acompanhe o blog
nas redes sociais

29.10.15

#SemanaProibido - Negligência Familiar


"As obrigações são muitas. Tiffin precisa de uma calça nova, Willa de sapatos novos, as contas a pagar vão se empilhando, mamãe perde de novo o talão de cheques. Maya limpa, ajuda com o dever de casa, põe as crianças para dormir, eu faço as compras, cozinho, separo as contas, busco Tiffin e Willa na escola. Ninguém consegue domar Kit."

Talvez eu não deva colocar o abandono familiar como o exclusivo responsável pela paixão entre Lochan e Maya, mas acredito que contribuiu de fato para que tudo acontecesse de forma tão intensa. O pai deles abandonou a família, deixando a mãe com cinco filhos. A mão por sua vez, tornou-se uma alcoólatra que não cuida dos filhos, só lembra de deixar um cheque e vive perambulando pelas ruas atrás de homem. Por consequência disso Maya e Lochan se tornam o pai e a mãe de deus irmãos, eles tomam conta de tudo para que nada dê errado e para evitar que o conselho tutelar pegue todos e os separe. Por isso acho de grande relevância nós abordarmos um pouco o tema “negligencia familiar”

O que é negligência familiar?

Podemos dizer que nada mais é que uma situação de constante omissão dos pais e/ou familiares responsáveis para com a criança ou adolescente, situação essa que coloque em risco o seu desenvolvimento.

A negligência não é caracterizada apenas pelo abandono material, mas também o afetivo, como no caso de Proibido. A mãe de Lochan e Maya, sempre deixava um cheque ( ainda que o valor não fosse suficiente) para as despesas básicas, mas nunca estava presente para resolver problemas escolares, dar carinho ou para prestar auxilio no que quer que fosse.

No Brasil, a negligência familiar lidera o ranking de violações nos conselhos Tutelares. Dos casos de problemas de convivência familiar levado aos conselhos tutelares, quase 47% se refere a negligência dos pais.

A pratica da negligência não é tipificada pelo código penal, logo quem a pratica não pode ser punido. Mas esse é um caso serio a se pensar. A violência física, os maus tratos, sempre começa de algum ponto e muitas vezes a origem de tudo, pode se encontrar na negligência.

Então galera, vamos conscientizar nossos familiares, vamos mostrar a importância e participar ativamente da vida dos filhos, eu sei que muitas vezes é difícil encontrar um tempo para dar atenção no meio de um dia a dia cheio de afazeres, muitos precisam do auxilio de uma babá ou de creche, mas vamos lembrar que o responsável pela educação e formação do seu filho é você. Ainda que você saia de casa cedo e chegue muito tarde, arrume um tempo para brincar com seu filho no final de semana, leve-o ao cinema, ao teatro, ajude com a lição de casa, vá aos eventos da escolinha, são coisas tão pequenas, mas que no futuro terão um grande retorno.


Leia a resenha de Proibido

comentários pelo facebook:

5 comentários em "#SemanaProibido - Negligência Familiar"

  1. Gisela!
    Falar sobre negligência familiar é bem delicado, principalmente porque acredito que cada um de nós tem por perto um exemplo e nos sentimos incomodados em dar palpite, afinal, cada um é responsável por seus filhos; mas, que dá uma vontade de dar umas boas chacoalhadas, dá.
    “Tudo é precioso para aquele que foi, por muito tempo, privado de tudo.”(Friedrich Nietzsche)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  2. Oi Gi,
    Acheu super interessante a temática e discussão da postagem.
    E nossa, espero ter filhos na hora certa e poder ser uma ótima mãe e atenciosa.

    Espero ler esse livro em breve, parece ser polêmico, mas sempre leio elogios.

    tenha uma ótima sexta.
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir
  3. Gi, minha querida, o tema é fundamental, necessário, urgente. Há muito a ser discutido, ponderado e medidas precisam ser tomadas de maneira cuidadosa para proteger nossas crianças. Já li que adultos abusivos (e isso inclui abuso físico, emocional, psicológico ou sexual) foram crianças abusadas na infância, na grande maioria dos casos. Então é um problema que gera outros problemas futuros. Difícil.
    QUe bom vc abordar essa questão aqui, o livro PROIBIDO é chocante para tocar no assunto, merece a leitura, apesar de dolorosa.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. cara Gi, podemos perceber que a educação das crianças estão sendo transferidas dos pais para as escolas, como se a única obrigação fosse dar condições para a que a criança estude. pais negligentes nem são aqueles ausentes, mas aqueles que entregam o bem mais precioso que podemos ter com nossos filhos que é o "contato". o entender pelos olhos, um olhar perdido, tristonho, cansado ou radiante; pela forma como caminham, ombros eretos ou caídos; pela forma como cada filho nos recebe quando chegamos em casa, braços abertos querendo colo, desejando contar seu dia ou um distante "oi" em direção ao quarto. é preciso "contato", é preciso malhar juntos, dançar juntos, conversar muito, farrear, mas também incentivar, ralhar e chorar juntos. porque assim se cria laços, assim nos entregamos, pais aos filhos, filhos aos pais. eles são nossa prole, mas também nossa continuação, nossa perpetuação. então merecem atenção. negligência nunca!

    ResponderExcluir
  5. Estudo psicologia, e nesse curso aprendemos muito sobre isso, como a negligência dos pai, pode afetar os filhos de uma maneira que meche com a cabeça deles de uma maneira fora do comum, e quanto a presença deles e crucial na hora da criação e educação.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir