acompanhe o blog
nas redes sociais

8.10.18

O Sol Da Meia-noite [Jo Nesbø]

Jo Nesbø
Ed. Record, 2018 - 224 páginas
- "Jon Hansen está com os dias contados. E precisa fugir. Ele traiu a confiança de seu ex-chefe, o traficante mais poderoso de Oslo, que quer vê-lo morto. Uma dívida de sangue depois de um trabalho malfeito, ou, mais precisamente, não feito. Agora Jon, ou melhor, Ulf precisa se esconder. E é em um pequeno condado no extremo norte da Noruega que ele encontra refúgio. Em meio à comunidade local, ele se sente relativamente seguro e incrivelmente atraído por uma viúva cujo filho conquistou seu coração. Seus improváveis aliados o abrigam em uma cabana de caça na floresta. A companhia deles desperta no fugitivo algo que ele pensava que estivesse morto havia muito tempo... mas os dias intermináveis sob o sol da meia-noite, a solidão, a paisagem plana, monótona e desoladora vão, aos poucos, levando embora o que lhe resta de sanidade. Até o dia em que recebe a temida notícia de que os homens de seu caçador estão a caminho."

Onde comprar:

“Como devemos começar esta história? Queria poder dizer que vamos começar pelo começo, mas não sei bem quando a história se inicia. Assim como todo mundo, não tenho muita certeza da real sequencia de causa e efeito em minha vida.”

Depois de seis títulos lidos de Jo Nesbo, cada título (e só o título, diga-se de passagem) acaba despertando um frio da espinha por que você já imagina que a coisa vai ficar muito bizarra antes de se chegar a um desfecho.

No caso desse livro, o frio na espinha durou pouco: não apenas por se tratar de um livro mais fino do que os outros, mas também porque, apesar da capa sombria, lá para as bandas da Noruega, durante boa parte do ano, o sol aparece mesmo quando o relógio está marcando meia-noite, e, a partir do momento em que se internaliza isso, mais da metade da coisa assustadora do livro vai embora (risos).

Bem, essa história não é de Harry Hole, e sim de Jon Hansen, um homem que tem os dias contados por ter traído o maior traficante de Oslo com um trabalho malfeito, ou melhor, por um trabalho não realizado.

Para se esconder (ou, ao menos para tentar), ele foge para uma cidade ao extremo norte do país. A cidade é bem pequena, e ainda bastante marcada pela invasão alemã e russa durante a Segunda Guerra Mundial.

É em meio ao isolamento da cabana de caça que Hansen espera seu algoz, tendo companhia da expectativa de ser apanhado e da certeza de que receberá sua punição.

O Sol Da Meia-noite

Foi bem interessante ver a escrita de Jo Nesbo ser desatrelada a Harry Hole: os personagens não possuem semelhanças escancaradas nem a história de fundo é muito parecida. Ao mesmo tempo, o toque sombrio de Nesbo continuou muito presente e as reviravoltas da história continuaram inteligentes.

Para quem não quer se arriscar com os “trocentos” (mentira, até o momento, são doze) livros do detetive Harry Hole, esse é uma boa indicação para conhecer o autor.

Eu dou a dica de lerem “Sangue na Neve”, que, ao que parece, pertence à mesma série que este livro. Os livros são independentes, eu não li (ainda) “Sangue na Neve” e não tive problema nenhum em apreciar este.


Luíza Thereza
Capixaba de coração e de nascença, Bacharel em Administração e apaixonada pela literatura desde o primeiro "Era uma vez". Fã incondicional da fantasia e apreciadora inveterada dos romances, os autores Anne Rice, J. K. Rowling e J. R. R, Tolkien ocupam um lugar especial em minha estante.
Cortesia do Grupo Editorial Record
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

18 comentários em "O Sol Da Meia-noite [Jo Nesbø]"

  1. Oi, Luiza,

    A proposta do livro é significante, pois causa um frenesi no leitor ao longo das páginas. Ao todo, o enredo parece ter sido bem desenvolvido, encaminhado.

    ResponderExcluir
  2. Eu li Sangue na Neve e adorei! Aliás, tudo que traz a assinatura de Jo Nesbo é fascinante. A cada página a gente meio que fica com o coração na mão, afinal, por mais simples que seja o roteiro, o autor parece que consegue sem esforço, dar aquele ar de suspense na coisa.rs
    E as capas e títulos seguem realmente um padrão. E são belíssimos!
    Ainda não tinha lido nada a respeito deste trabalho, então, vai para a lista de desejados.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. A capa já é meio bizarra, não quero nem imaginar a leitura.
    Nunca li nada do Jo, não faz muito o meu estilo.
    Legal saber que é um livro curto, para quem tem interesse de conhecer a escrita do autor, essa seria uma boa opção.
    Mas é uma pena que a parte bizarra acaba rápido, seria mais empolgante para os amantes do gênero.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi, Luíza
    Ainda não li nada de Jo Nesbo.
    Mas vejo muitos comentários sobre seus livros, O Sol da meia noite parece ser uma leitura mais de suspense leve que podemos apreciar a leitura sem medo, apenas com curiosidade.
    Espero poder ler em breve.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi Luíza!
    Eu sem saber, corri pra ler Boneco assassino, não sabia que fazia parte de uma série do autor, li, amei e agora estou doida pra ler a série inteira, agora este livro tbm, que desde que bati o olho me prendeu.
    Espero ter oportunidade pra conhecer mais obras do Nesbo...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  6. Olá, só tive a oportunidade de ler uma obra obra de Nesbo e gostei bastante de sua escrita. O autor consegue prender quem está lendo com a constante inserção de novas informações que deixa a trama irresistível. Essa obra parece seguir essa mesma linha, sendo que o leitor não se decepciona com a caracterização dos personagens, ainda que aparentemente estes sejam desprovidos de muitos detalhes. Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Olá! Acredito que esse seja um bom livro para começar a ler Jo Nesbo, por ter menos páginas, torna-se uma leitura mais rápida, o enredo parece ser cheio de suspense, imagino como será angustiante para Hansen aguardar sua punição.

    ResponderExcluir
  8. Eu gosto dos livros do Jo Nesbo, já li Sangue na Neve e gostei bastante. Se esse livro faz parte da série deve ser bom também. Aliás, assisti ao filme Sangue na neve mas o livro é bem melhor.
    Querendo muito ler O Sol da Meia Noite

    ResponderExcluir
  9. O Sol da Meia-Noite por ser um livro curto, é ideal para quem deseja conhecer a escrita do autor. Eu particularmente gosto muito do gênero, mas o livro não me chamou tanta atenção.

    ResponderExcluir
  10. Oi Luíza,
    Ainda não tive a oportunidade de conferir a escrita de Jo Nesbo, mas é algo que quero muito fazer. Confesso que fui ficar mais consciente com os livros do autor depois que saiu a adaptação de Boneco de Neve, mas pelo o que já pude acompanhar, suas história são bem do tipo que gosto de ler. Se envolver com a máfia, não deve resultar em nada de bom mesmo, mas arriscar a sorte ao não cumprir com serviço é loucura. Mas pior que isso é viver na espera de quando ou se será capturado por seu caçador e é essa expectativa que faz a premissa de O Sol Da Meia-Noite ser tão interessante. A ambientação é algo diferente das que estou acostumada nos livros e essa característica física do lugar deixou a trama menos sombria do que eu esperava. O que não é ruim, só trás uma perspectiva diferente do que é viver com medo da captura.

    ResponderExcluir
  11. Luiza!
    Bom poder ver a versatilidade de um autor, ao trazer o protagonista de toda a série, porém contando a história de outro protagonita ness livro e ainda continuar com a escrita fluida que faz o leitor acompanhar tudo de maneira tensa, porque quer tentar desvendar as tramas,e, envolvê-lo de forma fenomenal.
    “Felizes são aqueles que não se deixam levar pelos conselhos dos maus.” (Salmos)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA OUTUBRO - 5 GANHADORES – BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  12. Eu ainda não li nada do autor, mas sempre leio elogios e, claro, estou ansioso pra conhecer. Gostei do enredo, mas gostaria de começar pelo Sangue na neve, que até já estava aqui na minha listinha.

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Eu ouvi fala muito desse escritor e quero muito ler os livros dele..Sei que a trama é muito boa e o gênero suspense e mistério esta me encantando muito. Espero ler logo!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  14. Oi, Luiza!
    Não li nenhum livro do Jon Hansen, nenhum realmente me interessou.
    Quanto a O sol da meia-noite, achei a trama bem sombria, o que não faz o meu estilo de leitura... Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Gosto bastante disso de o livro se conectar tanto com o leitor a ponto de deixa-lo apreensivo. Acho que é meio raro no gênero. Confesso que não conheço o autor, mas gostei bastante da ideia do seu livro e do fato de conquistar tanto com suas palavras. Provavelmente começarei por esse livro.

    ResponderExcluir
  16. Oi, Luiza!!
    Acredita que ainda não li nenhum livro do Jo Nesbo?! Pois, é ainda não conseguir ler nenhum desses doze em que o detetive Harry Hole é o personagem principal, e por que gosto bastante de livros de investigação policial..
    Bjos

    ResponderExcluir
  17. Do JO NESBØ só li boneco de neve e gostei bastante do suspense,esse ainda não tinha visto...

    ResponderExcluir
  18. Único livro do autor de fato que ele foi boneco de neve e baratas e foram definitivamente obras de grande significado para mim não conheci o outro até então ele é dois livros dele seguidos cuja história e desenrolar conseguiram captar a atenção do início ao fim foi realmente uma boa surpresa

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir