acompanhe o blog
nas redes sociais

5.1.18

Um Beijo À Meia-noite [Eloisa James]

Um Beijo À Meia-noite
Ed. Arqueiro, 2017 - 272 páginas
- "Kate Daltry é uma jovem de 23 anos que não costuma frequentar os salões da alta sociedade. Desde a morte do pai, sete anos antes, ela se vê praticamente presa à propriedade da família, atendendo aos caprichos da madrasta, Mariana. Por isso, quando a detestável mulher a obriga a comparecer a um baile, Kate fica revoltada, mas acaba obedecendo. Lá, conhece o sedutor Gabriel, um príncipe irresistível. E irritante. A atração entre eles é imediata e fulminante, mas ambos sabem que um relacionamento é impossível. Afinal, Gabriel já está prometido a outra mulher – uma princesa! – e precisa com urgência do dote milionário para sustentar o castelo. Ele deveria se empenhar em cortejar sua futura esposa, não Kate, a inteligente e intempestiva mocinha que se recusa a bajulá-lo o tempo todo. No entanto, Gabriel não consegue disfarçar o enorme desejo que sente por ela. Determinado a tê-la para si, o príncipe precisará decidir, de uma vez por todas, quem reinará em seu castelo."

Onde comprar:

Eu já me rendi a graça da escrita de Eloisa James, adoro seu humor e estou me divertindo bastante com suas releituras de contos de fadas adaptados ao cenário de romances de época. Depois do simplesmente maravilhoso "Quando a Bela Domou a Fera" (imbatível releitura da Bela e a Fera), somos presenteados com a história da Cinderela, com direito a fada madrinha e ao famoso sapatinho de cristal, tudo junto e combinado para nos proporcionar mais uma deliciosa leitura.

Kate Daltry é uma jovem de 23 anos, que sete anos antes perdeu seu pai, e desde então tem que aturar sua madrasta, uma mulher que só pensa em gastar a herança deixada pelo pai com vestidos e mais vestidos, para ela e sua filha Victoria. Kate foi relegada a um acanhado quarto no sótão, sente vontade de partir e dar as costas a esta situação, mas seu apreço pelos empregados e inquilinos de seu pai é mais forte, e ela fica cuidando para que eles sintam menos os horrores ditados pela madrasta.

"- Não trate meus vestidos assim, garota estúpida! Esses aí chegaram há um ou dois dias. São magníficos. Você vai ter que passá-los a ferro durante toda a noite se eu encontrar o menor amassado.
- Não passo roupas - informou Kate, com indiferença. - Lembra? Queimei um vestido branco há três anos."

A grande diferença de nossa Kate para a Cinderela é a atitude, a primeira é destemida e enfrenta cara a cara os desmandos de sua madrasta, enquanto a segunda é passiva e precisa ser salva por um príncipe. E falando nele, também contamos com um príncipe de verdade! Vocês vão conhecer o belo príncipe russo Gabriel Augustos-Frederick William von Aschenberg of Warl-Marburg-Baalsfeld, que veio para Inglaterra com seus parentes expulsos da corte de seu irmão mais velho. Gabriel se viu responsável por um castelo úmido, cercado por parentes idosos e cortesões endividados e obrigado a se casar com uma noiva rica para conseguir mantê-los.

Eloisa James

Quando Victoria, filha de sua madrasta, é mordida na boca por um de seus cachorrinhos de estimação, Kate é obrigada pela madrasta a passar-se por Victoria e viajar com seu noivo, sobrinho do príncipe Gabriel, para seu Castelo, a fim de solicitar a aprovação do mesmo para o casamento.

Como todo príncipe, Gabriel a princípio é bem arrogante, mas Kate, já acostumada com a megera da sua madrasta, não deixa por menos e mostra que não se deixa intimidar, mesmo que seja por um príncipe.

"Aquela inglesa concluíra, em alguns segundos, que ele era um imbecil presunçoso. Dava para ver nos olhos dela, no ato de empinar seu nariz belo e delicado."

Mesmo sentindo uma profunda atração por Kate, que sempre o desafiava e não o bajulava, Gabriel já é noivo de uma princesa russa e precisa desesperadamente do dote de sua noiva para manter seu castelo e todos que nele vivem.

"Era como um conto de fadas, só que a vida não era um conto de fadas e príncipes não ficavam com filhas de criadores de porcos - a menos que rompessem com todas as convenções sociais que tinham conhecido durante a vida inteira."

Uma constante nos livros de Eloisa são os engraçados mordomos, parte essencial do nosso divertimento. Aqui conhecemos Berwick, irmão bastardo de Gabriel. Mesmo sendo a mãe de Wick uma lavadeira, os dois foram criados juntos, por conta disso, Wick não tem papas na língua quando fala com Gabriel.

"Gabriel olhou para o irmão. Wick não o chamava mais de Gabe. Era sempre Vossa Alteza, ou, com mais frequência, Vossa Baixeza revezando-se com Vossa Canalheza."

Há, são livros individuas, não precisam ser livros em ordem de lançamento, você pode iniciar pelo seu conto de fadas preferido e se divertir para valer. Eu estou agudando ansiosamente o próximo, que sei que já existe e espero que a autora não pare por aí...

Clique na capa para ler a resenha do livro anterior:



Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!
Cortesia da Editora Arqueiro
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

21 comentários em "Um Beijo À Meia-noite [Eloisa James]"

  1. Eu amei as letras da autora. E esse jeito ímpar dela em colocar a "mocinha" sempre não tão indefesa, como eram nos contos de fadas realmente.
    Talvez a madrasta tenha perdido um pouco o poder da intimidação.rs
    Isso de trazer protagonistas mais fortes e independentes tem me agradado muito e acho que a outros leitores também!
    Beijo

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gisela. A Kate é um exemplo de mocinha forte e desafiadora e que se preocupa não só com ela, mas com pessoas que nem são da família (os criados), isso mostra quão bondosa ela é. Acho que a autora criou um belo enredo juntando esses momentos divertidos!

    ResponderExcluir
  3. Segundo da série e já considero e muito a Eloisa, eu curti muito mais essa leitura, os diálogos são dinâmicos e inteligentes, os protagonistas são engraçados e apaixonantes e temos os 3 cachorrinhos de Victoria que acompanham Kate e que me encantaram em suas cenas. Já me encontro ansiosa pelo próximo livro também *__*

    ResponderExcluir
  4. Oi, Gi. Já li um livro da autora mas não foram nenhum desses dois, o que é uma pena. Eu já tenho em mãos esse livro e o quanto antes vou ler já que todos dizem maravilhas sobre a história, espero me divertir tanto quanto você.
    Beijo
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir
  5. Olá, Gisela. Sou apaixonada por livros onde a mocinha é durona sabe? Que não tem medo de falar o que pensa -mesmo que esse alguém seja um príncipe-,que sabe dos seu valor e não precisa pisar nos outros para se sentir bem. E é claro uma pitadinha de humor que eu amo,muitos leitores falam bem da escrita da Eloisa James e também quero mergulhar nesta história. Já está na minha lista de leitura.

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    estou doida pra começar essa série, desde o lançamento de Quando a Bela domou a Fera e todo mundo só comentando coisas boas sobre o livro, ai vem esse e a autora consegue deixar no mesmo patamar. Adoro esses livros com adaptações dos contos de fadas e ainda junta com o romance de época, não tem como não ler. Há e gostei de saber que nesse livro a Cinderela, não fica levando as patadas e boca fechada, porque isso me deixa com muita raiva quando fazem as adaptações desse conto de fadas.

    ResponderExcluir
  7. Gi!
    Gosto muito das releituras, embora a Cinderela não seja uma das minhas favoritas...
    É a primeira resenha que leio desse livro e gostei...
    Ganhei ele e estou aguardando chegar para ler!
    Desejo Um ótimo final de semana e Novo Ano repleto de realizações!!
    “Chega de velhas desculpas e velhas atitudes! Que o ano novo traga vida nova, como o rio que sai lavando e levando tudo por onde passa.” (Desconhecido)
    cheirinhos
    Rudy
    1º TOP COMENTARISTA do ano 3 livros + Kit de papelaria, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  8. Oiiiii Gisela😊
    Estou louca para ler Um Beijo à Meia noite, o meusuário está pra chegar. Eu ameiii a escrita da Eloisa James ❤❤❤
    Beijos.
    Ari
    www.oquetemnanossaestante.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oii Gi!!
    Que livro lindo,, já está nos meus desejados, estou louca pra conhecer...
    Que bom saber que não é necessário ler na ordem...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  10. Olá, com tantos comentários positivos acerca da releituras de Eloisa James, fico cada vez mais ansioso para ler algo da autora. Gosto do fato de nesse livro a autora dotar Kate com uma personalidade ousada e atípica ao que esperamos da Cinderela, mostrando que a série tem potencial para entregar o que queríamos ter visto mais nos clássicos dos contos de fadas: girl power. Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Oi Gisela, amei a sinopse do livro e eu não conhecia essa escritora, mas pela sua resenha o livro parece ter muito romance e também é divertido, eu amo livros de época. A historia parece um conto de Cinderela só que como você disse a Kate é uma personagem forte e sem medo de enfrentar as coisas, já adicionei na minha lista de leitura, obrigada pela dica bjs.

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li nem um livro da autora Eloisa James, mas adoro releituraS de contos de fadas, então sem dúvidas pretendo ler este livro baseado na história de Cinderela, pela sua resenha este livro parece ser muito bom, adicionei Um Beijo Á Meia-noite em minha lista de leituras.

    ResponderExcluir
  13. Oi Gi,
    Hum, são baseados em conto de fadas,meu favorito já passou, A Bela e a Fera s2
    Mas deve ser bom ver uma cinderela que bate de frente com a madrasta

    ResponderExcluir
  14. Oi, Gisela!
    Bom saber que a Kate é destemida e enfrenta os desmandos de sua madrasta pois não gosto de personagem passiva e que precisa ser salva por um príncipe igual a Cinderela, o que faz com que esse conto de fadas não ser um dos meus favoritos...
    Tenho a impressão que vou amar conhecer o Wick, amo personagens que não tem papas na língua!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  15. Oi Gi!
    Adoro releituras de contos de fadas, e claro que quando vi esses livros sendo lançados já os coloquei na lista de desejados. O legal é que a autora modernizou a mocinha sem perder os elementos principais da história original e deu aquele toque de humor né? O livro todo parece divertido. Confesso que "Cinderela" não é minha favorita, ainda prefiro "A bela e a fera", mas amei esse livro e pretendo ler em breve.
    Beijos

    ResponderExcluir
  16. não li,me parece o conto de fadas cinderela com varias modificações,não sou de aprovar essas mudanças nos clássicos...

    ResponderExcluir
  17. Oi Gisele, gostei mais de sua resenha que da minha... kkkk, mas achei a Kate um pouco chata em determinados momentos.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Olá Gisele!
    Amo muito suas resenhas, são incríveis. Gostei muito desse livro, tenho já na lista de desejados. A historia é bem peculiar ao contos de fadas da Cinderela, mas com um estilo diferente. Já quero ler!

    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  19. Ainda não li nenhuma releitura de contos de fadas, mas tenho muita vontade de conhecer. Deve ser uma historia bem divertida, essa parte da filha da madrasta ser mordida pelo cachorro foi hilária rs. Fiquei curiosa em saber como Gabriel vai sair dessa por causa do dote.

    ResponderExcluir
  20. Quero este livro agora!!!
    Parece ser maravilhoso. Amo as historias de conto de fadas, seja nos dias de hoje ou recriando em tempo de época.
    Nunca li nada da escritora, mas ela deve escrever muito bem pois só ouço elogios dos livros que escreveu.

    TC 0118

    http://garotaeraumavez.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Eu ainda não li Eloisa James. A minha prima me torra a paciência até hj pra ler QaBDaF... ela amou! Eu tenho a impressão de que vou achar meio meloso, sei lá.
    Sempre fui apaixonada pela história da Cinderela e de tanto ver os filmes que contam a história de forma moderna, estou acostumada a ver mudanças. Ainda assim fico meio ressabiada por se tratar de um genero em que as histórias já estão meio batidas - nada que nos impeça de amar, mas eu sou desconfiada e desgosto muito fácil! kkkk
    No mais, adorei a resenha...
    Beijos!

    http://www.cafeidilico.com/

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir