acompanhe o blog
nas redes sociais

15.6.16

#Partiu Vida Nova [Leila Rego]

Leila Rego
Ed. Gutenberg, 2015 - 304 páginas:
    Mariana sonhava em se casar com um cara perfeito e ser feliz “até que a morte os separe”. Mas o sonho dela parecia ter sido turbinado: ela ia se casar com Eduardo, médico, lindo, rico, cobiçado e divertido, ia morar em um super apartamento no melhor bairro da cidade, e nunca tinha se sentido mais feliz com seu vestido de noiva de marca e um guarda-roupa repleto de peças de grife que ela tanto valorizava. O grande dia havia chegado. Ela estava em seu quarto sozinha, terminando de se arrumar para a cerimônia, quando o noivo aparece de repente e diz que precisa conversar, pois não se sente pronto para casar. A imagem do casal em cima do bolo começa a desabar... O que aconteceu com Edu? Mari necessita de respostas, nada mais faz sentido. Agora, ela precisa ir atrás da verdade, nem que para isso tenha que descer do salto, arregaçar as mangas e fazer um longo caminho de volta, até conseguir finalmente começar a aproveitar a sua tão sonhada vida nova.

Onde comprar:

Minha nossa senhora das leitoras compulsivas, que livro é esse e porque eu demorei tanto para começar a ler ele? Excelente leitura, gostosa e uma Mariana que me fez lembrar muito uma amiga perua que tenho, quando o requisito era escrever em blog de look do dia kkk, bom, mais o que a Leila coloca nesse livro é um amor lindo que começou lá no pré-vestibular e se perdeu no decorrer dos 6 anos de namoro, pois Edu começou a não enxergar a Mari que ele havia conhecido, o que ele via não o agradava mais e nem o completava. Então no dia do casamento deles, ele termina com ela de uma maneira bem grosseira. Para uma mulher apaixonada, porem cega sobre si mesma, no momento Mari não entendeu e sofreu horrores com a decisão dele.

E foi aqui que a vida de Mari começou a mudar, ela passa a trabalhar numa loja de biquínis onde conheceu Clara, e a mesma a ajudou a enxergar o que havia feito com o relacionamento dos dois. Ela decidiu conversar com Edu, para pedir desculpas, quando então começou a alimentar a ideia de ir embora para capital São Paulo (eles moravam em Presidente Prudente – SP). Como não tinha dinheiro para se mudar imediatamente para São Paulo, continuou trabalhando e juntando dinheiro, Clara também resolveu ir com ela a procura de novos desafios e histórias.

Em São Paulo as coisas não foram fáceis, como todos sabem, lá é uma cidade tensa, transito intenso e para conseguir emprego então, é uma loucura e foi por isso que a Mari passou três meses fazendo várias entrevistas sem sucesso, quando finalmente conseguiu um emprego de executiva de vendas numa rende de Hotel. Já estava começando a desistir de sua história com Edu, chegou até a declarar em seu Blog que iria partir para uma vida nova (sim ela fez um blog para chorar as magoas), quando tem uma surpresa.

Bom, a Mari passa por maus bocados em São Paulo. Te convido a rir e a chorar com ela e a desejar tanto quanto eu que ela esqueça Edu e mesmo assim fique feliz com o que acontece entre eles... Há, Buenos Aires teria sido um arraso com o “amigo” André rsrs... Eu bem sei o quanto aquela cidade é propícia a um amor entre amigos.

O livro é dividido em três partes e a cada início de capitulo tem trechos de músicas de artistas brasileiros bem conhecidos como Jota Quest, Paralamas do Sucesso, Lulu Santos, etc... E como um bom chick-lit que o livro é, a história é muito divertida, recomendo a leitura a todos que quiserem dar boas risadas além de se entreterem com uma deliciosa trama.

 Cortesia da Editora Autêntica
Luana Miranda Rodrigues
Analista de Sistemas, "Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história". Bill Gates tem toda razão.
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

12 comentários:

  1. Oi tudo bem..
    Nossa adorei a resenha fiquei super empolgada pra ler amo livro e quando tem trilha sonora no livro ai fica tudo perfeito,completo...ja quero esse livro.
    um abraço e muito sucesso.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Luana.
    Acredito que não conseguiria me envolver tanto com esse livro. A premissa não é completamente original e, de uma maneira mais geral, esses livros mais leves não me ganham. Talvez a parte mais divertida me agrade, mas não sei se leria apenas por isso.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de junho. Serão quatro livros e dois vencedores!

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Gostei muito da sua resenha e o livro parece ser bem divertido, com emoções e ao mesmo tempo, uma leitura leve. Mas deixo passar, no momento não me sinto atraída pela sinopse. Obrigada. Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Que inicio de resenha mais animado,rs.
    Tem trechos de artistas brasileiros =]
    Chick-lit traz uma leveza,esse parece sob encomenda para quem está passando por um momento de recomeço.

    ResponderExcluir
  5. Olá! Eu já ouvi falar do livro, mas sabe como é né? Passa dois dias e você já esquece o nome, por isso já anotei aqui. Amo chick-lits e a história parece ser muito legal, fala de uma pessoa que precisa se reencontrar. AMEI!
    Abraços.
    Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  6. Oii Luana!!
    Não conhecia o livro, gostei mto da sinopse, o que mais me agradou foi a facilidade de ler super rápido pois parece ser bem leve e fácil de acompanhar!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Oiii
    Gostei muito da resenha e parece ser um livro muito bom,mas vou deixar ele para depois ja estou com uma lista de livros enorme para ler.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi.
    Eu amei a resenha, já sei que irei amar esse livro.
    Achei bem divertido, imagino o quanto a vida da nossa mocinha não mudou, as vezes deixamos de nos preocupar com o nosso parceiro e a imagem que ele tem da Pessoa com quem convive e isso pode simplesmente destruir um relacionamento.
    Boa Noite.

    ResponderExcluir
  9. Oi,
    Não conhecia o livro mas parece bem louco e divertido, mesmo com a vida da Mari "destruída". Com certeza pretendo ler esse livros. Amei ter bandas conhecidas daqui no livro.

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Faz um tempo que vi esse livro e estou curiosa para poder ler, parece ser uma leitura divertida e leve, gostei dos trechos de musica e se tiver oportunidade quero ler esse livro !!

    ResponderExcluir
  11. Não li nada ainda da Leila Rego, mas pelo que li na resenha a escrita dela é maravilhosa e esse chicklit com certeza rende muitas risadas. Como fã do gênero tenho muito vontade de lê-lo. Adorei os trechos de músicas no início de cada capítulo!

    ResponderExcluir
  12. Quero muitoooo ler esse livro!
    Desde que ele era Pobre não tem sorte kkkk
    Amei a premissa e as resenhas que leio, parece sim, ajudar a gente a dar uma crescida na vida, refletir geral, além de arrancar altas gargalhadas.
    Também gostei da capa e do fato da Mari sofrer pra arrumar emprego e ter blog pra reclamar igual eu kkkkkkkkkk mentira, não reclamo no meu blog! kkkk
    bjão

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

 
Ler para Divertir © 2015 - Blog no ar desde 31.10.2010
topo giovana joris • design e código gabi melo