acompanhe o blog
nas redes sociais

18.9.14

O Cara Que Escreve [Rudson Xaulin]



        Um escritor desacreditado do mundo e das pessoas, resolve por em palavras tudo aquilo que ele sente. Depois ele tem um encontro nada comum com um homem de terno branco em um beco qualquer da cidade. Esse homem lhe entrega um relógio dourado, que não conta os segundos, e sim, os batimentos cardíacos do escritor. Ele então começa a escrever seus versos, lutando contra o relógio e contra o tempo que ele não sabe se tem. Com isso, o livro se torna um amontoado de contos de alguém que queria que as pessoas fossem melhores, que vivêssemos em uma sociedade mais justa e não tão egoísta. O livro é apenas alguém que acreditava que pudesse mudar o mundo. E quem era o homem de terno branco e o que seria o relógio dourado? Descubra... 




Conheçam um pouco mais sobre Rudson Xaulin e sua mais nova obra:

O livro “O Cara Que Escreve” é meu mais novo projeto finalizado. O mesmo foi divulgado e lançado na Bienal Internacional de São Paulo (2014), mas também vai acontecer um evento de lançamento no Rio Grande Do Sul, em meados de novembro. O livro esta sendo traduzido, e pode chegar ao mercado italiano no ano de 2015.


O livro é um amontoado de textos que eu gosto de escrever, aleatoriamente, ou dedicado a um assunto especifico. Depois eu consegui juntar todos esses textos e construí uma história por de trás de cada um, com isso, “O Cara Que Escreve” nasceu. O legal disso tudo, é que alguns textos eu já havia postado em minha página antigamente, e assim, diversos deles se espalharam por aí. Como por exemplo, uma escola de formação de pilotos comerciais e de comissários de voo, que usa alguns textos para motivar os alunos ou em aulas de encerramento. Também existem textos que foram parar na Força Aérea Brasileira. Além de duas casas de recuperação de dependentes químicos. Outro texto também é usado para ajudar pessoas com problemas de alcoolismo, e saber disso me deixa muito orgulhoso.

Todo o texto do livro é um retrato de algum problema que qualquer um pode enfrentar, coisas da vida, sobre o amor, intrigas, depressão e como podemos reverter situações ruins. Com isso eu percebi que esses textos ajudavam as pessoas e resolvi fazer o livro para deixar todos eles juntos e ao alcance de quem precisa, e no fim, se tornou basicamente um livro de autoajuda, assim por se dizer, mas eu o considero mais um livro de reflexão e de como podemos ser melhores com nós mesmos e melhores com as pessoas a nossa volta. Se de alguma forma esse livro, ou algum de seus textos já ajudou alguém, eu acredito que a missão foi cumprida.

A capa sombria que ele tem, basicamente é para mostrar que mesmo onde não existe luz, ou onde não enxergamos o lado bom das coisas, o livro e sua capa, querem dizer que só precisamos ver as coisas de uma maneira diferente.

Ele vai ser vendido nos mesmos moldes de "Um Projeto de Cão Chamado Jill", estamos colocando-o na grade da Fnac, Livraria Cultura, Sítio do Livro, Wook e demais. Além do site da Editora Deuses e comigo diretamente autografados.

Contatos:

Rudson Xaulin: rudson_xaulin@hotmail.com
facebook: www.facebook.com/rudson.xaulin?ref=tn_tnmn


*Texto de divulgação enviado pelo Autor.

comentários pelo facebook:

5 comentários em "O Cara Que Escreve [Rudson Xaulin]"

  1. Achei o projeto interessante e o fato que o conteúdo aborda problemas atuais e o modo como livro foi montado o faz ser bem original!
    Parabéns ao autor pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  2. um... gosto bastante de contos e achei bem original ter uma historia só como plano de fundo de todos eles... algo que merece ser visto...

    ResponderExcluir
  3. Muito bom! Esse livro vai ser outra grande novidade do Xaulin rsrs!

    ResponderExcluir
  4. Sempre é interessante ver livros assim, e saber que ele conseguiu retratar uma história para poder criar o livro com textos, chamou minha atenção também!

    ResponderExcluir
  5. Parece incrível esse livro, Gi. Só pela sinopse já fiquei atraída. A capa bem sombria me cativou também.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir