acompanhe o blog
nas redes sociais

24.5.19

A Filha do Pântano [Franny Billingsley]

Franny Billingsley
Cortesia da Editora Novo Conceito

O tipo de historia que poderia me envolver não fosse a linguagem usada pela autora, pode ser pela forma como foi traduzido, mas tive dificuldades de me prender a leitura. Logo eu que amo, contos sobre bruxas e seres Antigos. Apesar disso a história tem um ar misterioso que te envolve que faz querer saber no que aquilo vai dar.

A Filha do Pântano
Título: A Filha do Pântano
Autor: Franny Billingsley
Editora: Novo Conceito
Gênero: Fantasia
Páginas: 384
Edição:
Ano: 2018
Onde comprar: AmazonSubmarino, Travessa


A história de Briony, não e de uma típica jovem, mas de uma pessoa que carrega uma culpa tão grande em seu coração que não se vê merecedora dos presentes que a vida lhe apresenta, por ter de cuidar da sua irmã gêmea que tem a saúde mental afetada, da qual também se culpa, em um misto de raiva e compaixão, age com frieza frente aos comportamentos da irmã, mas que a leva a agir de forma protetora e impulsiva.

Com a chegada de Eldric essa visão de si mesma pode mudar, este é um rapaz encantador que trata a todos com sentimento de igualdade, diferente dos rapazes que ela conhecia. Um rapaz que tem um lado mal que os aproxima, de uma forma boa por assim dizer.

No vilarejo chamado Swampsea, Briony vive com a irmã gêmea e o pai, e com a chega de forasteiros o mundo conhecido por ela começa a sofrer com a interferência dos homens que não entendem o poder que rodeia aquele lugar. Briony se vê incumbida de resolver esses problemas para livrar sua irmã de um mal terrível.

“Era sua própria tolice,não era, Briony? Era exatamente disso que a Madrasta falava. Você,no pântano, com seus ciúmes e raivas bruxescos sempre fervendo sob a superfície. Você não acha que tem mas intenções, no entanto, faz o mal”

Uma historia sobre a libertação do medo e encontro de Briony com ela mesma, mostrando que as vezes nem tudo e como parece ser.

comentários pelo facebook:

18 comentários em "A Filha do Pântano [Franny Billingsley]"

  1. Quantos segredos e culpas Briony carrega. E carrega esse fardo sozinha sem compartilhar com ninguém...bem talvez com a chegada do forasteiro, ela possa se abrir mais.
    Se você curte bruxas e seres antigos eu por outro lado não leio nada.

    ResponderExcluir
  2. Puxa, uma resenha curtinha..rs acho que isso tem a ver com o fato de você não ter curtido tanto o livro, que sim, tinha potencial,mas parece que ficou tudo muito raso, sem aquele aprofundamento tanto no enredo, quanto nos personagens.
    Uma pena realmente.
    Como é a primeira resenha que leio desta obra, deu até uma curiosidade em saber mais!!
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Olá Tainá,
    Gosto muito de coisas que envolvem fantasia, amo sobre bruxas.
    Você falando da linguagem me desanimou um pouco :/
    Não conhecia esse livro

    ResponderExcluir
  4. Oi Tainá,
    Pela capa e pelo título eu estava apostando em uma história mais voltada só para o terror (gênero que adoro), mas essa mistura de mistério e fantasia é algo que gosto também. Briony me parece ser bem madura e isso talvez seja por causa de quem ela é ou talvez pelas situações que tem passar, toda a culpa que carrega acredito que a torna uma personagem muito intensa. Uma pena a linguagem da autora não ter sido mais envolvente, pois está aí uma história cheia de potencial a ser explorado.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Tainá
    Gosto muito da capa do livro. Li algumas resenhas do livro com comentários positivos e negativos.
    O enredo com bruxas e outros seres parece bem interessante, a escrita da autora é bem diferente do que estamos acostumados. Briony parece ser uma personagem forte.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá Tainá!
    Briony parece ter sido construída com bastante profundidade, sendo que o crescimento da protagonista é o ponto alto da trama. A mitologia da história, por outro lado, poderia ser sido mais aprofundada, sendo que na sinopse o autor tem a impressão de que a fantasia vai ser um fator de destaque no enredo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Esse artigo foi tão mal escrito que o aviso inicial sobre o livro não ter prendido a leitura me parece agora uma recomendação.

    ResponderExcluir
  9. Oi Tainá,
    Entendo o que quer dizer, as vezes não sei se é a escrita da autora ou a tradução que não me conecta com a história.
    Uma pena, a temática de bruxas é interessante.

    ResponderExcluir
  10. Também gosto demais de estórias com bruxas e magia. A resenha ficou curitnha e não sei se foi porque você não gostou ou se porque o enredo não teve muito desenvolvimento.
    Mas eu fiquei curiosa em saber o que esses forasteiros vão trazer para esse vilarejo. Apesar de tudo, quero conhecer a estória. Vou procurar saber mais sobre ela em outras resenhas.

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Olá Tainá!
    Eu achei a premissa de história e a capa bem legais. Vemos que a personagens está bem dividida entre o bem e o mal, e notei uma perspectiva de romance que me agrada bastante. Pode ter sido a tradução mesmo que deixou a linguagem ruim, afinal as traduções nunca são perfeitas.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá! Mesmo com uma escrita não tão fluída, gostei do enredo do livro, ainda mais porque a protagonista tem uma irmã gêmea (assim como eu!), e ainda tem esses elementos de fantasia e certo mistério.

    ResponderExcluir
  14. A premissa é interessante, convidativa, mas fiquei curiosa para saber mais da narrativa. Quando é informal demais não me agrada.
    Mas gostei das suas considerações.

    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi, Tainá!
    Gosto de fantasia mas não me interessei pela trama de A Filha do Pântano, não fiquei curiosa para conhecer mais da história de Briony... por isso dificilmente eu leria esse livro. Abraços!

    ResponderExcluir
  16. Olá!
    O livro tem uma premissa boa, fiquei bastante interessada pela historia ainda mas adoro livros com esse universo que o autor criar. Espero ter a oportunidade de ler.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir
  17. Oi, Tainá!!
    Também adoro livros com histórias de contos sobre bruxas e realmente parece que o livro tinha tudo para ser maravilhoso mais não foi isso que aconteceu que é uma pena.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Tambem adoro livros sobre bruxas e seres antigos. Sempre acho tudo muito misticos. Eu nunca mais tinha lido nada da editora novo conceito então vou aproveitar alguma promoção e livros da submarino e vou comprar ele para mim

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir