acompanhe o blog
nas redes sociais

8.2.19

O Abrigo [Nora Roberts]

Nora Roberts
Cortesia do Grupo Editorial Record

Oi pessoal, eu sou uma pessoa apaixonada pela Nora Roberts, ela é minha autora favorita, e quando recebi este livro, O abrigo, de presente da Gisela em parceria com a Editora Bertrand fui nas nuvens. Confesso ter lido com bastante expectativa, principalmente por causa dos últimos lançamentos pela editora, todos numa vibe Criminal Minds. Outro ponto a ser destacado é que apesar dela ainda seguir alguns padrões próprios de sua escrita em seus mais de 30 anos como autora, nos últimos livros o foco das histórias tem sido mais os dramas/suspense que o romance em si entre os casais, o que às vezes me faz falta, já que amo seus romances “melosos” e “fofos”.

Apesar da expectativa, também estava bastante ansiosa com esta leitura, pois o último livro dela "Ao por do Sol" lançado pela Bertrand me deixou com o coração na mão, chorei muito. Mas depois que comecei, não consegui largar até que eu terminei.

Nora Roberts
Título: O Abrigo
Autor: Nora Roberts
Tradutor: Valeria Lamim
Editora: Bertrand Brasil
Gênero: Romance Contemporâneo
Páginas: 462
Edição:
Ano: 2018

Onde comprar: Amazon

A história já começa nos colando em meio a uma chacina no shopping, que infelizmente é comum nos Estados Unidos, jovens dando à louca e matando pessoas. Temos então a apresentação de vários personagens, onde alguns realmente terão destaque ao longo da história que gira em torno dos sobreviventes e da pessoa que realmente orquestrou o massacre.

Temos então Simone Knox, uma das sobreviventes ao tiroteio, que após muitas etapas na sua vida para se auto encontrar pessoal e profissionalmente, tornou-se uma artista plástica de esculturas e depois de adulta voltou para morar em Tranquility Island. Porém o trágico dia que viveu, ainda não tinha sido plenamente superado, apenas ignorado. Até que o “destino” como sua avó tanto acredita, trás tudo a tona, pois ainda não havia tido um ponto final.

“- Eu a odiei. Naquela noite, antes, quando ela chegou com o Trent, tão convencida e indiferente comigo. Eu a odiei. E agora... – Agora você cresceu, e ela, obviamente, não mudou nem um pouco. Nem todo mundo, Simone. Nem todo mundo consegue passar por uma tragédia e superá-la.”

Reed Quartermaine também foi um dos jovens que sobreviveu a tragédia e foi um herói naquela noite. Aquele dia foi tão marcante para ele, que mudou seu futuro, após uma conversa como a policial que atendeu o chamado de socorro e chegou primeiro ao local. Ele então decidiu que também se tornaria um policial, que iria defender vidas e tentar se possível entender o que motivou o ataque. Até que vários assassinatos, o leva a se questionar se o que aconteceu havia realmente tido um fim. Quando em determinado momento ele entra em uma encruzilhada e precisa fazer novamente uma decisão sobre o seu futuro.

“Hora de se afastar, decidiu ele, e seguir o conselho de Tinette. Ele precisava caminhar ao sol e lembrar-se do que fora e por quê.”

O livro é divido em duas partes, a história é bem densa e até dramática, porém a Nora sempre tem em sua escrita aquele personagem que traz leveza a trama e aqueles pontos no texto que nos faz rir. Ao contrário do que muitas resenhas disseram, eu não achei o final corrido, a questão é que para mostrar justamente o desequilíbrio da pessoa que está cometendo os crimes, a história tem que ocorrer mais rapidamente, porém não há furos ou personagens sem final.

Mas infelizmente preciso dizer que a tradutora cometeu um erro terrível, ela deixou de traduzir uma parte de determinado parágrafo fundamental no final da história, que fez com que, quem não está habituado a ler a Nora principalmente, fique no vácuo em relação ao final de um certo personagem, o que levou a muitas pessoas a não gostarem do final da história. Como fiquei sabendo disso?? Recebi o trecho do livro em inglês. Pedimos então a editora, que encarecidamente haja uma segunda edição com este erro corrigido. Quem for ler e quiser receber este trecho, nos pergunte que eu falo.

Mesmo com esta parte faltando, eu deduzi corretamente o que ocorreu, e isto acabou que não me atrapalhou na história. Sendo assim, pra mim foi uma história 5 estrelas. Quero destacar que a publicação do livro está excelente, amei a capa e é livro único.

Boa leitura.


comentários pelo facebook:

24 comentários em "O Abrigo [Nora Roberts]"

  1. Eu amo farois e historias narradas nesse ambiente (geralmente sombrio e melancolico), porém vejo que nesse caso o farol ficou só na capa mesmo, certo? Não conheço a escrita da Nora mas a trama me agradou, e pelos teus elogios vejo que ela consegue envolver o leitor, seja nos romances quanto suspense. Na verdade alem de um bom mistério, o livro contra a história de superação,(ou não), de pessoas que passaram por uma chacina e essa temática geralmente vem carregada de sentimentos, medos e desafios (me lembrou A Lista Negra). O livro ser dividido em duas partes dá uma dinamica diferente a leitura, isso é bacana se os pontos forem bem entrelaçados, não gosto de me sentir perdida, mas isso tu já disse que ficou bem explicado e quanto ao final, sou péssima em captar as coisas, ao contrário de ti que sacou logo, então consigo carregar o suspense até o fim. Legal tu ter avisado do erro da editora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola, existe um farol na ilha e realmente ele da mais a sensação de sentimentos na história. Realmente e um livro de superação. Pode ler que tenho certeza que irá gostar. Bjs

      Excluir
  2. Também sou uma fã assumida das letras da Nora, mas confesso que faz bem tempo que não leio algo dela ;/ e olha que a autora tem trabalhado muito nos últimos tempos. E gosto demais desse jeito único dela passear em vários gêneros e ser linda em todos!
    Ainda não tinha lido nada a respeito deste livro,mas adorei ler sobre o ambiente meio já voltado para o suspense e o escondido.
    Assassinatos em forma de chacina, sobreviventes e claro, todos os segredos sendo descobertos.
    Chato isso da parte sem tradução(eu iria me lascar pois não entendo nadinha de inglês..rs)
    Com certeza, o livro vai para a lista de desejados!
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Olá Carolina!
    Admiro a capacidade de Roberts de se arriscar em outros temas sem perder sua essência literária, fato que a consagra como uma autora talentosa e competente. Vejo que os personagens pricipais não deixam a desejar no quesito profundidade, pois é possível perceber claramente como Reed e Simone foram abaladas pelo ocorrido no shopping. É uma pena que tenha havido essa adversidade no final do livro, mas tomara mesmo que a editora resolva o problema para não atrapalhar a experiência dos leitores.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente... A nora é diva na literatura... Tbm espero que a editora tome mais cuidado e corrija na próxima edição. Os personagens são fantásticos. Bjs

      Excluir
  4. Oi Carolina,
    Interessante essa direção que a Nora está indo, focando mais no suspense/drama.
    Que bom sua resenha trazer que não há furos no encerramento da história, mas sim que um trecho que influencia o entendimento do final de um personagem não foi traduzido, assim os leitores podem ter outra impressão da conclusão ao ter contato com o original.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apesar das mudanças, uma coisa permanece a mesma... Seus finais felizes, afinal ele e consagrada como romancista e nos EUA há normas para fazer desta podemos dizer academia literária. Infelizmente muita gente não gostou do final do livro justamente por sentir falta de informação, o que e muito triste. Mas eu mesmo assim recomendo a leitura. Bjs

      Excluir
  5. Olá, Carolina
    Ainda não li nada da autora e fiquei muito feliz em saber que ela esta escrevendo suspense, é um dos meus gêneros favoritos. Amo quando o livro é volume único.
    Gostei da premissa do livro que já começa com a chacina no Shopping uma fatalidade que ocorre muito no Estados Unidos, e ela desenvolveu uma trama maravilhosa.
    Uma pena que a tradutora fez isso no fim do livro.
    Espero conseguir ler, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, vc precisa ler Nora com urgência... Os últimos livros publicados pela Bertrand sao todos neste clima e volume único. Bjs

      Excluir
  6. Nunca imaginei ver Nora Roberts escrevendo livros desse gênero,quando penso nela só me vem a mente muito romance...já quero ler esse.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ela é extremamente versátil a saber por sua série mortal... Ela tem muita influência do Stephan king... Mas seus livros por mais intensos, sempre tem final feliz. Bjs

      Excluir
  7. Olá Carolina!
    Ouço muitos elogios à Nora mas nunca tive a oportunidade de ler nenhuma obra da autora, principalmente porque ela sempre escreve séries e o orçamento apertado não me permite comprar muitos livros. Porém adorei saber que esse é um volume único, e também fiquei super curiosa pois o começo da história, ou seja, o massacre no shopping é algo que não vemos muito em livros e autora pôde nos mostrar o quanto as pessoas ficam abaladas ao vivenciar acontecimentos como esse. Só me entristece esse erro da editora, mas espero que tudo se resolva logo pois O Abrigo já está na minha lista de leituras.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, pode lê-lo mesmo com este erro... A história e maravilhosa. A Bertrand lança varios volumes únicos dela. Aproveita os sebos tbm para adquirir e leia Nora... Bjs

      Excluir
  8. Preciso procurar quantas séries essa mulher tem. Haha... Estou muito desatualizada.
    Já li uma série dela e gostei muito.
    Vejo que Nora é muito versátil e passeia por diversos gêneros, essa série não faz muito meu estilo.
    É uma pena que tenham traduzido mal, pode atrapalhar a leitura para muitos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Ola, este livro é volume único como a maioria lançada pela Bertrand com exceção a série mortal. Amo a Nora d+++... ela tem mais de 200 histórias publicadas no Brasil. Bjs

    ResponderExcluir
  10. Sei o quanto Nora Roberts é a diva dos romances melosos. Mas, ainda prefiro os livros dela que tenham esse drama de agora.
    Gostei de todo esse enredo. E é uma pena que a tradutora tenha cometido um erro tão grande. Espero que a editora corrija o quanto antes.
    Nada pode faltar em uma bela história de Nora Roberts. Qualquer detalhe é impostante.

    ResponderExcluir
  11. Olá! Eu também gosto muito da escrita da Nora Roberts, essa capa é realmente linda, e a história parece ser bem envolvente, mesmo abordando todo esse drama, uma pena que a editora tenha se esquecido de publicar parte da história, e estou torcendo para eles fazerem uma logo a segunda edição do livro.

    ResponderExcluir
  12. Ainda não li nada de Nora Roberts, embora esteja nos meus planos conhecer a escrita da autora. Gostei bastante do enredo, e eu já prefiro os enredos com um fundo dramático e suspense mais em evidência do que o próprio romance. Que pena a tradução não ter captado a ideia do enredo original. Com certeza merece uma segunda edição revisada.

    ResponderExcluir
  13. Oi Carolina,
    Apesar de amar ler um romance, gosto mesmo é do mistério e ver que a autora tem trabalhado mais com este elemento em seus lançamentos mais recentes me deixa bem animada, pois acho que será por eles que irei conhecer sua escrita. A premissa de O Abrigo já choca por nos trazer uma realidade muito triste que vemos muitas vezes no noticiário. Mas acho que o foco de Nora é trazer o depois, é mostrar como ficam as vítimas que sofrem por passar por algo tão traumático e em meio a isso ela nos trás um suspense cheio de dúvidas e questionamento que envolvem acontecimentos do passado e do presente. Este livro, é sem dúvidas, no estilo que gosto e mesmo com esse erro cometido pela editora, espero adquirir um exemplar e ter uma boa experiência de leitura.

    ResponderExcluir
  14. Oi, Carolina!
    Ah, também prefiro quando o foco dos livros da Nora Roberts seja o romance e não os dramas/suspense, acho que é por isso que faz um tempão que li um livro dela...
    Em relação a O abrigo, não me interessei pela trama, o suspense que gira em torno da chacina não me deixou curiosa para descobrir, e senti falta de um romance na história, não há romance no livro?
    Ps: esse erro da tradutora em deixar de traduzir um parágrafo fundamental no final da história foi algo bastante negativo, hein?! Ainda mais quando o livro foi lançado pela Bertrand Brasil e sendo um livro da Nora Roberts, francamente, esse tipo de situação é bastante frustrante para qualquer leitor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todo o livro da Nora tem par romântico e amor envovildo, sem falar do final feliz obrigatório em sua categoria como escritora nos EUA, mas se eu falar muito acaba sendo spoiler. O foco da história é a superação apos um evento tão traumático. Foi uma história emocionante.

      Excluir
  15. Só realizei a leitura de dois livros da Nora Roberts. Álbum de Casamento e Mar de Rosas e acredito que façam parte dessa categoria que você disse de serem fofos. Achei os dois bem clichê. Naquele estilo Sessão da Tarde. Gostei dos dois, porém não foi nada inesquecível e de outro mundo. Achei a proposta desse bem mais pesada. E lendo os quotes achei um pouquinho arrastado. Acho que é porque eu gosto muito de livros em primeira pessoa. Agora uma coisa positiva é que esse livro é único. Contudo, infelizmente acabei não me interessando tanto assim. Acho um vacilo da editora fazerem isso. Não se pode cortar algo importante.

    ResponderExcluir
  16. Oi, Carolina!!
    Adoro os livros da Nora Roberts e fiquei bem empolgada para ler esse livro da autora e mesmo gostando dos livros autora com estilo mais romântico também curto bastante os livros dela no gênero dramas/suspense.
    Bjoss

    ResponderExcluir
  17. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir