acompanhe o blog
nas redes sociais

6.10.15

Redenção e Submissão, Vol.2 - Trilogia Redenção [Nana Pauvolih]

Trilogia-Redenção-Nana Pauvolih
Ed. Fábrica 231, 2015 - 440 páginas:
      No segundo livro da trilogia Redenção, a carioca Nana Pauvolih mistura doses certeiras de paixão e erotismo para narrar o explosivo relacionamento da jovem Sophia Marinho com Matt. Após dois anos morando em Portugal, a jovem retorna ao Rio de Janeiro, reencontra o antigo companheiro no Clube Catana e descobre novos limites para o prazer. Redenção e submissão traz sexo em alta voltagem e mostra porque Nana Pauvolih é o principal nome da literatura erótica nacional.


Onde comprar:




Para quem ainda não leu um romance erótico recomendo começar pela Trilogia Redenção de Nana Pauvolih. A meu ver são os melhores do gênero, misturando um enredo de emoção com cenas eróticas de alto nível. Novamente só recomendo para maiores de 18 anos.

Nana tem seu estilo próprio, no primeiro capítulo ela contextualiza o leitor na personalidade do personagem principal, como ele é como pessoa e como isso reflete em sua maneira de se relacionar. O próprio personagem se descreve ao leitor, fala do que gosta, como se sente, como age, enfim, como ele mesmo se vê, e completa seu relato narrando uma cena quente de sexo.

Na trilogia Redenção, Nana Pauvolih revela as histórias de três amigos: Arthur, Matheus e Antônio e este segundo volume é dedicado a Matheus. Gostei bastante deste do livro, mas não mais que do primeiro. De qualquer forma, Matt foi um personagem apaixonante, só que a trama em si foi mais fraca que a de Arthur.

Matt é de uma família tradicional do Rio de Janeiro, aos 32 anos é bem resolvido, tem uma ótima aparência, é rico, assumidamente romântico e interessado em compromisso, mas ainda solteiro. Desde novo sabe que é um pouco diferente do que as pessoas chamam de "normal", mesmo sendo um rapaz sério, educado e amável, sexualmente gosta de submeter e pratica o BSDM. Se apaixonou pela Maiana, mulher de seu melhor amigo. Desde então não vê possibilidade de ter um relacionamento sério, mas espera encontrar uma mulher que vá mexer com ele tanto quanto Maiana.

"Como todo mundo, eu possuía dois lados. E se aquilo era o que eu queria, por que me privar? Desde que não fizesse mal a ninguém e fosse feliz, estava tudo bem. Simples assim."

Numa noite, ao frequentar o clube Catana, local refinado e destinado as práticas BSDM, conheceu uma mulher sensual que despertou seu interesse. Seu nome é Sophia. O único problema é que Sophia é uma dominadora.

Sophia teve uma infância problemática, nasceu e foi criada em uma favela de Madureira, filha de mãe solteira, sofreu muito nas mãos de sua mãe, alcoólatra e drogada. Esta situação moldou a personalidade de Sophia, que não quer ter um relacionamento sério com ninguém e tem verdadeiro terror só de pensar um dia se submeter a algum homem. Ela só se sente bem quando está no controle, dominado e subjugando seu parceiro sexual.

"Seria uma coisa de louco submeter um Dom, tê-lo sob meu jugo, provar que eu nunca me enganava. Homem nenhum era páreo para mim. E Matt não seria diferente."

E o que acontece quando duas personalidades dominantes se encontram? Mesmo sob forte atração sexual, Matt e Sophia sabem que um relacionamento entre os dois nunca poderia dar certo.

Este volume também entremeia capítulos narrados por Sophia e Matheus e assim podemos conhecer o que está passando pela cabeça de cada um dos personagens e acompanhar de pertinho seus sentimentos mais ocultos.

Dois personagens fortes lutando por aquilo que acreditam, mas a cada embate quem ganha é o leitor. Por quê? Leia e descubra.

"Era o que eu mais queria. Submissão.
E amor."

Clique sobre a capa para saber mais sobre o volume anterior:



 Cortesia da Editora Rocco
Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

17 comentários em "Redenção e Submissão, Vol.2 - Trilogia Redenção [Nana Pauvolih]"

  1. A trilogia não faz meu tipo, não me sinto atraída por tramas como essa, ao menos não muito ao ponto de dar oportunidade para a leitura. O gênero em si não me apresenta livros que me prendam, talvez por ter iniciado mal.
    Mas a partir de sua resenha, mesmo não planejando ler o livro, vejo que a autora construiu personagens interessantes com uma bela carga emocional. Ver duas personalidades como essas se chocando deve ser um prato cheio para amantes do gênero, principalmente pela a autora não resumir ao livro a apenas cenas de sexo e a cada capítulo o leitor ter a oportunidade de se aprofundar na essência dos personagens.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Esse tipo de livro não me chama muita atenção. Acho que sempre são as mesmas estórias e fica chato ler sempre do mesmo e também não curto muito esse tipo de livro. Por isso prefiro não ler.

    ResponderExcluir
  3. Oi Gisela, como é uma trilogia, estou preferindo esperar os volumes serem todos publicados para depois começar a leitura. Espero que não demore,pois estou louca para conhecer este enredo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  4. Olá. Gisela. Eu não curto muito livros de conteúdo erótico, creio que a escrita da maioria dos autores atrasa a minha leitura quando o assunto é concentrado em cenas de sexo. Mas, gostei de um aspecto deste livro, na verdade da autora, que foi a sua forma de escrita onde o próprio personagem se descreve para os leitores, este foi o único ponto positivo que pude identificar em Redenção e Submissão.

    ResponderExcluir
  5. Pela resenha esse livro me parece ser meio tenso e cheio de drama. Como dois dominadores poderiam ficar juntos? Pode até ser possível, mas rapaz, até chegar num acordo e bom senso deve rolar muita briga hein.

    ResponderExcluir
  6. Eu não to no clima para ler livros assim, li muita coisa ruim, mas vou dar créditos a esse, afinal vc o descreve como de alto nível.
    Sempre a mulher é submissa nos que li e este é diferente.
    Interessante!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Bom, como não curto livros desse estilo não me interessei por essa série, mas mesmo assim, sua resenha está muito boa, e quem sabe futuramente eu dê uma chance a esse estilo de livros.

    ResponderExcluir
  8. Gisela!
    Os romances hots são envolventes e estimulantes.
    Saber que a autora desenvolveu bem o embate entre os enamorados e tornou suas personagens cativantes e envolventes, torna a leitura dinâmica e cativante.
    Adorei a capa também e quero ler a série.
    “O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher.”(Cora Coralina)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  9. Em Redenção e Submissão essa palavra submissão me lembra muito a trilogia cinquenta tons de cinza, e para falar a verdade amo livros desse tipo de conteúdo, logo esse livro o que não me surpreendeu muito foi a capa pois por causa desse titulo ela deixava o que desejar. Bjs

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Contínuo não me interessado pelas tramas dessa trilogia, e livros que retratam práticas de BSDM não faz meu estilo de leitura, portanto esse é um livro que eu não leria.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  12. Apesar desse livro parecer ser muito bom, e já ter ouvido muita gente elogiando, o gênero hot apesar de fazer bastante sucesso não acostuma ser meu preferido, para mim a história tem que ser mais forte do que a atração, mas para quem gosta e uma boa indicativa de leitura.

    ResponderExcluir
  13. Oie
    Já li o primeiro livro e adorei,a Nana tem um jeito único de escrever.E o Matt é muito adoravel por isso quero ler logo esse livro que conta a história dele.É uma pena a trama ter sido mais fraca já que eu esperava bastante dessa história.E me lembrou um pouco o livro Dominados da Mila Wander onde os dois são dominadores mas tentam fazer dar certo.E essa capa está linda como a primeira.

    ResponderExcluir
  14. Não é o que estou buscando para minha lista de leitura atual.
    Ainda está bem alta a temática BSDM,o interessante nesse é colocar duas personalidades dominantes,qual será o resultado?Legal que a autora conseguiu mostrar a personalidade do personagem principal,isso conecta mais com o leitor.

    ResponderExcluir
  15. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  16. Com certeza o enredo desse livro atrai muito. A edição ficou linda, com essa capa e a lombada rosa. Em breve vou ler esse livro, já li o primeiro.

    ResponderExcluir
  17. Até que estava achando a premissa interessante, mas, depois que li "BDSM" e "praticante de BDSM com trauma de infância", a coisa esfriou. Nesse momento, não me arriscaria na leitura.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir