acompanhe o blog
nas redes sociais

5.7.19

O Livro do Cemitério HQ Vol.1 [Neil Gaiman]

Neil Gaiman
Cortesia da Editora Rocco

Esse quadrinho é uma adaptação da história do Neil Gaiman. Eu li o livro recentemente e estava muito empolgada para saber como iriam adaptar essa história, e já adianto que amei demais. Pra mim, todas as histórias do Neil Gaiman funcionam muito bem na versão de livros e de quadrinhos.

O Livro do Cemitério HQ Vol.1
Título: O Livro do Cemitério HQ Vol.1
Autor: Neil Gaiman
Ilustrador: Kevin Nowlan
Editora: Rocco Jovens Leitores
Gênero: Fantasia e Terror para Adolescentes
Páginas: 174
Edição:
Ano: 2019
Onde comprar: Amazon

Ninguém Owens era um bebê quando chegou ao cemitério, no dia em que sua família foi assassinada. Um casal de fantasmas o acolheu e ele adquiriu a Liberdade do Cemitério, que o permitia conviver com os mortos e lhe protegia dos vivos – principalmente daqueles que fizeram mal à sua família. Com sua nova família e seu guardião, ele vai começar a aprender mais sobre a vida do cemitério e entender que lá é o único lugar que o deixará seguro.

A história foi adaptada para um quadrinho de dois volumes e nesse primeiro nos acompanhamos o início da vida de Nin. Ele acaba se tornando uma criança bastante curiosa que vai aprendendo sobre como funciona a vida do cemitério e um pouco sobre seus integrantes.

Neil Gaiman

Nin é uma criança adorável e é muito gostoso acompanhar o seu crescimento e as coisas que aprende. O cemitério é toda a sua vida e é engraçado notar o quão ele gosta dessa vida com os mortos. Todos os personagens que interagem com ele são bem legais e quero destacar o Silas, seu guardião, no qual sabemos tão pouco, mas que tem tanta importância na vida do protagonista.

Cada capítulo é como se fosse uma miniaventura e esse formato funcionou muito melhor em quadrinho do que no livro. O fato de cada capítulo ter sido ilustrado por um artista diferente é um diferencial que deixou a história ainda mais rica. Mesmo com os traços diversos, é nítido como elas se encaixam e se completam.

O Livro do Cemitério HQ Vol.1

Eu adorei essa adaptação e recomendo bastante à leitura. É uma história que fala sobre o amor e sobre a morte com uma sensibilidade incrível e por mais que seja uma história infantil, ela é grandiosa nas mensagens que passa.

comentários pelo facebook:

12 comentários em "O Livro do Cemitério HQ Vol.1 [Neil Gaiman]"

  1. Olá,
    Faz tanto tempo que eu li um hq que nem lembro qual foi e quando foi.
    Nunca li nada do Neil Gaiman, apesar de já ter visto muita coisa sobre ele, nem tenho vontade de ler :/

    ResponderExcluir
  2. Sou fascinada pelo trabalho de Neil e foi gostoso demais viajar na resenha acima. Que ilustrações lindinhas e todo este universo criado pelo autor.
    Sabe, quando eu era criança e perdi meu avô, meu sonho era morar no cemitério. Me recordo que na época, andei até olhando umas "casinhas" lá e me imaginando vivendo ali. Sei lá, na minha cabeça era o jeito do meu avô continuar me protegendo.
    Eu tinha uns 8, 9 anos...
    Por isso, adorei muito tudo que li acima e já abracei Nin!!!
    Listinha de desejados com certeza.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. O colorido da HQ da leveza e fluidez a história de Nin. Que apesar de ter todos os elementos de uma história macabra traz uma mensagem, que cativa e intriga o leitor. Coisa que só Neil Gaiman sabe fazer com maestria.

    ResponderExcluir
  4. Nossa, faz bastante tempo que li esse livro e foi um dos primeiros livros do GAiman que eu li. Amei ter conhecido a história do Ninguém ou Nin.
    Interessante terem adaptado para os quadrinhos essa história tão bonita. Não sou muito adepta de quadrinhos mas para quem é fã acho que será uma excelente leitura.

    ResponderExcluir
  5. Oi Gabi, acabei de ler a HQ ontem e fiquei apaixonado pelo lado macabro e ao mesmo tempo singelo da história! Primeiro contato que tenho com a obra de Gaiman com gostinho de quero mais
    Beijos,
    André Gama
    http://www.gaeotosperdidos.com

    ResponderExcluir
  6. Olá Gabriela!
    As histórias de Gaiman excedem a originalidade, e a HQ consegue entregar muito bem todo esse mundo fantástico criado pelo autor, sem deixar de fazer algumas críticas, o que deixa a experiência ainda melhor. Uma vez que cada capítulo apresenta uma aventura diferente de Nin, a leitura não se torna cansativa em nenhum momento, e isso faz com que devoremos a obra.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Até hoje não li nada do Neil.
    Não leio muito hq, mas essa parece ser boa; fiquei curiosa para ver essas ilustrações diversas; eu sentiria falta de um padrão nos traços.
    Gostei da mensagem que a história traz.

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Olá :)
    Acredita que ainda não li nada do Neil Gaiman! Preciso mudar isso urgentemente haha
    Os gráficos da HQ são lindos (dá pra ver isso nas fotos), e a história é bem interessante pois adoro esses temas mais darks. Acho que vou adorar a história do Nin!
    Achei bem legal que cada capítulo é ilustrado por um artista diferente, pois acho que nunca vi uma HQ nesse formato.
    Bjos

    ResponderExcluir
  9. Olá! Muito bom saber que a história funcionou ainda mais nessa adaptação em quadrinhos, esse é um gênero que estou me acostumando a ler mais, e esse parece ser ter uma história bem gostosa de acompanhar, mesmo com um cenário um tanto mórbido e esses personagens diferentões.

    ResponderExcluir
  10. Oi Gabriela,
    Nunca li nada do Neil Gaimam, mas consigo entender o porque dele cativar tantos fãs. Só suas premissas já são suficientes para instigar o leitor. Em nossa realidade seria impossível imaginar uma criança vivendo em um cemitério e sendo tão receptiva com isso, pois para nós quase sempre nos é passada a ideia de que o locar serve só para aterrorizar. Mas neste contexto tudo funciona muito bem, temos um bebê que só conhece o cemitério e para ele isso é a normalidade. Dessa forma não somos inseridos em uma história de terror, mas sim em uma história infantil cheias de ensinamentos e lições, como deve ser. Adorei que cada aventura foi ilustrada por um artista diferente, pois além dos diversos traços cada artista pode dar sua visão para a história.

    ResponderExcluir
  11. Tem bastante tempo que não leio quadrinhos. Tenho livros desse autor, mas ainda não li, mas sempre leio comentários positivos sobre ele. E essa história em quadrinhos chamou muito a minha atenção, bem diferente uma criança ser criada dentro do cemitério, me amarrei e quero muito ler.

    ResponderExcluir
  12. Olá Gabriela!
    Ainda não li nada dessa autor mas super curto quanto as editoras lançam o livro normal e HQ de uma mesma história. É impossível não criar empatia por esse menino que desde bebê passou por tantos apuros e foi amparado pelas entidades ocultas que vivem no cemitério. Acho bacana cada história ter um ilustrador, assim conhecemos o trabalhos de vários artistas em uma única obra.
    Beijos

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir