acompanhe o blog
nas redes sociais

12.2.15

Simplesmente Acontece [Cecelia Ahern]

Ed. Novo Conceito, 2014 - 448 páginas:
      O que acontece quando duas pessoas que foram feitas uma para outra simplesmente não conseguem ficar juntas? Todo mundo acha que Rosie e Alex nasceram para ser um casal. Todo mundo menos eles mesmos. Grandes amigos desde criança, eles se separaram na adolescência, quando Alex se mudou com sua família para os Estados Unidos. Os dois não conseguiram mais se encontrar, mas, através dos anos, a amizade foi mantida através de emails e cartas. Mesmo sofrendo com a distância, os dois aprenderam a viver um sem o outro. Só que o destino gosta de se divertir, e já mostrou que a história deles não termina assim, de maneira tão simples.  


Onde comprar:



É a historia da amizade de Rosie e Alex, que são amigos de infância, e como esta amizade cresce junto com eles (adolescência, juventude, vida adulta). O livro é escrito em forma de mensagens trocadas entre os personagens ainda na escola (sabe aqueles bilhetes nas aulas?!?) que vão evoluindo para mensagens de celular, cartões, cartas e e-mails. Muitas vezes eles foram pegos pela professora e repreendidos, até mesmo chamaram os pais. É visível que apesar da pouca idade eles são bastante unidos. Durante uma das férias de verão eles decidiram o que serão: a Rosie administrará um hotel e o Alex será o medico que cuidará de todos os hospedes que se adoentarem no hotel.

“Ex-namoradas são facilmente esquecidas. Melhores amigos ficam para sempre.”

No meio do Ensino Médio, o pai de Alex é transferido para Boston e toda família viaja junto. Há uma grande comoção com a partida, mas Alex e Rosie continuam amigos, e se escrevendo. A partir daí se desenvolve a trama do livro.

Gostei da forma como a historia é contada (por meio de carta/e-mail/mensagem), é diferente do usual e me encantou. É uma leitura agradável, relaxante ao mesmo tempo que angustiante: me mostrou como um simples erro pode revirar sua vida e alterar suas prioridades. Como um “depois eu faço” ou “amanha eu começo” se transforma em semanas, meses, anos e quando percebe sua vida passou, seus planos se foram e você ainda esta esperando o momento certo. Revelou, também, que é muito difícil ter coragem para mudar e mais difícil ainda ter coragem para ficar. Mas o mais importante:

- Nunca é tarde para perseguir os sonhos;
- Você pode encontrar amigos onde menos se espera;
- A vida tem um excelente senso de humor.

“É engraçado, porque quando você é criança acredita que pode ser tudo o que quiser, ir aonde quer que deseje. Não há limites. Você espera o inesperado, acredita em mágica. Então fica mais velho e essa inocência é rompida. A realidade da vida entra no caminho e você é golpeado pela percepção de que não pode ser tudo que quer, que simplesmente pode precisar conformar-se com um pouco menos.”

Parece meio clichê o que disse, mas foi assim que me senti ao ler o livro: as coisas não foram planejadas, discutidas e escolhidas, elas simplesmente aconteceram e você só pode aceita-las, tentar fazer o seu melhor e tirar o melhor de cada situação. Sei que continuo sentimentalista, mas não pude evitar pensar na efemeridade da vida.

“Como a vida é engraçada, né? Bem na hora em que você pensa que está tudo resolvido, bem na hora em que você finalmente começar a planejar alguma coisa de verdade, se empolga e sente como se soubesse a direção em que está seguindo, o caminho muda, a sinalização muda, o vento sopra na direção contrária, o norte de repente vira sul, o leste vira oeste, e você fica perdido.”

Todos os desencontros na vida dos protagonistas são reais, são coisas cotidianas, que poderiam acontecer com qualquer um, é isso que mais me impactou: que estas coisas poderiam ter acontecido comigo, que pode estar acontecendo. Me irritou a quantidades de desencontros, deu vontade de entrar no livro e dizer: “Venha cá vocês dois. Você não são mais crianças, por que não sentam e conversam de verdade sobre o que ta incomodando, sem medo do que o outro irá pensar???”. As coisas seriam tããão fáceis assim.

“No começo, tínhamos tanta coisa pra conversar que falamos umas cem palavras por segundo, e mal esperávamos o outro terminar uma frase pra começar outra. E demos muita risada. Rimos à beça. Então os risos terminaram e veio o silêncio. Um silêncio estranhamente confortável.”

Fiquei feliz em saber que há um filme e que estréia em janeiro no Brasil!

#AguardandoOFilme!

Cortesia da Editora Novo Conceito

Nascida na Bahia, veio para Vitória estudar Arquitetura. Ler é sua segunda paixão. “O universo é feito de historias, não de átomos”. Muriel Rukeyser.

*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

34 comentários em "Simplesmente Acontece [Cecelia Ahern]"

  1. Oi flor!
    Eu não sabia dessa narrativa em forma de mensagens, mas achei muito bacana *-* gosto de técnicas diferentes para contar uma história, tal como a Rainbow Rowell em Fangirl. Só me deixou ainda mais curiosa pra ler!
    Quero muito muito ver o filme - e espero que seja uma boa adaptação. Ou não, porque dai eu escolho separar o universo do livro daquele na telinha HEHEHEHE
    Adorei a resenha!

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    http://blogsomaisum.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Acho que essa é a primeira resenha positiva que vejo sobre esse livro e confesso que fiquei muito feliz. Adoro o estilo da Ceclia e nunca me desapontei com seus livros.
    Esse estilo de narrativa por mensagens é diferente mesmo. Acho interessante, ainda mais por podermos acompanhar a vida e as reviravoltas dos personagens.
    Espero ler em breve e ter a mesma impressão que você.
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Stephania!
    O livro realmente toca fundo justamente por mostrar o quanto um pequeno deslize pode transformar tudo e também porque as personagens parecem reais, o livro mostra o que pode acontecer conosco ou ao nosso lado.
    Me emocionei muito com a leitura.
    Não assisti o filme ainda, mas bem quero.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  4. Uau, este é tipicamente o gênero em que sou apaixonada, em livros assim, com estas historias.
    Acaba nos surpreendendo, eu quando começo a ler um livro vou até o final, fico horas e horas lendo.
    Amei.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Eu também RUDYNALVA, estou muito ansiosa pelo filme, porque ficamos com aquela expectativa né?!
    hehe

    ResponderExcluir
  6. Stephania, adoro essas histórias cheias de desencontros, rsrs... Mas vc tem razão, uma hora cansa e é bom mesmo ter uma conversinha com esses dois. Tb estou louca pra ver o filme.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  7. To super curiosa para ler esse livro e para assistir o filme também.
    Mesmo que seja um assunto um pouco batido, parece ser super fofo.
    Além disso, um clichê de vez em quando é sempre bom. kkk'
    Desencontros são comuns mesmo. E, muitas vezes, são tristes. Mas é a vida, né?!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  8. Dei um tempo nesse tipo de livro e confesso não ter mais vontade de ler mais. Sei lá... acho que romance já deu. Talvez volte a ler futuramente, mas não me sinto nenhum pouco animada.

    ResponderExcluir
  9. Adoro os livros da Cecelia, então mal vejo a hora de ler esse para só depois assistir o filme. Vi algumas críticas não tão positivas, mas mesmo assim continuo com vontade de ter o livro em mãos. Acho que vou gostar.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oi Stephania, estou muito curiosa pra ler este livro! O filme, me parece que estreia em março. Já vi o trailer e é super fofo, estou ansiosa pra ver também.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Gosto muito dos livros da Cecelia Ahern, estou super ansiosa pra ler esse, ganhei ele e estou doida pra que chegue logo pra conferi essa história, estou doida também pra assistir o filme.

    ResponderExcluir
  12. Oi, fiquei sabendo do filme a poucos dias, o que me deixou bem curiosa. A princípio eu não estava interessada no livro, mas mudei de ideia com as resenhas que já li.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  13. Quero muito ler esse livro, amo romance, já adaptação cinematográfica não me animo a assistir pois geralmente fico frustrada, fica tão diferente do livro e resumida.

    ResponderExcluir
  14. Vi o trailer do filme, parece legal. Um assunto um pouco batido, mas deve ser legal. Quem sabe, eu leia.

    ResponderExcluir
  15. Também achei interessante a história ser contada por meio de cartas, e-mail, enfim.

    ResponderExcluir
  16. Oie,
    Muito diferente a forma que o livro é contada e achei isso super fofo. O clichê me atrai haha. Só estou esperando meu livro chegar para lâ-lo, porque amo a escrita da Cecelia.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  17. oi flor!
    eu achei mais uma vez um arraso da editora e da autora apostarem em uma ideia tão diversificada de contar uma história de amor e amizade além da distância
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Esses livros cheios de desencontros dão um nervoso né?
    Mas deixam a gente hipnotizada. Como parar de ler um livro desse??

    Adorei a resenha!!

    Bjks

    Lelê - http://topensandoemler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Fico muito nervosa com histórias cheias de desencontros! Dá vontade de bater nos personagens rsrs. Eu gosto muito da escrita da Cecelia, os dois livros que li dela foram ótimos. Quero muuuuito ler Simplesmente Acontece e ver se é tão bom quanto dizem.
    Ótima resenha.
    Beijo

    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Nunca cheguei a ler nada que tivesse uma estrutura epistolar, então esse seria um dos grandes motivos para se ler esse livro. O outro seria a autora. Gosto muito dos livros da Cecelia Ahern. Um ponto que também me chamou a atenção foi que as situações vividas pelas personagens são bem reais. Resumindo, pretendo ler/assistir muito em breve.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  21. Eu tbm Priscila Gatti, estou louquinha para poder ler o livro e assistir o filme.

    ResponderExcluir
  22. A questão da distância né thaila oliveira, é o que dá todo o desenrolar da trama né?! Encontros e desencontros.

    ResponderExcluir
  23. Hahaha, Gabrielly Marques vc é como eu, dá vontade mesmo de entrar no livro e colocar os personagens juntos, ou contra que a história não é daquele jeito e tal. Heheh

    ResponderExcluir
  24. Se vc descobrir Alessandra como faz para parar de ler um livro destes me conta viu, pq preciso urgentemente, hehe.

    ResponderExcluir
  25. Oi Stephania. To louca pra ler esse livro, acho bem diferente a forma como foi escrito, acho que nunca li uma coisa do tipo. Mas deve ser estranho também né, rs. A nova capa esta bem mais bonita.

    ResponderExcluir
  26. O filme tem estreia prevista pra março! E já vi o trailer e adorei.
    O livro deve ser melhor, hehe.
    Eu achei interessante sua resenha porque em nenhum momento vc conta se rola um romance...
    Todos achavam que eles tinham tudo para ser um casal, mas eles são amigos...
    eu sinto falta de livros que retratem uma amizade entre um homem e uma mulher...
    pelo visto a trama não trata bem disso, só disso, mas eu fiquei com vontade de ler e descobrir!
    E pretendo ver o filme só depois, claro ;)

    ResponderExcluir
  27. Jura Edna Dias que já tem o treiler? Vou agora no Youtube procurar, pq esta história me encantou.

    ResponderExcluir
  28. Eu amei esse livro! Gosto muito da escrita da Cecelia, as histórias dela sempre conseguem me prender. A narrativa em forma de mensagens é diferente e ajuda a leitura a fluir. Por um momento fiquei até com medo de que o final não fosse dar certo devido a tantos desencontros. haha
    Tô super ansiosa aguardando o filme também! \o/

    ResponderExcluir
  29. Já li um livro da Cecelia e amei, ela sabe como tocar as pessoas de um jeito só dela. Ela faz esses personagens se tornarem muito reais. Eu não conhecia o livro até saber do filme, e depois disso, fiquei na vontade de ler.

    ResponderExcluir
  30. Que linda a historia de Rosie e Alex, grandes amigos e acabam se afastando, o contato acontece somente por cartas.
    Não conhecia esse livro.
    Quero ler, preciso tudo sobre ele, como a historia se desenrola.
    Linda historia.

    ResponderExcluir
  31. Estou doida para ler esse livro! Tantas pessoas falando sobre ele e o filme agora perto de estrear... Mas acho que não vou conseguir ler a tempo de assistir ao filme no cinema. Achei bem legal a narrativa ser escrita em forma de bilhetes/mensagens. Deve ser bem leve e rápida de ler. A resenha só aumentou minha vontade! rs

    ResponderExcluir
  32. Não conhecia o livro passei a conhecer pelo filme e quero muito ler a historia me parece bem emocionante e adorei que acima de tudo eles são amigos desde que vi o livro espero muito que no final eles fiquem juntos e acho que irei chorar muito quando ler !!!

    ResponderExcluir
  33. Nunca li nada da autora, talvez nesse caso eu veja o filme antes e não leia o livro. Não gosto muito de livros narrados com carta,e-mail ou mensagem. A história parece com outras que já li, mas talvez me agrade.

    ResponderExcluir
  34. Esse é um livro que estou super ansiosa para ler, pois estou querendo ver o filme e decidi que quero ler o livro antes de ver o filmezinho! Adoro este tipico romance entre melhores amigos, o sentimento cresce da amizade e isso faz com que o relacionamento dure mais, ou nao.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir