acompanhe o blog
nas redes sociais

12.8.16

Frozen, Vol. 1 - Série Mundo de Gelo, Coração de Fogo [Melissa de La Cruz e Michael Johnston]

Melissa de La Cruz e Michael Johnston
Ed. Bertrand Brasil, 2016 - 308 páginas:
      Bem-vindo a Nova Vegas, uma cidade antes repleta de brilho, agora coberta de gelo. Com grande parte do planeta agora destruído, o lugar só conhece uma temperatura: a congelante. Lá encontramos Natasha Kestal, uma jovem crupiê à procura de uma saída. Como muitos, ela ouviu falar de um lugar mítico simplesmente chamado de Azul, um paraíso onde o sol ainda brilha e as águas são azul turquesa — e um lugar onde Nat e seus semelhantes não serão perseguidos, mesmo que seu segredo mais obscuro venha à tona. Mas o caminho para o Azul é traiçoeiro, senão impossível de atravessar, e sua única chance é apostar em um grupo de mercenários liderados pelo arrogante Ryan Wesson para conduzi-la a seu destino. Ciladas e perigos os aguardam em cada esquina, à medida que Nat e Wes se veem inexoravelmente atraídos um pelo outro. Mas seria possível o amor verdadeiro sobreviver a mentiras?  

Onde comprar:

Frozen nos trás uma distopia, onde o mundo que conhecemos não existe mais. Várias tragédias assolaram a Terra e a última delas é o Grande Congelamento, que cobriu tudo de neve. A história se passa em Nova Vegas, onde conhecemos a protagonista Nat. Ela trabalha como crupiê em um dos maiores cassinos ainda existente, o A Perda, e está tentando fugir para um lugar místico chamado Azul. Nesse lugar ela não será perseguida pelo que é, uma marcada.

Os marcados são pessoas com poderes e tem olhos de uma cor diferente do normal e uma marca no corpo. Eles são perseguidos e trancafiados pelos militantes e às vezes usados como armas, a população aprendeu a temê-los e enxergá-los como monstros. Ela então contrata um grupo de mercenários para que a ajudem a fugir, é aí que ela se depara com Wes, o chefe do bando. A partir do momento que essa fuga começa, a vida de todos vira de cabeça para baixo, correndo o risco de não sobreviverem no final.

"Ela sentia o monstro dentro de si, sentia a sua raiva, impaciência e poder, mas ele vinha e ia como o vento e podia abandoná-la a qualquer momento. Em dias como hoje ela quase concordava com os conservadores das redes. Que a marca era uma maldição". (p.46)

Melissa e Michael criaram uma história incrível, mesclando a distopia com a fantasia. O mundo criado pelos autores é bem diferente do que conhecemos, apesar de parecer um futuro plausível. Metade da terra sucumbiu ao lixo e suas toxinas, sobrando apenas poucas partes habitadas. Nosso foco é em Nova Vegas, onde temos os personagens Nat e Wes.

Nat é uma marcada e está em busca de Azul, um mundo completamente diferente, onde não há guerras, preconceitos e nada de ruim. Um lugar onde ela não precisa se esconder. Apesar de todos acharem ser uma lenda, ela sente que é real e com a ajuda da voz que existe dentro de si ela vai atrás do mapa que pode levar ao seu destino. Enquanto isso, ela trabalha em um cassino para juntar dinheiro e consegui fugir. Nat é uma personagem que me apaixonei logo de cara. Sentimos o medo dela por conta de seus poderes, e principalmente, de ser descoberta. Apesar de tantas coisas ruins que acontecem, ela não desiste do seu propósito e nem de ajudar o próximo.

Wes é ex-militante e agora vive como mercenários, fazendo alguns trabalhos aqui e ali. Mas ultimamente ele tem estado em uma maré de azar, não conseguindo arrumar dinheiro para comer e nem sustentar o seu bando. Até que sua sorte vira ao descobrir que uma garota está querendo fugir. É a sua chance de descolar um dinheiro que pode sustentar a todos por pelo menos um ano. Wes é forte e decidido, e faz de tudo pela sua equipe. Apesar de ser um mercenário, tem integridade e isso é o que mais lhe chama atenção.

A jornada que esse grupo passa não é nada fácil e os autores pregam peça na gente várias vezes. O cenário descrito é bem real, fazendo com que consigamos imaginar perfeitamente tudo que está acontecendo. O livro é narrado em terceira pessoa e tem o ponto de vista dos dois personagens, o que ajuda a entender tudo que está acontecendo.

Eu não sou fã de distopia, mas Frozen me conquistou de tal forma que eu nem sei explicar. Comecei lendo achando que teria alguma relação com o filme da Disney e apesar de não ter nada a ver com a animação, ela me encantou completamente. Toda a parte mística inserida aqui é bem integrada ao mundo distópico e a cada ser mágico que conhecemos ficamos mais curiosos para descobrir mais sobre eles e suas capacidades. O livro trás bastante disso, a capacidade que temos em fazer algo, o que está bem inteirado nas ações de Nat e Wes (de formas distintas).

A leitura é mais do que recomendada. Se você gosta de distopia, fantasia e aventura, com certeza vai se deliciar com a história. O livro é bem rápido de ler (consegui em um dia, coisa rara), e você se envolve com os acontecimentos do início ao fim. Surge um romance no meio, mas ele fica em segundo plano, o que me agradou demais. O foco aqui é a jornada para chegar em Azul e todas as dificuldades internas e externas que eles vão sofrer.

Espero que deem oportunidade ao livro e se encantem por essa história maravilhosa. O livro tem continuação e estou doida para saber o que está por vir.


 Cortesia do Grupo Editorial Record
Gabriela Erler
Gabriela do blog Reino da Loucura, ou simplesmente Gabis. Germiniana, 22 anos, capixaba. Viciada em livros, séries, músicas e maratonas literárias. Apaixonada por azul, roxo e inverno. Formada em Pedagogia e se tudo der certo, futuramente Psicologia. Uma garota um pouco estressada que morre de medo do futuro.
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

18 comentários em "Frozen, Vol. 1 - Série Mundo de Gelo, Coração de Fogo [Melissa de La Cruz e Michael Johnston]"

  1. Quando eu vi o titulo do post achei que seria algum livro do filme (algo assim), fiquei com muita vontade de ler rs Vou garantir o meu através do link <3 Ganhou +1 seguidora, beeijos :*

    Venham conhecer (e seguir) o meu cantinho e curti a página no Facebook *-*
    Blog: Cantinho da Mari
    Facebook: Cantinho da Mari
    Instagram do blog: @cantiinhodamarii

    ResponderExcluir
  2. Olá, Gabriela.
    Eu curto distopias, mas, em geral, prefiro as mais políticas. Ainda assim, a sua resenha me chamou a atenção. Essa ideia dos marcados e de termos humanos usados como armas abre possibilidades interessantes para críticas.
    Talvez dê uma chance.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de agosto. Serão dois vencedores e um deles levará um vale compras!

    ResponderExcluir
  3. Oie,
    Essa é a primeira vez que vejo falar do livro, gostei muito fã premissa, e estou curiosa para saber como é para Nat viver nesse novo mundo, sem contar que essa história de marcado me deixou curiosa.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  4. Ohhh! Eu não conhecia o livro e sua resenha me deixou bem curiosa. Adorei! =O

    Beijos,
    Postando Trechos

    ResponderExcluir
  5. Olá, Gabriela! Não conhecia o livro e já estava aqui pensando que era algo relacionado ao filme rs. Parece ser interessante. Histórias ambientadas em um período pós-apocalíptico sempre chamam minha atenção. É chocante ver o que o ser humano é capaz de fazer qdo o que lhe resta é apenas a busca pela sobrevivência. Apesar de preferir distopias mais densas, fiquei curiosa para conhecer o universo criado pelos autores.

    ResponderExcluir
  6. Oi!
    Adorei sua resenha. Gosto muito desse gênero, histórias com aventura e fantasia, sempre são muito envolventes. Gostei da premissa e lendo sua resenha, mais curiosa fiquei. Já na lista de desejados. Ótima dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Até hoje nenhuma distopia despertou meu interesse por isso não li nenhuma, mas a trama de Fronzen acabou me interessando, acho que é porque também há o gênero fantasia presente. Sou não curti saber que o livro é escrito por mais de uma pessoa, geralmente livros escritos dessa forma me desapontam mas quem sabe eu arrisque a leitura futuramente...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Oi Gabriela!

    Eu tb não sou fça de distopia, mas se vc é como eu e gostou, então muito provavelmente eu goste. parece ter uma boa narrativa, darei uma oportunidade!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  9. Tbm achei que tetia algo a ver com Frozen da Disney,vi que estava errada kk. Olha depois desse resenha estou com muita vontade de ler, pois amo livros de aventura! Bjoos

    ResponderExcluir
  10. Eu também imaginava que o livro tinha haver com o filme, ainda bem que me enganei.
    Pelo resenha eu fiquei curiosa para ler ainda mais por seu distopia.

    ResponderExcluir
  11. Hum,Melissa de La Cruz,tem uma série dela sobre bruxas que quero ler.
    Esse título remete ao filme de primeira :p nem pensei que poderia ser uma distopia.
    Pela resenha entendi mais da trama,parece interessante sim.

    ResponderExcluir
  12. Oi Gabriela!
    Já tinha visto esse livro por aí, mas pela capa imaginei uma trama totalmente diferente, rsrs. Agora que sei que é uma distopia, despertou meu interesse pois é um gênero que curto bastante.
    Parece que essa é um tipo de leitura que nos mantém intrigado sobre o que está acontecendo. Ótima dica! Com certeza vai pra lista. :D
    Abraço!

    ResponderExcluir
  13. Olá Gabriela! Estou apaixonada por esse livro, tanto enredo, capa e leitura agradável me prenderam atenção, tenho lido mtos comentários positivos da série, qro mto conferir!
    Bjs!!

    ResponderExcluir
  14. Oi.
    É a primeira vez que vejo falar desse livro, e amei de paixão, também achei que teria alguma coisa haver com a animação, mas gostei de saber que não é a realidade, adorei a premissa e não vejo a hora de desfrutar dessa leitura.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  15. Eu também pensava que o livro tinha alguma relação com o filme da Disney, por isso não tinha me interessado em ir atrás. Só agora, depois de ler sua resenha, pude ver que não tem nada haver, e que parece ser um ótimo livro. Adoro distopias, e essa é diferente de outras que já li. Fiquei curiosa e o livro vai pra minha lista de desejados.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  16. Gabriela!
    Eu sou bem fã de fantasia e poder apreciar um livro da Frozen deve ser delicioso....
    Até tenho um Olaf...
    Quero ler.
    “O que importa afinal, viver ou saber que se está vivendo?” (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de agosto com 3 livros 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  17. Oi tudo bem..
    Ja havia lido sobre o livro e nao tinha me chamado atençao,gosto muito de distopias mas essa nao me atraiu assim como a capa.otima resenha.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  18. Esta é a primeira resenha do livro que leio. Não tinha lido nem a sinopse por achar que se tratava do filme da Disney. Como apaixonada por distopias fiquei muito interessada na historia do livro, apesar de ter pouco romance. Acho romance muito necessário :) Dica anotada!

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir