acompanhe o blog
nas redes sociais

25.4.14

Quando Eu Era Joe [Keren David]

Quando-Eu-Era-Joe-Keren-David
Ed. Novo Conceito, 2014 - 320 páginas:
       Imagine o que é perder, em uma única noite, sua casa e seus amigos. Aos 14 anos, Ty presencia um crime bárbaro num parque de Londres. A partir desse momento, tudo muda para ele: a polícia o inclui no programa de proteção à testemunha, e Ty é obrigado a assumir uma vida diferente, em outra cidade. O menino ingênuo, tímido, matricula-se na nova escola como Joe... E Joe não poderia ser mais diferente de Ty: faz sucesso com as meninas, torna-se um corredor famoso... Joe é tão popular que acaba incomodando os encrenqueiros da escola. E quando ele finalmente parece ter se encaixado no mundo, as ameaças de morte contra sua família o obrigam a viver em fuga constante...


Onde comprar:

Para ser sincero, Quando eu era Joe estava sendo uma enorme decepção no começo, tive que arrastar a leitura. A história era legal, os personagens e a narrativa também, mas não me cativou, resumindo, estava um tédio. E eu achava que seria outro livro meia-boca que eu leria, mas isso mudou completamente depois da metade do livro e fiquei tão ligado ao livro que não consegui parar de ler e o terminei em um pulo.

O suspense que a autora cria e os conflitos de Joe são apaixonantes. E você fica pensando: O que diabos aconteceu quando Joe testemunhou o assassinato? No começo achei a trama meio boba e sem lógica. Consequentemente, mudei de opinião facilmente. É incrível como a autora consegue se equilibrar entre a vida de um adolescente comum, com conflitos de adolescentes comuns, e a vida de um adolescente relacionado a mortes, suspense e medo.

A autora também não enrola na narração, o que fez eu adorar a narrativa dela. Confesso que fiquei de coração partido no final do livro, pois as emoções de Joe eram as minhas no momento. Não consegui me desligar da história até agora.

Outra característica boa do livro é que ele é diferente de tudo o que já li e me fez sair da minha zona de conforto. Estou tão, tão, tão ansioso para Quase verdade, segundo livro da série que não consigo me segurar para não reler Quando eu era Joe.

Cortesia da Editora Novo Conceito


Resenhado por:
Samuel Teixeira de Almeida, estudante, louco por livros. "Eu amo de paixão ler, sempre amei."

comentários pelo facebook:

19 comentários em "Quando Eu Era Joe [Keren David]"

  1. Eu vi quando esse livro foi lançado e tinha uma ideia totalmente diferente da realidade. Pensei que seria no estilo Belo Desastre ou Real, e me enganei completamente.
    Curti bastante sua resenha, no livro gostei de algumas coisas e outras nem tanto. Por isso vou pensar um pouco mais pra ver se pretendo lê-lo ou não.

    Bjokas!!

    ResponderExcluir
  2. Confesso que esse foi um dos lançamentos que não me chamou a atenção. E, infelizmente, continuo com a mesma opinião. Não sei bem o que foi que aconteceu, mas a premissa não me cativou.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  3. Li bastante coisas positivas sobre o livro e apesar de envolver um adolescente (rs), achei bem interessante a premissa.
    Gosto de desvendar os mistérios da história, de ir descobrindo detalhes que tornam tudo claro no final.
    Pena que o começo é chato.. acaba desanimando um pouco!
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Uma série assim, e com tantas resenhas positivas me fizeram querer ler


    Mais um pra wishlist que só aumenta rs

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Samuel, tudo bem?

    Já tinha lido outras resenhas desse livro... Achei genial também a ponte que ele faz com a realidade dos adolescentes + o suspense do livro. Estou beeeeem curiosa e isso já faz um tempo, agora fiquei inquieta para ler hahahaha
    Ótima resenha!

    Beijos,
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
  6. A premissa não me cativou. Por isso esse é um livro que não me vejo lendo.

    ResponderExcluir
  7. A premissa chama a atenção, pelo menos a minha. Acho que o livro demorou pra começar a engatar mesmo, porque provavelmente é a iniciação de tudo. As vezes sinto muito isso no começo de uma série. Mas eis ai o ponto negativo, tem continuação. E ultimamente estou correndo de séries! Mas quem sabe um dia eu venha a ler.

    ResponderExcluir
  8. Eu gostei do livro, só não gostei da mãe do Ty, muito infantil e egoísta.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  9. Fiquei meio chocada com o fato do Ty ter apenas 14 anos e já ter passado por tantas coisas. Adoraria conhecer a história dele.

    ResponderExcluir
  10. Sabe que eu nunca tinha parado para ler nada a respeito desse livro? Nem fazia ideia do que se tratava e confesso que não tinha me chamado a atenção. Mas saber que o livro melhora a partir de certo ponto já é um alívio porque é complicado começar a ler e não se entrosar com a história. Mas talvez mais pra frente eu dê uma chance à história.

    ResponderExcluir
  11. Não tive tanto interesse na obra quando lançou e não tenho nenhum agora, principalmente depois de saber que o começo pode ser um tédio só. não estou em clima pra mais um livro moroso.
    Mas que bom que você conseguiu ler e gostar da obra.

    ResponderExcluir
  12. Eu achei este livro bem interessante. Adorei a estória cheia de drama, mistério...
    Fiquei imaginado como ficou a cabeça deste adolescente ao ter sua vida toda modificada desta forma... além do trauma de ser testemunha de um crime; ver alguém sendo morto de forma tão cruel.
    Ainda bem que a leitura fluiu e você acabou gostando.
    Eu adorei a resenha e quero ler o livro, mas só depois do lançamento de "Quase verdade".
    Bjs ;)

    ResponderExcluir
  13. Oie :)
    Já li vários comentários sobre esse livro e não me animou muito em ler!!
    Amei a resenha ♥
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Já vi resenhas sobre esse livro e tenho vontade de lê-lo. Tem mistério, investigação policial e ainda tem o clima High School que eu amo <3 haha
    bj, dréa

    ResponderExcluir
  15. Não sabia que esse era o primeiro livro de uma série, se antes eu já não tive vontade e lê-lo, agora qeu fiquei sabendo desse "pequeno" detalhe só me fez ter mais certeza disso, rs. Mesmo vc tendo gostado de Quando Eu era Joe, ainda não senti interesse pela obra.

    ResponderExcluir
  16. Não tenho muita vontade de ler este livro, apesar da história parecer ser boa.

    ResponderExcluir
  17. Bem legal essa coisa repentina da mudança, de forma tão incrível.
    Adorei isso e por isso fiquei com mais vontade de ler.

    ResponderExcluir
  18. Que bom que o livro vale a pena apesar o começo arrastado. Eu tenho ele mas ainda não li. Talvez espere o 2° ser publicado pra ler.

    ResponderExcluir
  19. Esse livro parece ótimo apesar de parecer um pouco arrastado e muito cansativo. Eu Leria sim, Mas, Esse livro não estaria na minha lista de favoritos!

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir