acompanhe o blog
nas redes sociais

9.4.15

Boa Noite, Estranho [Jennifer Weiner]

Jennifer-Weiner
Ed. Novo Conceito, 2015 - 432 páginas:
      Para Kate Klein, mãe de três filhos, o subúrbio trouxe algumas surpresas desagradáveis. Seu marido, antes carinhoso e apaixonado, agora raramente está em casa. As supermães do play-ground insistem em esnobá-la. À noite, os melhores orgasmos são do tipo faça você mesma.Quando uma das mães do bairro é assassinada, Kate chega à conclusão de que esse mistério é uma das coisas mais interessantes que já aconteceram em Upchurch, nos últimos tempos. Embora o delegado tenha advertido que a investigação criminal é trabalho para profissionais, Kate se lança em uma apuração paralela dos fatos, e ela descobrindo os segredos e mentiras por trás das cercas brancas de Upchurch e começa a repensar as escolhas e compromissos de toda mulher moderna ao oscilar entre obrigações e independência, cidades pequenas e metrópoles, ser mãe e não ser. 

Onde comprar:

Para uma mulher que cresceu em Nova York, acostumada com a agitação da cidade, a trabalhar fora de casa, parar em Upchurch, Connecticut, com três crianças é uma mudança drástica de estilo de vida. Ainda mais quando as supermães da cidade não a recebem como ela esperava e a vida atrás das cercas brancas se torna repetitiva e tediosa. Segundo as mães modernas do subúrbio é bem difícil de imaginar quando se tem três crianças com menos de 5 anos sendo dois meninos gêmeos. Mas para Kate, que teve uma carreira bem-sucedida em Nova York, quando se casou com seu até então amoroso marido e teve de se mudar numa decisão unilateral para sua bela casa em Upchurch, suas obrigações começam a fazê-la questionar o rumo que tomou a sua vida.

Enquanto a rotina devora a velha Kate e a necessidade de atingir o nível de perfeição das supermães do bairro, Kate é puxada para uma aventura inesperada naquele pacato lugar, uma das mães é assassinada e cabe a Kate procurar explicações sobre o ocorrido, bom, ao menos é o que ela se faz pensar. Com a ajuda de sua melhor amiga, ela tenta solucionar o crime, cuidar da casa, das crianças e de seu marido ranzinza que não para mais em casa.

Com as investigações Kate descobre que, na verdade, existia mas coisa por trás daquelas cercas do que ela podia imaginar, por trás daquela fachada de perfeição, a maioria dos cidadãos da cidade tinham um passado meio suspeito. Principalmente a sua “amiga” assassinada, que no final tem mais coisas em comum com Kate do que ela esperava, que por trás de toda a postura, ela era só uma mulher a procura da sua verdade.

Para quem não é mãe, provavelmente pode não compartilhar dos sentimentos de Kate, mas ela tem um pouco de cada mulher e Jennifer Weiner mostra de forma bem humorada essas facetas. Pessoalmente eu gosto de romances investigativos e levando em conta que na verdade a personagem não é detetive, é de se esperar que não seja cheio de grandes artimanhas.

É uma realidade diferente da minha, pelo menos, mas é divertido imaginar como a vida funciona em outros lugares.

Cortesia da Editora Novo Conceito

Guarapariense, gastrônoma e apaixonada por todos os tipo de arte. Ler é uma forma de escape prazeroso da nossa realidade. Assim como as comidas que cozinho me alimentam o corpo, os livros alimentam minha alma.

*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

13 comentários em "Boa Noite, Estranho [Jennifer Weiner]"

  1. Gosto de livro onde a história envolve um mistério, mas achei um pouco maluquice da parte da protagonista se envolver em uma investigação particular sobre um assassinato...
    Abraços!

    ResponderExcluir
  2. A sinopse e a resenha me deixaram bem curiosa. Adoro livros que envolvem suspense e fico louca para descobrir a verdade. Vou adicionar a lista e pretendo ler.

    ResponderExcluir
  3. Oi querida,
    Tudo bom sou sua seguidora e também blogueira do Leitura Kriativa. Hoje queria fazer um convite para você. Lancei meu primeiro livro ano passado chamado Vingança Mortal, uma história suspense policial ambientada no interior do RS. Então queria te convidar a conhecer um pouquinho mais da história na minha página e se puder curtir minha página no face: https://www.facebook.com/escritoraraquelmachado
    Além disso estou com parcerias com blogs abertas se você tiver interesse me manda um e-mail que eu te explico direitinho como estou fazendo: raquel.machado2014@yahoo.com.br
    Obrigada desde já pela atenção e desculpe pelo incomodo.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    leiturakriativa.blogspot.com.br/p/vinganca-mortal.html

    ResponderExcluir
  4. Estou doida pra ler esse livro, a história parece bem interessante, mistério e investigação, ganhei ele e estou ansiosa pra que chegue logo pra poder conferi essa história.

    ResponderExcluir
  5. Esse livro me interessou bastante. Gosto de romances investigativos e essa história proporciona isso (e até um pouco mais, diria, pois aborda a questão da mudança de vida e também do papel da mulher). Se tiver a chance, vou ler sim.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi, Tainá. Gosto de livros policiais e gostei da premissa desse livro. Apesar de preferir aqueles em que o investigador é um detetive mesmo ou um policial, fiquei curiosa para conhecer essa história e descobrir o que toda a vida aparentemente perfeita esconde e também saber como e o quê Kate usa para solucionar o caso. E por não ser uma investigação feita por um profissional, acredito que o livro aborde muito mais as questões do modo de vida, da mente e da personalidade das pessoas dessa localidade. Estou curiosa e se tiver uma oportunidade, irei lê-lo!

    ResponderExcluir
  7. Olá, gosto muito desse genero de livro, a sinopse desse é muito boa e já havia me interessado por ele nos book hauls dos parceiros da editora, quero muito ler pois é meu tipo de livro favorito, assim que conseguir vou adquirir!
    Abraços
    www.estantedepapel.com

    ResponderExcluir
  8. Tainá!
    Gosto de romances investigativos, entretanto, esse livro para mim só veio funcionar nas partes finais. Achei bem arrastado no início, cheio de vai e vem, fiquei dias para ultrapassar a barreira das 100 páginas... O melhor foram as risadas que dei com a amiga da protagonista, ela é hilária.
    Boa Semana!
    “Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade.” (Carlos Drummond de Andrade)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oiee
    Também adoro esses romances investigativos,eu sempre tento descobrir o que houve mas nunca consigo acertar,sou pessima de palpite.Estou curiosa pra descobrir os segredos desses moradores aparentemente tão tranquilos e se Kate vai chegar a uma conclusão do crime.
    bjos

    ResponderExcluir
  10. Quando vi a capa desse livro, não imaginava que ele tinha uma pegada de suspense investigativo (mesmo que pequena). Então foi uma surpresa quando soube desse fato. Minha curiosidade aumentou consideravelmente. E olhando essa trama, dá pra ver que cada um tem seus segredos mais obscuros. Enfim, vou querer dar uma conferida nele em breve.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  11. Olhaaa... tá me parecendo que o assassino é o marido de Kate... espero estar enganada porque dai nem vai valer a pena ler!
    Quando vi a capa e comecei a ler a resenha (não leio sinopses) eu pensei que ela ia se apaixinar por alguém lá na outra cidade, mas dai comecei a pensar que o nome do livro tem a ver exatamente com o marido que ela achava que conhecia e que na verdade se torna um estranho!
    Desvendei o mistério? o.O

    ResponderExcluir
  12. Eu amo histórias neste sentido, já fiquei super curiosa para saber quem é o assassino, será mesmo que é o marido dela?! Espero que não. Deve ser horrível se casar e descobrir que não conhece a pessoa com a qual se casou, nan. Deus me livre.

    ResponderExcluir
  13. Imaginava essa trama mais "séria", mas ainda assim pretendo lê-la, quando tiver uma oportunidade.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir