acompanhe o blog
nas redes sociais

14.3.18

A Força Que Nos Atrai, Vol. 04 - Série Elements [Brittainy C. Cherry]

Série Elements
Ed. Record, 2017 - 294 páginas
- "Graham Russel é um escritor atormentado, com o coração fechado para o mundo. Casado com Jane, um relacionamento sem amor, ele vê sua vida virar de cabeça para baixo quando Talon, sua filha, nasce prematura e corre risco de morte. Abandonado pela esposa, ele agora precisa abrir seu frio coração para o desafio de ser pai solteiro. A única pessoa que se oferece para ajudá-lo é Lucy, a irmã quase desconhecida de Jane. Apaixonada pela vida, falante e intensa, ela é o completo oposto de Graham. Os cuidados com a bebê acabam aproximando os dois, e Lucy aos poucos consegue derreter o gelo no coração de Graham. Juntos, eles descobrirão o amor, mas os fantasmas do passado podem pôr tudo a perder."

Onde comprar:

Com A Força Que Nos Atrai, Brittainy C. Cherry encerra a Série Elements, que diga-se de passagem, arrasou nas capas dos livros, todas belíssimas.

Brittainy tem seu jeito próprio de escrever, todos os seus livros seguem o mesmo padrão, por isso, ou você gosta, e aí provavelmente vai gostar de todos eles, ou não gosta. Eu particularmente gosto, mesmo achando as histórias clichês, elas sempre me dão um friozinho na barriga quando leio, e aprecio esta sensação.

Há, eu aqui novamente falando que o meu preferido foi O Ar Que Ele Respira, ainda não me desapeguei de Tristan e Liz, com certeza é um livro que pretendo ler novamente. Mas voltado para A Força Que Nos Atrai, a autora pegou pesado quando criou um romance que é o sonho de toda leitora (das solteiras pelo menos), pois Graham Russel é um escritor e o sonho de consumo de suas fãs.

De natureza introspectiva e fria, Graham Russel, é um famoso escritor que acaba de perder o pai, mas logo percebemos que esse fato não causou nenhum desconforto para ele, além de ter que comparecer ao enterro. Kent Russell, o pai de Graham, também era um escritor muito aclamado e seu funeral foi praticamente um circo. Graham compareceu, discursou algumas mentiras, mas antes de ir para casa, acabou preso numa sala com Lucy, dona de uma floricultura, que compareceu ao funeral para deixar as flores que lhe tinham encomendado.

No pouco tempo que ficaram juntos, Graham antipatizou com Lucy, achou ela uma verdadeira desordem: inconstante, impetuosa, apaixonada e repleta de emoções. E quando sua esposa Jane, finalmente destranca a porta, ele descobre que Lucy é irmã de sua esposa Jane. Se Jane tinha um oposto, esse alguém era Lucy.

"Ela nunca parava de falar. Era como se todos os seus pensamentos precisassem passar pela sua boca. E, o que era ainda pior, cada palavra vinha repleta destas bobagens hippies, positividade... Quando ela falava, só faltavam o baseado, os cristais e um tapete ioga."

Depois que a mãe de Lucy morreu, ele e sua irmã Mari, ficaram próximas, uma cuidando da outra, contudo sua irmã mais velha, Lyric, se afastou, até que sumiu totalmente da vida delas. Nesse encontro por acaso no funeral, Lucy descobre que sua irmã está casada e grávida de Graham Russell e nem teve a consideração de comunica-las.

"Mas agora eu vejo a verdade. Ser irmã não é uma questão de sangue. É uma questão de amor incondicional. Lyric nunca foi minha irmã e nunca será."

O que Graham mais gostava em seu casamento era o fato do mesmo ser guiado pela lógica, sem se aprofundar no aspecto romântico da relação. Era uma relação racional, e tanto ele quanto Jane estavam satisfeitos com isso. Nenhum dos dois queria ter filhos, e quando Jane inesperadamente engravidou, foi um choque, mas quando a filha do casal nasce prematura, com risco de morte, Jane não suporta a situação e foge, deixando Graham sozinho. Desesperado, sem saber o que fazer com a bebê, Graham pede ajuda a Lucy.

A Força Que Nos Atrai

O casal protagonista é de natureza totalmente adversa, isso é muito destacado durante todo o livro, principalmente pelo Graham, que via claramente o quanto era diferente de Lucy, coisa que a princípio o desagradava e repelia, mas que depois tornou-se a maior força que o atraía.

"Ela era a garota que sentia tudo, e eu era o homem que não senta absolutamente nada."

Novamente a autora trabalha o âmbito familiar, relacionamentos entre pai e filhos, irmãos e irmãs,  algo que deveria ser fácil e natural, mas muitas vezes só causam dor e sofrimento e definem a pessoa que você é. Ambos os personagens foram moldados pelo comportamento de seus pais.

Mas, ao mesmo tempo, Brittainy mostra que o mesmo amor que destrói também é aquele que é capaz  de salvar, e isso é que torna suas histórias tão poderosas, criando aquela emoção que dá um nó no estomago do leitor.

Narrada por Lucy e Graham, com aquelas frases de efeito que ela sabe usar como ninguém, Brittainy criou dois personagens que são fácies de amar, Graham, mesmo com toda sua rabugice, mostra através de lembranças porque se tornou assim e Lucy já nasceu cativante.

Achei a série satisfatória como um todo, me apaixonei pelas capas e passei bons momentos na companhia de Brittainy C. Cherry e seus personagens. Só me resta então recomendá-la para quem questa deste estilo de leitura.

Clique nas capas para ler as resenhas dos livros anteriores:



Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!
Cortesia do Grupo Editorial Record
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

17 comentários em "A Força Que Nos Atrai, Vol. 04 - Série Elements [Brittainy C. Cherry]"

  1. Gi!
    É triste quando esperamos uma série se encerrar de forma arrebatadora e no final fica tudo mais do mesmo…
    Pelo menos ficou com uma medalha de prata, né?
    Não li ainda nenhum dos livros dessa série, mas só vejo bons comentários.
    “Os lírios não bastam. As leis não nascem das flores. Meu nome é luta, e escreve-se na história.” (Luciana Maria Tico-tico)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MARÇO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gisela.

    Bom, por incrível que pareça (ou não), não consegui sentir antipatia pelo Graham, por ele ser duramente frio, pois de uma certa forma, eu tentei entender essa aspereza toda dele e que motivaram a ser o que ele era atualmente, por criar barreiras em volta de si.

    Mas é claro que, em alguns momentos eu senti raiva por ele ser um verdadeiro cavalo e agir sem pensar!

    E com certeza a pequena Talon chegou para amolecer o coração de pedra dele e criar um laço entre ele e a Lucy.

    Esse é o primeiro livro que eu li da Brittainy, e eu gostei da escrita dela.

    ResponderExcluir
  3. Tenho namorado esta série desde o começo e ainda me dói saber que ganhei os livros em um outro blog que acompanho e não os recebi até hoje(e isso já faz muiiiiito tempo).rs Já os dei como perdidos.
    Mas as capas são fantásticas e acabei vendo e lendo muita coisa sobre a vinda recente da autora ao nosso país, está vindo muito mais coisa pela frente!
    E como amo enredos assim, que trazem famílias e suas complexidades, dramas, tristezas e amores, não vejo a hora de poder comprar os meus próprios livros!
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. A Brittainy C. Cherry já veio aqui no meu estado duas vezes. Na última vez até pensei em ir, pensei que seria legal, mas ainda não tinha lido nenhum livro dela e isso acabou me desanimando. A verdade é que até agora eu não li nenhum. Ouvi elogios positivos a alguns, a outros nem tanto, ouvi pessoas que gostaram de um, mas não gostaram de outro e a verdade é que ainda não sei por qual começar. O que eu acho legal na série é que apesar de serem 4 livros você pode ler separado e não existe uma ordem já que cada livro conta a história de personagens diferentes. Além disso trás isso dos elementos, o que é algo diferente. Costumo ler esses livros clichês, mas que ainda assim passam mensagens legais e construtivas. O protagonista parece ter sofrido várias mágoas e imagino que no começo ele deva reclamar mesmo do jeito da Lucy, afinal ela é bem alegre. Só espero simpatizar com ele porque pra mim é bem importante sentir isso pelos personagens.

    ResponderExcluir
  5. Oi!
    As capas dessa serie são realmente maravilhosas, li alguns livros da Brittainy C. Cherry e adoro a escrita dela, ela consegue me emocionar como ninguém e gosto muito da forma que ela trabalha os temas em seus livros, ela se jogo neles e trás uma carga emocional sempre bem profunda, com certeza irei ler essa serie !!

    ResponderExcluir
  6. Oi, Gisela!
    Concordo com você sobre as capas da série Elements, são todas belíssimas! 😍
    Quanto a A Força Que Nos Atrai, ainda não li nada da Brittainy, mas pelos seus comentários acredito que irei gostar da história de Graham e Lucy, curto livros onde o casal protagonista é de natureza totalmente oposta e com o tempo acabam se apaixonando por causa dessas mesmas diferenças, sem fala que amo um mocinho rabugento rsrs.
    Enfim, valeu pela dica. Abraços!

    ResponderExcluir
  7. Até agora só li O Ar que ele respira, e me apaixonei, a escrita da Brittainy é incrível, a história desse livro é perfeita. Estou com o segundo já em mãos, mas ainda não comecei a ler. Ainda não tinha lido nada sobre esse quarto livro, porque não queria pegar spoiler, mas gostei de ver por cima como vai se passar a história desse casal. Adoro a forma como a Brittainy aborda os temas que você falou, familia, irmãos, essa relação familiar é sempre explorada. Essa autora entrou pra minha lista de favoritas.

    ResponderExcluir
  8. sou louca pra comprar a Série Elements,me apaixonei logo de cara por Graham e Lucy,amei de todo o coração essa resenha,sou romântica e acredito em amor verdadeiro...me julguem.

    ResponderExcluir
  9. Adoro esse estilo de livro mas ainda não li essa série, vou ser sincera que nunca parei para ler uma resenha sobre ela, sempre achei que era aquela coisa bem dramática que só tem sofrimento e dor, mas agora que eu li a resenha eu vi que não é bem assim, e é bem meu estilo favorito, espero ter a oportunidade de poder conhecer a série.

    ResponderExcluir
  10. Oi Gi!
    Estou babando nessas capas lindas...
    Eu tenho o volume 2 então teria que ler o anterior pra começar infelizmente ainda não consegui uma oportunidade, mas espero ter me breve pois cada vez mais tenho interesse em conhecer.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Olá! Só falta esse livro para eu concluir essa série e estou muito empolgada para lê-lo, tenho certeza que irei adorar o Graham e a Lucy, o fato de os dois serem tão diferentes deixa o romance entre eles ainda mais bonito, e mesmo as histórias sendo um pouco clichês, todas me emocionaram bastante.

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Já li resenhas de todos os livros, só faltava esse para completar. hahaha. Obtenho o segundo livro, mas ainda não li, prefiro compra o primeiro e ler em ordem, assim entenderei. Esse tem uma trama bem envolvente, com uma trama bem interessante. Espero ler em breve!

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  13. Tenho o primeiro da série, mas ainda não li, são bem comentados esses livros, gostei por ter um relacionamento mais família na trama, assim fica mais parecido com a realidade com seus altos e baixos, pois coisas assim acontecem nas nossas famílias. Acho as capas lindas ainda mais com esses gatos rs.

    ResponderExcluir
  14. Oi Gi.
    Fico feliz que a séria tenha sido finalizada com chave de ouro, eu assim como você adorei o primeiro, apesar de ainda não ter lido esse (pretendo muito em breve, fazer a leitura) tenho certeza que eles ainda continuaram sendo meus preferidos, o primeiro amor é único rsrs, enfim, adorei a resenha.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  15. Oi Gi,
    Não li nada ainda da Brittainy C. Cherry, mas desde resenhas do Sr. Daniels estou curiosa com seus livros.
    Já acabou a série Elements?!Ah, preciso ir atrás. Todas as capas ficaram maravilhosas.
    Graham é um escritor? É, o romance já começou bem,rs.

    ResponderExcluir
  16. Eu tinha começado a ler o primeiro livro dessa série logo no começo do ano mas tive que parar leitura no meio por causa do início das aulas na faculdade e agora já não me lembro de mais nada na história ou seja vou ter que reler um livro mas eu fiquei muito impressionada com habilidade da autora na escrita desse livro autora esta que eu já gostava do trabalho desde que eu li o livro Mister Daniels

    ResponderExcluir
  17. Oi, Gi!!
    A série Elements acabou e ainda só li o primeiro livro da série. Estou bem curiosa para fazer a leitura dos outros livros.
    Bjos

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir