acompanhe o blog
nas redes sociais

13.3.15

Outlander: A Viajante do Tempo, Vol. 01 [Diana Gabaldon]

Diana-Cabaldon
Ed. Saída de Emergência, 2014 - 800 páginas:
      Em 1945, no final da Segunda Guerra Mundial, a enfermeira Claire Randall volta para os braços do marido, com quem desfruta uma segunda lua de mel em Inverness, nas Ilhas Britânicas. Durante a viagem, ela é atraída para um antigo círculo de pedras, no qual testemunha rituais misteriosos. Dias depois, quando resolve retornar ao local, algo inexplicável acontece: de repente se vê no ano de 1743, numa Escócia violenta e dominada por clãs guerreiros. Tão logo percebe que foi arrastada para o passado por forças que não compreende, Claire precisa enfrentar intrigas e perigos que podem ameaçar a sua vida e partir o seu coração. Ao conhecer Jamie, um jovem guerreiro escocês, sente-se cada vez mais dividida entre a fidelidade ao marido e o desejo. Será ela capaz de resistir a uma paixão arrebatadora e regressar ao presente? 

Onde comprar:

Outlander: A Viajante do Tempo é um livro do gênero fantasia somente porque a personagem principal viaja no tempo (e acreditamos que este tipo de viagem não é uma realidade), indo de 1945 para 200 anos atrás. Se não fosse por esse "pequeno" detalhe, o livro nada tem de fantasia, é uma história romântica medieval apaixonante.

Ao final da segunda guerra mundial, conhecemos Claire e seu marido Frank Randall, que estavam passeando nas Terras Altas, Escócia, antes de Frank assumir o cargo de professor de História em Oxford. Claire e Frank eram recém casados quando foram separados pelo inicio da Guerra, ela serviu como enfermeira do exercito britânico, ele num cargo confidencial. Uma das razões da escolha do lugar foi a paixão de Frank por genealogia, um antepassado seu tivera alguma coisa a ver com os acontecimentos naquela região em meados do século XVIII.

Logo neste inicio, a autora se preocupa em mostrar Claire como uma moça inteligente, independente e de bom carácter, que ama seu marido, apesar da pouco convivência existente entre os dois, devido a separação causada pela guerra, mas mostra um casal sintonizado, ele sempre querendo conhecer mais sobre seus antepassados, ela despertada pelo interesse em botânica, estavam desfrutando bastante destas férias nas Terras Altas.

Como todos já sabemos de antemão, Claire é transportada para uma Escócia violenta de 1743, dominada pela Inglaterra, que estava passando por um período político conturbado. Claire acaba caindo nas mãos de um cruel capitão inglês, que por coincidência é o antepassado do seu marido. Ela é quase estrupada por ele, mas é resgatada por um grupo de escoceses, que a consideram uma espiã inglesa. No clã escocês, Claire utiliza seus conhecimentos de enfermeira adquiridos na guerra e ajuda um jovem do bando que estava ferido, levando-os a escolta-la até o chefe do clã, a fim de decidirem o que fazer com a "estrangeira" e suposta espiã.

Sem ter como fugir e atordoada por se descobrir em outro século, Claire passa a ter um único objetivo: voltar para seu tempo e para Frank, seu marido. A fim de atingi-lo ela precisa primeiramente sobreviver a todos os percalços existentes, mesmo que o maior de todos seja um lindo jovem escocês chamado Jamie.

A autora nos conta sua história pela perspectiva de Claire, sua narradora. E é muito curioso como ela reage a viagem no tempo, sua descrença inicial até a aceitação do que realmente aconteceu, sua personalidade forte numa época em que as mulheres eram meras reprodutoras, tudo isso, misturado com a visão irônica de Claire e vários outros personagens cativantes, tornam o livro interessante, encantador e muito envolvente.

"Parecia inconcebível, mas todas a evidencias indicavam que eu estava em algum lugar onde os costumes e a política do final do século XVIII ainda vigoravam. Eu teria imaginado que tudo não passava de algum tipo de espetáculo a fantasia, se não fossem pelos ferimentos do jovem a quem chamavam de Jamie."

E Jamie é um caso a parte, ele é simplesmente apaixonante! (de tirar o folego). Dotado de um grande carisma e personalidade forte e magnânima, com atitudes dignas e sábias, este personagem foi ganhando meu coração a ponto de, em algumas partes, me levar as lágrimas.

"- Talvez eu seja pretensioso em dizer isso, mas gostaria de pensar que não sou "muitos homens" e que não coloco meu comportamento necessariamente no denominador comum mais baixo."

E mesmo depois de 800 páginas, ao terminar, queria mais e mais de Outlander.

Para quem não sabe, já está disponível a série de televisão britânica/americana criada por Ronald D. Moore, baseada nos livros de Diana Gabaldon, que por sinal é muito fidedigna ao livro, impossível não se apaixonar.



Cortesia da Editora Saída de Emergência

Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!

*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

21 comentários em "Outlander: A Viajante do Tempo, Vol. 01 [Diana Gabaldon]"

  1. Essa história é simplesmente incrível. Não li o livro ainda, mas morro de vontade de fazê-lo. Comecei a ver a série e confesso que não consigo imaginar os personagens com outros rostos. A caracterização da época e do cenário também me parecem impecáveis.
    Pontos positivos para a autora, que demonstrou que sabe pesquisar e criar.
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Oi Gisela,
    Estou doida para começar a ler os livros, apesar que são bem grossinhos né?
    Eu assisti a série e gostei bastante, Jamie realmente é encantador e apaixonante, mesmo!

    Ótima resenha.

    bjs e tenha um maravilhoso final de semana
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  3. Gostei da historia.
    Realmente parece que a única coisa que faz ser fantasia é a viagem ao tempo, pois percebi um romance lindo.
    A personagem vai ter lutar contra si mesma pra ser fiel ao marido.
    Muito legal mesmo.

    ResponderExcluir
  4. Faz tempo que quero ler esse livro, mas ainda não tive oportunidade. A premissa me deixou curiosa e pretendo ler sem dúvida.

    ResponderExcluir
  5. Oi Gisela,
    Senti a mesma coisa quando terminei a leitura, já acabou? Quero mais rsrs.
    O Jamie é totalmente fofo. Quero assistir a série assim que tiver tempo haha.
    Beijocas ^^

    ResponderExcluir
  6. Tenho muita vontade de ler esse livro, parece muito bom. E são tantos os elogios que ouço não só aos livros como a série de tv.

    ResponderExcluir
  7. Eu tenho esse livro a um tempo na minha estante já e só não li ainda porque quero ter o segundo primeiro, porque vontade é o que não falta! Nunca fui muito fã dessa coisa de viagem no tempo, mas não sei porque a premissa desse livro me conquistou!

    beijos
    http://pobreleitora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Gisela!
    Tenho desejado tanto ler a série.
    Gosto demais do tema viagem no tempo e fiquei bem curiosa por saber como a protagonista vai se virar em um século totalmente atrasado e arcaico.
    Agradeço o carinho da visita feita ao blog, amo!
    Volte quando desejar!!
    Um final de semana de amor e paz!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. eu queria ler esse livro, mas ele é tão grande que chega dar medo.
    Mas se ele for bom como todos dizem então vale a pena. Esse tema chamou muito minha atenção e enquanto não leio os livro vou vendo a série.

    ResponderExcluir
  10. Confesso que me falta coragem para ler essa série, Gih.
    Mas acho que quando eu começar não quererei parar, assim como você disse.
    Quero muito assistir a série, mas pretendo ler o livro antes.

    ResponderExcluir
  11. querida Gisela, esta é uma das muitas sagas que me deixam curioso. primeiramente por ser um romântico incorrigível, e depois pelo auê que a mesma provoca em quem já leu. são inúmeras resenhas e nenhuma desabonadora. um livro de 800 páginas que não cansam já seria digno de lembretes para comprá-lo urgentemente, agora 5 estrelas torna-se obrigatório! adorei a resenha, li duas vezes para poder beber um pouco mais do enredo. logicamente vai para minhas prioridades prioritárias. numa pesquisa rapidinha descobri que a série já tem 12 livros! será que todos serão lançados por aqui? dedos cruzados!

    ResponderExcluir
  12. Oi Gisela!
    Eu ainda não li o livro, mas a minissérie é tão apaixonante que nem imagino como eu ficaria ao ler, partindo do pressuposto que geralmente os livros são muito melhores que suas adaptações!!! O Jamie é um personagem incrível, assim como a valente Claire e a história de amor deles é linda ♥
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir
  13. Já li taaaantos comentários positivos sobre esse livro! Deve ser incrível, mas 800 páginas?!
    A Claire parece ser uma personagem maravilhosa, fiquei curiosa para conhecer sua aventura. Amei sua resenha, Gisela! Ficou ótima.

    Beijos
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi, Gisela! Ah, eu estava me perguntando um dia desses se a série de tv era bem parecida com o livro, pois estou pensando em ver. Quanto ao livro já li diversas opiniões e bem diferentes. Alguns gostam do livro, outros detestam. Fiquei animada em ler a sua opinião, pois acho que posso gostar da história. E amo livros com muitas páginas! Haha

    ResponderExcluir
  15. Não tinha conhecimento dessa série em livros até saber do lançamento da série de TV. Como me amarro em viagens no tempo, ele já prendeu minha atenção. Mas, o que me fez ficar com um pé atrás foi o tamanho dele. E, pelo que andei pesquisando, todos os outros volumes seguem no mesmo padrão. Mas, como a trama e narrativa são boas, vou me arriscar a ler/assistir.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  16. Oi Gi, também gostei muito deste livro. Claire me conquistou por não ser aquela mocinha cheia de mimimi....Ela é forte e vai a luta. Sem dúvida Jamie é apaixonante. Mal terminei o livro e corri para ver os capítulos disponíveis, que aliás, achei bem igual ao livro,
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  17. Olá, já tinha ouvido falar que o livro era bom, mas não conhecia o enredo dele. Acho que deve ser muito louco, afinal, se encontrar viajando no tempo, sozinha, e mesmo assim ela ser uma personagem forte, isso era para deixa-la louca. Estou bem interessada nessa leitura, sua resenha foi ótima, gostei bastante dos detalhes.
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  18. Apesar da serie ser imensa e os livros serem enormes Outlander: A Viajante do Tempo é um livro que quero para ontem kkkkkk Amo a serie, sou apaixonada pelos personagens e quero muito ler o livro. Adorei saber que o Jamie dos livros se parece com o da serie. Sou apaixonada.

    ResponderExcluir
  19. Oi Gisela! Pela sua resenha da para perceber que a série é bem fiel ao livro, como eu já tinha ouvido. Gosto bastante da série e tenho muita vontade de ler o livro, mas fiquei um pouco desanimada ao descobrir que são mais de 10 no total. Fico imaginando o que essa autora tem tanto a escrever. Quem sabe eu me animo e mudo de ideia.

    ResponderExcluir
  20. Ahhhhh estou querendo ver a série e ler os livros faz um tempo =D
    Li vários comentários positivos e a história e os personagens, tudo parece ser bem cativante.
    Quero muito ler. E a série é um sucesso =)

    ResponderExcluir
  21. Oi Gisela,

    Li este livro recentemente e minhas opiniões bateram muito com as suas. Apenas não gostei da parte do romance da Claire com o Jamie. Aliás, do romance em si eu gostei - é legal ver os dilemas éticos dela, pensando no marido que deixou no futuro - porém, achei que a autoria se estendia demais nas cenas "meladas". E, com isso, senti falta da fantasia. Mas, de forma geral, é um livro bom!
    A série ainda não vi, mas fiquei curiosa depois da sua análise de que é parecida com o livro.

    Abraços,
    Ruh Dias
    perplexidadesilencio.blogspot.com

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir