acompanhe o blog
nas redes sociais

21.5.18

Uma Proposta E Nada Mais, Vol. 01 - Série Clube Dos Sobreviventes [Mary Balogh]

Ed. Arqueiro, 2018 - 272 páginas
- "Após ter tido sua cota de sofrimentos na vida, a jovem viúva Gwendoline, lady Muir, estava mais que satisfeita com sua rotina tranquila, e sempre resistiu a se casar novamente. Agora, porém, passou a se sentir solitária e inquieta, e considera a ideia de arranjar um marido calmo, refinado e que não espere muito dela. Ao conhecer Hugo Emes, o lorde Trentham, logo vê que ele não é nada disso. Grosseirão e carrancudo, Hugo é um cavalheiro apenas no nome: ganhou seu título em reconhecimento a feitos na guerra. Após a morte do pai, um rico negociante, ele se vê responsável pelo bem-estar da madrasta e da meia-irmã, e decide arranjar uma esposa para tornar essa nova fase menos penosa. Hugo a princípio não quer cortejar Gwen, pois a julga uma típica aristocrata mimada. Mas logo se torna incapaz de resistir a seu jeito inocente e sincero, sua risada contagiante, seu rosto adorável. Ela, por sua vez, começa a experimentar com ele sensações que jamais imaginava sentir novamente. E a cada beijo e cada carícia, Hugo a conquista mais – com seu desejo, seu amor e a promessa de fazê-la feliz para sempre."

Onde comprar:

Olá pessoal! Hoje vamos de romance de época? Recebemos o livro “Uma Proposta e Nada Mais” (1° livro da série Clube dos Sobreviventes), da autora Mary Balogh, por meio da parceria com a Editora Arqueiro.

Mary Balogh é a mesma autora da série Os Bedwins – também publicada pela editora Arqueiro. E assim como a serie anterior, Clube dos Sobreviventes me ganhou já em seu primeiro volume.

Ah! Antes que eu esqueça, o que é essa capa? LINDA! Simples e elegante, assim como o enredo do livro. Tá bom! Vou confessar, acho a capa brasileira infinitamente mais linda que a estrangeira. Pronto falei!


Em “Uma Proposta e Nada Mais” conhecemos 7 amigos, 6 homens e 1 mulher. Todos os anos esses amigos se encontram em uma bela casa – mansão de campo em Penderris Hall, na Cornualha. Eles possuem algo em comum, todos são marcados pelas lembranças traumáticas das Guerras Napoleônicas.

"- Sofremos neste lugar - explicou ele. - Nós nos curamos neste lugar. Desnudamos nossas almas uns para os outros. Deixar esta casa foi uma das coisas mais difíceis que fizemos. Mas era necessário para que nossas vidas voltassem a ter sentido. Uma vez por ano, porém, voltamos para recuperar nossa integridade ou para nos fortalecermos com a ilusão de que estamos inteiros."

No primeiro volume da série, vamos conhecer a história de Hugo Hemes – Lord de Trentham. Ele recebeu o título como forma de reconhecimento pelos seus atos heroicos durante a guerra. Mesmo sendo um homem rico e solteiro, Hugo leva uma vida sem luxo. Quando começa a se questionar sobre o futuro, logo ele percebe a necessidade de um pouco mais de luxo na vida. Entre seus questionamentos está o fato de quem herdará sua fortuna quando morrer. Pensando assim, Hugo resolve que irá se casar.


Neste ponto que conhecemos Gwendoline (Gwen) – Lady Muir, viúva do Visconde de Muir. Durante uma caminhada, Gwen tem um dos tornozelos torcido e Hugo a ajuda. Ele a leva até Penderrir Hall, onde recebe os primeiros cuidados e se vê obrigada a ficar durante alguns dias.

A partir daí que toda a trama se desenvolve, e foi este o ponto onde a leitura ficou mais dinâmica para mim.

“A primavera era a estação favorita de Gwen – ela lhe dissera isso antes – uma estação cheia de esperanças e novidades. De alguma forma, naquele dia ele conseguia entender o que ela queria dizer.”

Será Gwen a mulher que Hugo busca? E Lady Muir? Estará disposta a entrar em um novo relacionamento após anos de viuvez?

"E assim, decisões de grande importância eram tomadas, pensou ela. De forma impulsiva, sem devida consideração. Com o coração, em vez de usar a cabeça. A partir de um impulso sem levar em conta uma vida inteira de experiência e moralidade."

A narrativa é feita em terceira pessoa, intercalando entre os pontos de vista de ambos os protagonistas. Uma trama madura, sensível e com romantismo no ponto certo. A autora consegue unir tudo isso e ainda abordar alguns temas importantes. Como falei anteriormente, a capa é bonita e com uma diagramação simples, o que condiz com a história e sua delicadeza. Gostei muito de ver a maneira que a autora desenvolveu todos os seus personagens, até mesmo os secundários. Os diálogos são leves e com toques de humor quando necessário.

Enfim, gostei bastante da história apresentada no primeiro volume da série e ansiosa para conhecer mais sobre os demais personagens.

Até mais, Renara.


Renara Pavez
Capixaba, pedagoga, casada com o David - amor da minha vida!, um pouco "avoada", adoro mudar o assunto da conversa "do nada". Louca por livros desde a infância, não sei viver sem ter um livro nas mãos. Gosto de ler de quase tudo (não rola terror comigo, não me julgue!) Quote da minha vida: 'Somos letras e números, opostos que se completam, a multiplicação e a narração. O amor em todas as formas.' Cinthia Freira, Meu Erro
Cortesia da Editora Arqueiro
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

19 comentários em "Uma Proposta E Nada Mais, Vol. 01 - Série Clube Dos Sobreviventes [Mary Balogh]"

  1. Olá Renara!
    Adorei sua resenha, estou bastante interessada em conhecer a série, eu gosto mto do gênero então espero que surja uma oportunidade logo pra ler.
    A escrita da autora pelo q eu venho acompanhando está agradando mtos leitores, o enredo parece ser lindo assim como a capa.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Como fã dos bons romances de época, já estou namorando este livro tem um tempinho. Ainda não pude conhecer as letras da autora, mas tudo que li até o momento, foi unânime em afirmar o quanto ela sabe desenhar seus enredos com maestria.
    E não parece nada clichê, apesar de termos o conde rico e a moça, neste caso, já vivida e bem sabendo o que quer da vida,tá, até o sentimento dominar tudo.rs
    Espero ler!!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Oi, Renara.

    É natural que, durante essa estadia da Gwendoline nas propriedades do Hugo, eles se aproximem e obtenham conhecimentos sobre o outro. Com isso, ele, poderá aprender a amar, e ela, a dá uma nova chance para o amor. Esse momento foi com certeza muito propício.

    O ponto de vista de ambos, nos permite ficar a par de seus pensamentos e sentimentos, criando uma conexão, e isso é o que eu mais aprecio em um livro.

    ResponderExcluir
  4. Oi Renara, também estou ansiosa pelos demais volumes dessa série e eu amei esse primeiro livro. Os protagonistas são maduros, conversam mais e pensam menos e isso pra mim tornou a história bem ágil, mas eles são de mundos diferentes e com ideias pre-concebidas um do outro o que gera alguns conflitos, e eu gostei demais de acompanhar toda a história. E também gostei muito de todos os personagens, inclusive os secundários e já temos uma ideia de como são os próximos protagonistas, já tenho meus favoritos, aqueles por quem eu anseio ter seus livros, mas eu sempre gosto daqueles que tem as últimas histórias das séries haha e já fui lá no goodreads e constatei isso :D :D
    A resenha tá ótima, e a capa é mesmo simples e bonita, confesso que inicialmente não gostei tanto dela, mas quando recebi o livro achei ela bem linda <3

    ResponderExcluir
  5. Oi Renara,
    Já tinha visto esse livro em muitos lugares, mas não sabia muito sobre a história. Fiquei com vontade de ler, mas não ta como uma das minhas prioridades :/

    ResponderExcluir
  6. Renara!
    Romance de época já é bom e quando bem escrito, ainda melhor.
    Achei a capa bonita também e fiquei vuriosa para ler como tudo se desenrola.
    Maravilhosa semana!
    “Gosto de ouvir. Aprendi muita coisa por ouvir cuidadosamente. A maioria das pessoas nunca ouve. “(Ernest Hemingway)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Oi, Renara!
    Eu amo a série Os Bedwins da Mary Balogh e pretendo ler Uma Proposta e Nada Mais com certeza. Gosto de livros com diálogos leves e com toques de  humor, e não vejo a hora de conhecer a história de Gwen e Hugo!
    Em relação a capa, confesso que eu não gostei dessa capa, mas quem sabe eu mude de ideia ao ter o meu exemplar em mãos?!... Abraços!

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia a autora e, confesso, a sinopse oficial do livro me deixou achando que seria mais um bobo clichê, mas a tua resenha me deixou curiosa. Se tiver a chance, lerei!

    ResponderExcluir
  9. Olá! Confesso que ainda estou tentando me acostumar com essa capa, na primeira vez que a vi, achei bem estranha, mas quando peguei o livro nas mãos percebi que ela é bonita e combina bastante com o enredo, é muito bom conhecer a história da Lady Muir que apareceu na série Os Bedwyn, pois sempre quis saber mais sobre essa personagem, já que ela demonstrou ser uma mulher muito forte, a história é realmente maravilhosa e muito emocionante, os dois tem tanta força para superar tudo àquilo que eles enfrentaram.

    ResponderExcluir
  10. Oi Renara,
    Sempre vejo ótimas críticas sobre os livros de Mary Balogh, mas como não tenho costume de ler romances de época ainda não pude conferir sua escrita. O mais interessante de Uma proposta e nada mais e, talvez o maior diferencial, está no fato de que a relação entre os protagonista não irá surgir através de um arranjo ou acordo. Todo o envolvimento será de uma forma natural entre personagens maduros e centrados. Também gostei muito da capa e é a simplicidade dela que a deixa tão bonita.

    ResponderExcluir
  11. Olá Renara
    Eu amo livros de época, sou completamente apaixonada por esse cenário antigo. Gosto muito da forma que Mary Balogh escreve seus livros, alguns me parecem até clichê, mas é aquele clichê gostoso que tu não consegue parar de ler até terminar o livro! 🤣❤️

    ResponderExcluir
  12. Oi Renara.
    Eu li e gostei bastante desse livro.
    Esse foi meu primeiro livro completo da autora, eu gostei dos personagens e a premissa é bem interessante, tiveram alguns pontos que me incomodaram, mas isso não vem ao caso. Eu também adorei que a autora aborda temas importantes, de uma maneira tão natural e bonita nesse livro, enfim, não vejo a hora de conhecer a história dos outros personagens.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  13. Amo romances de época e a arqueiro faz um trabalho maravilhoso sempre trazendo os melhores <3 Faz tempo que ando paquerando esse livro mas ainda não tinha sentido aquela conexão com ele mas a sua resenha me ajudou bastante. Adoro ver os personagens começando a história todos orgulhosos sem sentimento e terminando super apaixonados um pelo outro hahah e pelo que pude perceber esse livro é exatamente assim.

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu praticamente estou me apaixonando por romance de época. Esse livro me deixou bem curiosa pela trama, tem uma premissa muito boa. Não conhecia a autora mas estou começando a conhecer varias autoras que escrever livros de romance de época e estou me apaixonando.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  15. Para tudo,gente sou apaixonada por romances de época sempre estou buscando resenhas e indicações desse gênero,quantos livros serão essa série? Tomara que não sejam muitos ou que sejam de assuntos que não interfira na ordem de leitura...

    ResponderExcluir
  16. Ainda não li nada da autora, mas sou apaixonada por romance de época e gosto muito deste tipo de série.
    Achei a premissa bem gostosa e já estou curiosa para saber se Gwen será a escolhida de Hugo.
    A capa está linda mesmo.

    beijinhos
    She is a Bookaholic

    ResponderExcluir
  17. É muito bom começar uma série e já se sentir apaixonado pela leitura. O enredo parece interessante e a forma como a autora soube desenvolver a trama, construindo bem suas personagens é muito importante. Gosto também dessa leveza e toque de humor que ela acrescentou.

    ResponderExcluir
  18. Olá, Renara!
    Sou apaixonada por romances, quando esse livro foi lançado participei de todos os sorteios que vi quando era esse livro não ganhei nada.
    É a primeira resenha que leio, não sabia que era uma série, fiquei feliz que você gostou. Já esta na minha lista de desejos, vou ler quando puder.
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Oi, Renara!!
    Adoro livros de época e infelizmente ainda não li a série Os Bedwins da Mary Balogh, no momento só tenho o primeiro livro. Mas fiquei muito feliz com lançamento dessa nova série da autora, pois tenho certeza que muito em breve vou fazer a leitura!!
    Bjos

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir