acompanhe o blog
nas redes sociais

22.3.16

Nocaute [Anderson Fernandes e Débora Kaoru]

Anderson Fernandes e Débora Kaoru
2016 - 182 páginas:
      Após enfrentar muitos desafios, Pitbull, um menino pobre e sem perspectiva alguma de vida, consegue se tornar campeão mundial de UFC. Além da redução da maioridade penal, o livro debate diversos outros temas, como ECA, suicídio, importância da leitura, uma doença rara chamada Machado Joseph, e principalmente a importância de seguir em frente, mesmo frente aos diversos problemas que aparecem durante a vida. 



Onde comprar:




Nocaute é uma grande obra dos jornalistas Anderson Fernandes e Débora Kaoru. Resenhei o primeiro livros deles "Entre Quatro Poderes" e agora tive a oportunidade de conhecer seu mais novo lançamento.

Já posso dizer que o livro é ótimo e se tinha gostado do primeiro livro, este me surpreendeu ainda mais. A narração da trajetória de um delinquente juvenil apelidado de Pitbull é fluída, emocionante e mostra um Brasil que todos sabemos existir, mas que procuramos ignorar.

Então prepare-se: Nocaute veio com o objetivo de atingir o leitor bem no seu âmago, mostrando que o Brasil é o país das belezas naturais e das injustiças, e que nós brasileiros devemos nos sentir lesados diante de tanta corrupção, violência, impunidade, desigualdade, desonestidade e comodismo.

Este é um livro que fala principalmente de oportunidades, já que muitas pessoas não têm as mesmas oportunidades que outras, algumas crianças já nascem na rua, desprovidas de um apoio familiar e amparadas por um sistema que enxerga os pobres como escória, além de uma sociedade que está de olhos vendados para os problemas sociais.

Anderson e Débora retratam este cenário através da vida de Antônio, um garoto que não conheceu os pais e com o falecimento do tio, sua única referencia familiar, passou aos 5 anos a ser responsabilidade do Estado. De abrigo em abrigo, depois de uma briga, ganhou o apelido de Pitbull e se tornou um adolescente problema, com várias passagens na justiça. Qual o futuro esperado para este moleque? Nenhum.

Mas o caminho de Pitbull cruzou-se com um casal espetacular, Marcos e Claudia. E a partir deste ponto uma figurinha já marcada pela vida pode ter seu destino mudado. A principio um Pitbull amargurado rejeita a ajuda do casal.

"- O que vocês querem aqui? Não podem mudar nada. Não podem mudar o sistema. - rebateu o menino às alegações da professora."

Mas a professora Claudia é insistente e disposta com seu trabalho a fazer mais que doar cestas básicas, ela quer provar que um menino como Pitbull tem valor, ensinando-o o sentindo da vida, por meio da educação e do esporte. Marcos e Claudia formam um casal para a gente se inspirar, nos fazendo repensar muitos dos nossos conceitos.

"- Eu costumo dizer, Pitbull, que existem duas fases na vida de uma pessoa. Antes da educação e depois dela. Quer transformar o mundo? Dê um livro, um lápis e uma borracha a uma criança!"

O livro retrata vários assuntos importantes, como a discriminação racial, a importância da educação, esporte e da leitura na formação de um indivíduo, segunda chance, suicídio, superação e até de uma doença rara chamada Machado Joseph. Mas principalmente quer criar uma reflexão sobre a redução da maioridade penal, de 18 para 16 anos.

Nocaute é comovente além de transformador, tornando-se uma leitura imperdível.

Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!

comentários pelo facebook:

25 comentários em "Nocaute [Anderson Fernandes e Débora Kaoru]"

  1. Gisela, que resenha maravilhosa. Estava até comentando com a Débora que você captou nossa mensagem, nossos objetivos. Nocaute vai além de ser apenas um livro seguindo as técnicas do formato romance. Tem um contexto que a gente aborda, tem uma reflexão que a gente quer causar. Obrigado pela parceria e fico à disposição. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  2. cara Gi, além de eu ter adorado a capa do livro, este é um tema que me é muito caro. trabalhando em um órgão público municipal muitas vezes acompanhei a vida de crianças "sem futuro", justamente por causa de um passado mal construído. não têm oportunidade, não têm quem os ajude. mesmo tentando entender o mau passo dado por um jovem desajustado, muitas vezes me peguei pensando em como seria se acontecesse comigo? ou ainda: como seria se eu fosse vítima de um jovem assim? daí vinha aquele sentimento de vingança, horrível, muito utilizado por hamurabi, antes de Cristo, mas completamente sem sentido no mundo atual (deixo claro que este é um ponto de vista e não a verdade absoluta).
    sempre que o assunto é delinquência e possíveis soluções, lá estou eu, lendo, refletindo, debatendo. o que não podemos é ficar calados ou vendados, enquanto nossa juventude é engolida pelo desespero.
    sua dica é mais que válida, ela é necessária!

    ResponderExcluir
  3. Olá, Gisela.
    Li e resenhei esse livro recentemente também. O resultado não poderia ter sido outro: amei! A forma como os autores trabalharam assuntos tão sérios e importantes foi incrível. Mostrar uma realidade tão cotidiana e cheia de ensinamentos na obra foi essencial, pois ilustra bem, por exemplo, a questão da redução da maioridade penal.
    Realmente é uma leitura imperdível.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de reinauguração. Serão quatro vencedores!

    ResponderExcluir
  4. Gisela, o livro já chama atenção por tratar tantos temas importantes, o que torna a leitura bastante importante. E por tratar de tantos temas que devem ser sempre discutidos como a corrupção, violência e a redução da maioridade penal, fiquei bastante curiosa para ler Nocaute, e descobrir mais desta estória contada pela pele de um garoto que passou por tantas lutas.
    Adorei a resenha e adicionei o livro em minha lista de leituras.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Já havia ouvido falar do livro anterior dos autores, mas essa é a primeira resenha que vejo de Nocaute e já me interessei muito por ele. O livro aborda diversos temas importantes e que merecem ser discutidos, retratando uma realidade em que vivemos, mas nem sempre temos total consciência sobre ela. Acaba de entrar na minha lista.
    Abraços

    ResponderExcluir
  6. Já tinha visto esses dias uma resenha desse mesmo livro, e já tinha ficado curiosa com ele. Sua resenha me deixou com ainda mais vontade de ler o livro, e saber mais sobre o Antônio, e os problemas dele, que são os mesmos que tantas outras crianças pelo mundo.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  7. Oi,Gisela.
    Lembro de ter visto a capa do livro anterior,o Entre Quatro Poderes,mas não cheguei a ler ou entender do que tratava.
    Com a resenha entendi os temas abordados no decorrer da leitura.Fui pesquisar o que é a doença Machado Joseph,sim,sou curiosa,gosto quando coisas diferentes são adicionadas.

    ResponderExcluir
  8. Oii! Adorei! Parece relatar problemas de tantos "Antônios" por aí...Adorei mto a sinopse, qro conferir ! Bjs

    ResponderExcluir
  9. Não é muito meu estilo de leitura, mas a sinopse e a resenha me deixaram curiosa. Vou adicionar a minha lista e espero ler.

    ResponderExcluir
  10. Olá, Gisela.
    Estou muito ansiosa para ler esse livro por conta do assunto que ele aborda.
    Numa época de diminuição da maioridade penal, acredito que ele possa ser bastante elucidativo.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  11. Oi não conhecia esse livro, mas quando li a sinopse e a sua resenha fiquei louca para poder le-lo, amo livros que tragam temas da nossa atualidade, ja coloquei ele na minha lista de leitura bjs.

    ResponderExcluir
  12. eu não conhecia esse livro, mas adorei a história , gosto quando o autor consegue tratar de assuntos e trazer a tona certos questionamentos a partir do livro. admiro o trabalho de pessoas como a prof Claudia que são verdadeiros heróis e heroínas que ninguém dá valor, e amei que eles personificaram isso em um personagem.

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Nossa, Nocaute parece ser mesmo uma história muito comovente, e tantos temas interessantes abordados no livro - discriminação racial, suicídio, a importância da educação, entre outros... - despertaram minha curiosidade, e mesmo eu não lendo livros escritos por mais de uma pessoa - depois de uma experiência negativa ao ler um livro escrito por duas pessoas traumatizei rsrs - fiquei interessada em ler esse livro. Valeu pela dica!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  15. Oi!
    Ainda não conhecia esse livro, mas gostei muito da historia e bem interessante os temas que os autores aborda e principalmente as reflexões que o livro nos acaba fazendo e estou com o livro Entre Quatro Poderes para ler !!

    ResponderExcluir
  16. Oi, Gisela. Eu tenho esse livro, mas foi sua resenha que plantou a sementinha da curiosidade. Gosto de livros que trazem histórias mais reais e atuais, mostrando a vida dura de muitas pessoas, acho que é uma forma bacana de se discutir os problemas da nossa sociedade e, por mais que a vida seja difícil, mostrar que há um caminho.

    ResponderExcluir
  17. Já tinha visto a capa desse livro rodando pelo face, mas não sabia exatamente do que se tratava. Sabe, acho super válido a leitura de livros que nos trazem temas atuais e que nos ajudam a entender melhor um tema. Não sabia mesmo que querendo ou não taria uma biografia de Pitibull, adoro ele.

    ResponderExcluir
  18. Gostei muito da capa.
    Achei interessante o livro retratar assuntos tão importantes, como discriminação racial, redução da maior idade penal, fiquei muito interessada em ler Nocaute, gosto muito desse gênero literário, espero muito em breve desfrutar dessa leitura.

    ResponderExcluir
  19. Ainda não conhecia esse livro, mas quando li sobre o que se trata, fiquei louco por ele. Primeiro que adoro livros que tragam temas de nossa atualidade, e segundo que amo UFC. Se só isso não fosse suficiente você tece tantos elogios a obra que é impossível ficar indiferente. Com certeza irei lê-lo, e espero gostar o tanto que você gostou.

    ResponderExcluir
  20. Essa capa ficou muito melhor, mais bonita, e além do mais traz um pouco sobre a estória abordada no livro, antes com a antiga capa não me interessei muito pela leitura, porém quando vi a resenha do livro fiquei apaixonada pela estória de vida do personagem e isso fez com que eu tivesse vontade de ler o livro, espero que agora as pessoas se mostram mais interessada a essa obra.

    ResponderExcluir
  21. O livro parece ser bem interessante uma vez que aborda vários temas!! São assuntos atuais, e que servem para informar, e de repente orientar os leitores!! Já quero ler!!

    ResponderExcluir
  22. Uma historia muito boa de uma vida sofrida e dura do personagem e como tudo muda ao conhecer Marcos e Claudia a vida dele torna-se de superação e esperança no futuro um tema muito bom abordado pelos autores.

    ResponderExcluir
  23. Achei bem interessante o tema do livro, pois aborda assuntos bem conhecidos por nós brasileiros. O autor é nacional e isso é muito bom.Preciso ler o anterior e gostaria muito de ler esse também para entender melhor toda a trama.

    ResponderExcluir
  24. Eu não costumo ler resenhas, mas a sua está perfeita, descreveu bem o livro, aliás que livro e este, com um tema bem atual que tem sido muito debatido e m nossa sociedade. Louca para ler.

    ResponderExcluir
  25. Eu não costumo ler resenhas, mas a sua está perfeita, descreveu bem o livro, aliás que livro e este, com um tema bem atual que tem sido muito debatido e m nossa sociedade. Louca para ler.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir