nenhum dos livros dessa "safra". O único que tenho comigo é Um olhar de amor, mas ainda não li então não posso opinar muito. Minha opinião é que vai cair naquela história de "mais do mesmo". Mas ainda pretendo ler 50 tons e Toda sua.

    ResponderExcluir
  15. Essas leituras que vieram a partir dos 50 tons não me conquistaram. Mas como não li nenhuma, nem posso afirmar isso com força. Mas é que me incomoda o cara dos livros ter sempre dinheiro. Como se todo o fetiche cercasse a ideia de que eles são ricos e poderosos e as mulheres se permitirem ser submissas. Se fosse um cara comum, será que seria assim tb, faria sucesso???

    ResponderExcluir
  16. Bem,eu sou to time que prefere toda sua do que 50 tons e por uma coisa minima: a escrita. Acho 50 tons meio que mal escrito, acho simplesmente que a autora fez uma fic, virou moda, sucesso e nada foi feito, achei que ela deveria ter reescrito algumas coisas e não é somente no livro 1 não, ja li os 3 e isso me pegou, apesar de que gostei da historia. Alguns falaram muito desse lado muito possessivo de Gideon, mas tenho preferencia por esse por a protagonista ter o pé um pouco mais firme do que a Ana. Bem, até agora de todos os eroticos que li todos foram ok, nenhum me conquistou, quero ler o lançado pela NC pra vê o que acho.
    Eu também acredito que elas realmente endeusam eles, mas fazer o que, o amor faz isso com as pessoas, somente akeles que amamos são perfeitos rs
    Bj

    ResponderExcluir
  17. Eu descobri esse livro logo quando começou o fala fala sobre 50 tons. Li os dois primeiros da E. L. James e gostei apenas do Grey, porque o livro em si é uma porcaria. Daí fico com receio de que esse também seja assim. Apesar disso, estou morrendo de curiosidade e vontade de ler para saber se é tudo isso que o povo anda dizendo. xD

    ResponderExcluir
  18. Odeio quando leio um livro e fico na duvida se gostei ou não. Te entendi nessa parte, acho que eu também ficaria assim, porque mesmo sendo um livro erótico tem que ter um enredo além do sexo!

    ResponderExcluir
  19. Sinopse fraca,"Toda Sua" tem briguinhas de casal e sexo selvagem e...?Não fiquei com vontade de ler,tem livros mais interessantes nessa linha.

    ResponderExcluir
  20. Eu fiquei até com vontade de ler, mas estou com trauma de 50 tons, então acho que não vou arriscar...rsrs
    Entendo bem o seu conflito, me senti assim em relação a 50 Tons de cinza. O Romance em si eu não achei ruim e gostei da narrativa, mas quando terminei o livro ficou aquela sensação de "nem gostei". É trágico.

    Thais Vianna
    @dathais

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir