acompanhe o blog
nas redes sociais

23.9.14

Música do Coração, Vol. 1 - Série Runaway Train [Katie Ashley]

Música-do-Coração
Ed. Pandorga, 2014 - 320 páginas:
      Abby Renard pretende se juntar à banda de seus irmãos na última etapa da turnê de verão. Tudo seria muito simples, ela decidiu que se tornaria o quarto membro do grupo. No entanto, na manhã em que encontraria com seus irmãos no ônibus da banda, ela recebe informações que a faz embarcar com sua guitarra e bagagem em um ônibus de turnê errado na Rock Nation, e acidentalmente cai na cama de Jake Slater, um vocalista mulherengo da aclamada banda Runaway Train. Jake Slater nunca imaginou que o anjo que caiu em sua cama resistiria aos seus encantos e muito menos lhe daria uma joelhada no meio das pernas. Naturalmente, o fato de que ela parece uma menina toda certinha e pudica faz com que ela não se encaixe em seu tipo de garota.  

Onde comprar:

Música do Coração é o primeiro volume da nova série da autora Katie Ashley, que venho acompanhando desde que li seu delicioso "A Proposta". Aqui ela mantém seu estilo voltado para o público New Adult. A fórmula é velha conhecida deste público, garota bonita e ingenua que conhece um famoso musico de banda, garanhão e mulherengo.

Abby tem 21 anos, é a caçula de uma família onde os pais são missionários e os três irmãos integrantes de uma banda de rock cristão chamada Jacob´s Ladder. Com a saída do irmão mais velho e vocalista da banda para se casar, Abby é convidada a substituí-lo. Em meio a uma turnê já iniciada, vai encontrar com seus irmãos, Gabe, Eli e Micah, mas acaba entrando acidentalmente no ônibus errado. Só se dá conta disso no dia seguinte, quando entra no quarto onde eles deveriam estar dormindo e se depara com o rockstar Jake Slater, vocalista mulherengo da aclamada banda Runaway Train.

Tudo acontece muito rápidamente em meio a confusão que é formada, Abby conhece os outros três integrantes da Runaway Train, AJ, Rhys e Brayden e entre esclarecimentos e telefonas para seus irmãos, comunicando o acontecido, Abby é desafiada por Jake a ficar uma semana acompanhando-os pela turnê. Como não foge de uma boa briga, acaba fazendo a besteira de aceitar, e aí é que mora o perigo. Mesmo não sendo uma groupie ("uma pessoa que busca intimidade emocional e/ou sexual com um músico. O termo, utilizado pela primeira vez em 1967 para descrever garotas que perseguiam lascivamente integrantes de bandas de pop ou rock"), ela será capaz de não se deixar envolver pelo sedutor vocalista?

"- Ah, por favor. Você caiu desmaiada após dar uma olhada nos caras, caralho! Isso sem falar que você correu com sua calcinha rendada no segundo que beijei você.
- Está querendo dizer que não aguento viajar nesse ônibus?- ela contestou"

Sim, sei que é bem clichê, mas já me encantei com o estilo da autora, leve, descompromissado e com diálogos divertidos. Abby é uma figura, mesmo inexperiente no aspecto amoroso, não é bobinha, pois devido a profissão dos pais, já morou em vários países subdesenvolvidos (inclusive o Brasil, agora considerado emergente) dando a menina bastaste experiencia de vida. Alguns podem não gostar dela, por estar sempre perdoando as besteiras que Jake apronta, por imaturidade e insegurança, mas ao meu ver, este aspecto é um ponto positivo, pois mostra o quanto ela é madura para sua idade.

O livro alterna os capítulos ora com a narrativa de Abby, ora com a de Jake, o que achei bem interessante, pois permitiu ver o situações por dois ângulos diferentes. Os outros integrantes da banda, assim como os irmãos de Abby são uma diversão a parte.

A Série Runaway Train já tem mais dois livros publicados nos EUA, contando as histórias dos outros integrantes da banda: AJ Resendiz e Rhys McGowan, além dos contos intermediários, um com Abby e Jake, outro com Brayden. 

       


Cortesia da Editora Pandorga

Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!

*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

15 comentários em "Música do Coração, Vol. 1 - Série Runaway Train [Katie Ashley]"

  1. Eu acho a proposta desse livro bastante inusitada, nunca tinha lido nada parecido. Apesar de não ser meu gênero literário preferido, acho que a autora conseguiu dar um charme diferente a sua história, e isso a deixa um pouco mais atraente até mesmo para mim. Acho que daria sim uma oportunidade ao livro.

    ResponderExcluir
  2. Certo, essas capas já conquistaram meu coração! rs
    Gostei bastante da proposta do livro. Apesar de todos os possíveis clichês, a narrativa parece bem envolvente, assim como os personagens.
    Aliás, realmente a autora conquistou muitos leitores depois de "A proposta". Infelizmente ainda não tive a chance de ler, mas pretendo!!
    bjs

    ResponderExcluir
  3. Já li o livro pela internet e amei! É um clichê bem diferente que nem chega a ser tãão chichê (rsrs).
    Gostei muito!
    Um beijo da Anne do twinswithbooks.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Eu ainda não consigo me interessar tanto por esses livros.... a unica coisa que me chama atenção neles são as capas... e não tem como não chamar....hotissimas.

    ResponderExcluir
  5. Interessei-me pelo livro mesmo você dizendo que é uma história clichê, o único problema é ser uma série, e pelo que entendi só tem esse livro publicado aqui no Brasil, vou esperar a publicação dos próximos, pois fico ansiosa para esperar continuações literárias e também para ter certeza se quero ler os livros!

    ResponderExcluir
  6. Acho singular o enredo do livro, tá não é tão assim... mas achei bacana. Eu nunca li nada assim. E fiquei bem curiosa. Já fiquei com uma certa empatia pela protagonista, Abby, personagens maduros é o que há. Já percebi que ela não é de mimi, gostei disso. Agora está meio que virando moda livros do gênero terem narrativas intercaladas ora por um personagem, ora por outro. E particularmente, eu gosto disso.
    Ainda não li nada da autora, mas em breve farei. Com certeza.

    ResponderExcluir
  7. Acho que o que me chamaria a atenção em lê-lo é essa questão da narrativa ser leve, divertida e descompromissada. Pois, se formos olhar a questão de originalidade, já vemos que isso passou um pouco longe daqui. kkkkk

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  8. Acho que pra passar o tempo é um bom livro mas não é nada que vá mudar a vida de ninguem com certeza, meio que igual a todos os outros.

    ResponderExcluir
  9. Eu não conhecia o livro, mas a obra me lembrou muito O segredo de Ella & Micha. Ela mais recatada, na dela e que se apaixona por um vocalista de uma banda. Achei a história bem parecida, mas, no final, não gostei do livro.
    Gostei da resenha, mas não me interessei pela obra não.

    ResponderExcluir
  10. Eu achei interessante, gostei da capa (até, hehe). Eu achei a série longa e isso me deu preguiça. As outras capas, em especial a última, eu achei mega exagerada, muita pele, chega a ser cafona.Não gosto de ter livros assim na minha estante.
    Falando da estória, eu curto quando envolve música. Eu tenho uma queda por músicos e achei a protagonista muito divertida e nada mimizenta!

    ResponderExcluir
  11. Estou cansada dessa fórmula e ainda sendo série, passo longe, rsrs.
    O ponto positivo que vi é a questão dos diálogos serem divertidos.

    ResponderExcluir
  12. Gostei demais da tema central dessa história... E não me importaria nem um pouquinho de estar no lugar dela kkk Pelo jeito o Jake é um gatooo! \o/
    Não sou muito fã das mocinhas que abaixam a cabeça e praticamente dizem amém pro cara, mas depende muito da situação tbm...
    Vou ler assim que puder e ver se gosto tanto quanto estou imaginando! :D
    Kisses =*

    ResponderExcluir
  13. Já tinha vontade de ler esse livro agora fiquei mais ainda!!!
    Ainda não tinha lido nada a respeito do livro, só tinha gostado da capa e do titulo do livro!
    Vamos ver se vou gostar mesmo do conteudo!
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Eu gosto de livros rock band, mas estou cansando porque os temas não mudam. Quero terminar as séres que comecei. Eu já li a Proposta e foi tão previsível, não vou arriscar ler outro livro da autora por enquanto.

    ResponderExcluir
  15. Parece ser um livro bem engraçado de se ler. Já estou imaginando como uma garota que participa de uma banda cristã vai dar certo com um "deus do rock mulherengo". Mas no momento estou correndo de novas séries. Quero terminar primeiro as que já leio.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir