acompanhe o blog
nas redes sociais

21.4.22

[Bookserie] O Vaporcello, a Musicista e a Mecanoide: Parte 4: Valéria


O Vaporcello, a Musicista e a Mecanoide

Parte 4: Valéria

Este é o quarto e último capítulo da Book Série de fantasia: O Vaporcello, a Musicista e a Mecanoide do autor André Luis Barreto, composta de 4 capítulos. No final da postagem você encontra o botão "Anterior" para voltar para o terceiro capítulo

Sinopse:
Valéria é uma jovem musicista em início de carreira. Após ser surpreendia por quem menos esperava, ela recebe uma encomenda inusitada que vai mudar sua vida para sempre.

Inicio:

Acordou lentamente. Sentiu a agulha enfiada em seu braço esquerdo e viu a lâmpada amarela no teto. Ouviu o “bip” do monitor de sinais vitais e virou de lado, surpreendendo-se ao ver Cármem, sua mãe, sentada ao lado da cama

— Val! — A mãe gritou surpresa e feliz.

As lembranças vieram como um furacão: o vaporcello, Tempesta, a batalha no castelo, o terrível bruxo, tia Lúcia e o menino com asas de anjo. Ainda podia ouvir os tiros da batalha e a voz assustadora de Kaladan. Então lembrou-se do toque, o toque místico do menino-anjo, que em um segundo envolveu o corpo mecânico de Ariadne e a mandou de volta para casa, deixando Amisthea e Tempesta para trás, em Ellora. Mas as palavras da Paladina Prateada ficaram marcadas em sua mente, e em um impulso voltaram à tona:

Obrigada, querida sobrinha. Ellora tem uma dívida com você. E jamais se esqueça: os Sete Deuses sempre vão estar ao seu lado.

Uma lágrima escorreu no rosto de Valéria, e ela rapidamente a enxugou. Nunca mais iria chorar na vida, prometeu a si mesma. Finalmente olhou para Cármem:

— Mãe? O que aconteceu? Por que estou aqui?

— Querida, você não se lembra? Parecia que seu apartamento estava pegando fogo. O porteiro chamou os bombeiros e eles te encontraram no meio de uma nuvem de fumaça. Você está aqui tem três dias, e só acordou agora. Os médicos já não sabiam mais o que fazer. Mas graças a Deus você voltou!

— Três dias? — ela sentou-se na cama, incomodada com a agulha.

— Minha filha!

Paulo, o pai, entrou na sala com um sorriso radiante, seguido por Jorge, que trazia um buquê de flores já meio murchas.

Ao observar o namorado, o sangue de Valéria ferveu. Ela se colocou de pé e ele sorriu, abrindo os braços e caminhando em sua direção.

— Valéria, querida! Fiquei muito preocupado com você, ainda bem que nada grave aconteceu!

— Seu cínico de merda!

Valéria fechou o punho e flexionou o braço para trás, então desferiu um soco certeiro contra o rosto de Jorge, que caiu desnorteado. O suporte do soro por pouco não atingiu Cármem, que ficou perplexa juntamente com Paulo. Assustadas com o barulho as enfermeiras entraram na sala e ficaram perplexas ao ver, no rosto de Valéria, um sorriso de satisfação.

Fim

Siga o autor no Instagram: @albarreto.escritor

Para navegar entre os capítulos clique sobre o botão "Anterior" disponível abaixo.

[Anterior]

18 comentários em "[Bookserie] O Vaporcello, a Musicista e a Mecanoide: Parte 4: Valéria"

  1. Oi, André! Gostei muito de acompanhar a aventura de Valéria e esse universo mágico que vc criou! Valéria não deixaria barato no final rsrs. Parabéns!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Larissa! Foi um conto curto, mas bem massa de escrever.

      Excluir
  2. Final bem amarradinho!
    Amei. Pena que foi curtinho. Que venham mais histórias

    ResponderExcluir
  3. Como assim??? Foi real, não foi real?
    Ah...quero mais, preciso de mais história, pelamor André. Isso não se faz com quem veio em ritmo frenético em três episódios.
    Rsrsrsrs nos pegou direitinho!!!

    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahahaha, foi curtinho né, mas era essa a ideia. Muito obrigado! Abraços!

      Excluir
  4. Que desfecho para a Valéria hein! Forte e poderoso, adorei.

    Danielle Medeiros de Souza
    danibsb030501@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  5. AAAAAH Esse parágrafo final, sensacional! Gostei de conhecer a história da Valéria, você conduziu muito bem e o desfecho foi incrível.

    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Muito bom conhecer um pouco da história da Valéria!
    O soco, Meu Pai kkkk

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. André!
    Uauuuu!
    Que final surpreendente!
    Confesso que não esperava de forma alguma, mas valeu muito a pena.
    Parabéns!
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, Rudy! Muito grato pela sua leitora! Abraços!

      Excluir
  8. Olá
    Que pena que já acabou !Ficou com gostinho de quero mais!!
    Parabéns André !!

    ResponderExcluir
  9. Olá! Ahhh que estamos sempre nesse dilema né, gostar de histórias curtas, pois não nos fazem sofrer muito em descobrir tudo que aconteceu (principalmente quando têm mistérios e ação), e no final ficar com aquele gostinho de quero mais (#quemnunca), adorei a história da Valéria, ainda mais essa parte final em que ela mostrou todo seu girl power!

    ResponderExcluir
  10. Ahhh que esse sorriso de satisfação não ficou só na Valéria não, escrevendo aqui para lá de satisfeita com esse desfecho, como diria meu professor, ponto positivo para a Valéria, ufa que calmaria veio (risos).

    ResponderExcluir
  11. Oi, André
    Uaaaau!!! A Valéria arrasou muito!??
    Foi um final eletrizante e carregado de emoção, além de ficar com aquele gostinho de quero mais!!!
    Parabéns!!
    Bjs

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir