acompanhe o blog
nas redes sociais

23.5.22

Tempestade Selvagem, vol. 02 - Série Mulheres Pioneiras [Beverly Jenkins]

Beverly Jenkins

Cortesia da Editora Arqueiro

Oi pessoal, hoje vou falar com vocês sobre o segundo livro da série Mulheres Pioneiras – Tempestade Selvagem. Vou confessar que me apaixonei pela escrita da autora e também pelos personagens, pela época da história americana descrita, por ela mostrar a verdadeira realidade que mulheres, pessoas negras e índios viveram durante a história e que tristemente podemos ver ainda nos dias atuais.

Tempestade Selvagem
Título: Tempestade Selvagem
Autor: Beverly Jenkins
Tradutor: Dandara Morena
Série: Mulheres Pioneiras
Editora: Arqueiro
Gênero: Romance Histórico
Páginas: 291
Edição:
Ano: 2022
Favorito
Onde comprar: Amazon

Garrett McGray percorreu o mundo como oficial da Marinha, onde apenas durante a guerra não era diferenciado por sua cor de pele, agora trabalhando como jornalista para ajudar ao pai na publicação de jornais para a população negra, viaja de Washington para a cidade de Paradise, no Velho Oeste, a fim de entrevistar um médico de destaque negro para tentar dar mais visibilidade ao jornal do pai na capital.

Para concluir a sua viagem, ele precisou percorrer os caminhos finais até Paradise a cavalo, porém não contava com a imensa nevasca e que fosse sofrer uma queda. Quando ele é socorrido por uma impressionante mulher e levada para a sua casa, ele fica ainda mais surpreso e encantado ao descobrir que ela é irmã do Dr. Colton Lee, o médico a ser entrevistado. Ela é simplesmente fascinante e ele gostaria de saber tudo sobre ela.

Spring Lee é uma jovem mulher que aos dezoito anos precisou se virar para viver de forma sozinha e independente após ser expulsa da casa de seu avô por não querer se casar. Ela conseguiu sobreviver e adquirir seu próprio pedaço de terra e sua casa e leva a vida como quer. Sem amor, sem compromisso. Mas seu passado turbulento e escandaloso será remexido com a chegada do jornalista enxerido e se vê tendo sua vida e seus desejos bagunçados.

“– E, Spring, seja gentil. Um homem disposto a lutar com a senhorita por uma porta não é de se jogar fora. (...) Um tanto pasmo, Garrett se virou para Spring, que esbravejou: - Abra a maldita porta, McGray. Ele abriu, e Odell e os amigos aplaudiram.”

Como conciliar o imenso desejo que cresce entre eles com tantas diferenças, como Spring poderá manter seu coração separado, quando ele a trata com tanta cortesia e cuidado mesmo ela não querendo e também não precisando. Como Garrett pode se manter distante da primeira mulher que lhe arrebata o fôlego e os sentidos com sua independência, coragem e força?

Mais uma vez temos uma história com personagens cativantes desde o casal principal aos secundários, uma trama curta, mas muito bem elaborada e contada, que só lhe deixa com um gostinho de quero mais, mesmo tendo um final lindo. Lições fortes contadas através de fatos históricos que não podem ser esquecidos em meio a um romance forte e ardente.

“No caminho de volta para a pensão de Dovie, Garrett pensou na entrevista com Colton Lee. O médico era impressionante não só por seus feitos, mas também por não se achar superior a ele, que tinha sido escravizado. Algumas pessoas que haviam nascido livres agiam assim. E, no Leste, essa situação influenciava o modo como você era visto no seu círculo social e também no momento de arrumar um emprego.”

Uma história sobre pessoas quebradas que vêm seus corações e suas vidas mudadas através do verdadeiro amor que pode e dever haver entre família, amigos e também o amor real entre um homem e uma mulher baseado em respeito, carinho e cuidado. Uma história sobre perdão, sobre lutar pelos seus sonhos.

Em se tratando de um romance de época, tudo o que falei não é nenhum spoiler, a emoção está no enredo da história, nas características e atitudes de cada personagem, no desenrolar dos fatos, nas decisões tomadas, o final feliz é um fato conhecido que só torna a história melhor. Para mim uma história completa num romance maravilhoso.

Quero ler tudo que a Beverly escreveu, que vontade de continuar no universo destas histórias lendo sobre os outros personagens, como eles chegaram até este momento do livro. Obrigada Arqueiro por estas publicações, por favor, publiquem o restante. Completamente apaixonada.

Boa leitura e até a próxima.

Carolina Finco | Blog Pretenses

Se você quiser conhecer um pouco sobre o livro anterior desta série, clique na capa para ler a resenha:


12 comentários em "Tempestade Selvagem, vol. 02 - Série Mulheres Pioneiras [Beverly Jenkins]"

  1. Oi, Carolina! Que bacana vc trazer mais uma resenha dessa série que parece ser bem cativante. Pelo visto, até ficarem juntos, Spring e Garrett irão enfrentar alguns dilemas internos. Uma história cheia de emoção.

    ResponderExcluir
  2. Me apaixonei pela escrita da Beverly com Ventos de Mudança. E Tempestade está na minha wishlist! Prevejo uma história emocionante, com a dose certa de drama e romance

    ResponderExcluir
  3. Eu ainda não li esses livros, mas só leio elogios e isso que importa, aliás, representatividade importa sim e muito!!!
    Penso que não é apenas o romance, mas é o recomeçar dos personagens, os corações quebrados tentando se restaurar e ao mesmo tempo, a força de uma mulher negra em uma época onde tudo era muito mais complicado, tanto para uma mulher, ainda mais como uma mulher negra!!
    Com toda certeza do mundo, espero ler ambos!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  4. O legal dessa série é que além de nos apresentar mulheres a frente do seu tempo, empoderadas, ainda nos permite conhecer uma realidade diferente da nossa pelo tempo e local em que se passa, e isso nos desperta a consciência para assusntos importantes.

    Danielle Medeiros de Souza
    danibsb030501@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá!

    Estou com muita vontade de ler o primeiro livro dessa série, achei a história muito intrigante, e só vejo as pessoas falando bem!
    Não sei se tenho muita vontade de ler esse segundo, vou ler o primeiro para me decidir kkkkkk

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Ah, já estava interessada após ler tantas resenhas positivas sobre o primeiro livro, agora você me deixou mais empolgada. Amei saber sobre essa sequência, a época em questão e toda a premissa me chamam atenção, bom saber que considera uma obra completa.

    Abraços

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Que delicia ler uma resenha assim .Já tenho o primeiro livro e espero adquirir em breve.Amo essas tramas com fundos históricos ambientados nos EUA porque sempre trazem a realidade de mulheres fortes e determinadas .

    ResponderExcluir
  8. Carolina!
    É o tipo de livro que mais amo ler, quando há representatividade, é de época, onde podemos apreciar a ambientação e vestuário diferente, sem contar com a história em si, um romance que deve ser maravilhoso e bom de ser lido.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  9. Oi, Carolina!
    Tempestade Selvagem parece ser uma história bem intensa, com personagens sofridos e fortes... Confesso que histórias assim não faz muito o meu estilo, prefiro livros do tipo mais leves, sem dramas; acho que é por isso que não me interessei em conhecer mais da história de Garrett e Spring.
    Bjos!

    ResponderExcluir
  10. Estou apaixonada por essa série. Tem muitas diferenças em relação as outras historias que conhecemos e protagonistas inesquecíveis. Quero muito conhecer cada livro.

    ResponderExcluir
  11. Ahhh que eu não vejo a hora de finalmente me jogar na escrita da autora, afinal, estamos falando meu gênero literário favorito e trazer essa temática é sem dúvida um refresco a mais para pessoas como eu que são sedentas por romances (risos), já fiquei encantada com a mocinha e claro nosso mocinho, os suspiros já estão garantidos e o melhor é saber que além do romance, há também momentos de muita reflexão.

    ResponderExcluir
  12. Oi Carolina,
    Virou livro favorito? É tão bom encontrar leituras assim, não conhecia, vou dar mais atenção a autora.
    É sempre acalentador ler sobre alguém lutando por seus sonhos ^^

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir