acompanhe o blog
nas redes sociais

26.5.15

Torim e a Guerra Cósmica [Gabriel Mussolin]

Ed. Novo Século, 2015 - 256 páginas:
      Um mortal. Um guerreiro. Um herói. Uma lenda. Movido por instintos guerreiros, Torim segue os deuses do monte Olimpo para uma batalha sem precedentes. Apolo e Perseu auxiliados pelos destemidos pégasos têm de enfrentar o vilão mais temido por todos e disposto a usar diversos artifícios para vencer essa guerra. 


Onde comprar:



Ao ler a sinopse desse livro, não tive dúvidas, precisava lê-lo, afinal, quando vejo a palavra Mitologia estampada em algum local, já me interesso.

Como já vemos na sinopse, a trama trata de uma guerra sem precedentes, onde muitas raças estarão envolvidas. Vemos toda a preparação, a guerra em si, e o pós-guerra.

Resolvi estruturar essa resenha de uma maneira diferente a qual eu geralmente uso. Será através de tópicos explicativos. Vamos lá, então:

Iniciarei pelas desvantagens:

- Narrativa coloquial – Uma boa parte da narrativa é em primeira pessoa e narrada por Torim (personagem principal). A narrativa é toda em tom coloquial e isso me incomodou bastante. Não sou contra essa forma, mas acho que elas não deveriam ser em excesso. Sou a favor de algumas partes serem assim (principalmente os diálogos), mas quando extrapola esse limite, não me soa bem. Me dava a impressão de que o autor estava contando essa trama em uma roda de amigos.

- Superficialidade – O ritmo da história estava tão frenético, que acabou que o autor não se aprofundou em quase nada. Na metade do livro já tínhamos chegado a grande guerra cósmica, e fiquei me perguntando como o autor iria preencher as mais de 100 páginas finais. Mas ele conseguiu preenche-las com outros acontecimentos, que não falarei para não soltar spoiler. Sabemos que quando se aborda Mitologia, o início deve ser um pouco mais lento, pois, a cada personagem nova, o leitor precisa saber um pouco sobre seu Mito (quem são seu pais, irmãos, ele é Deus de quê?, etc.), e Gabriel Mussolin inseria personagem atrás de personagem e isso acabou me deixando bastante confuso em meio a tantos nomes e árvores genealógicas.

- Grande número de personagens – Temos um leque enorme de personagens e seres que fizeram parte dessa trama. Tivemos os Deuses e seres mitológicos gregos, personagens romanos, titãs, zumbis, krakens, lobisomens, Ietis, seres de lava, esqueletos, etc. Tive a impressão de que ele quis englobar tudo, mas acabou ficando muito jogado.

- Cenas confusas – Principalmente as cenas das lutas. Ficava tentando visualizar as ações, golpes e cenários em determinadas passagens, mas não consegui.

- Falta de revisão – Esse foi, sem dúvidas, o grande problema desse livro. Encontrei incontáveis erros de digitação, de concordância, de pontuação, repetição de palavras (em alguns parágrafos você poderia encontrar uma mesma palavra escrita cinco, seis vezes).

Agora as vantagens:

- Bom trabalho de pesquisa – Percebe-se claramente que o Gabriel pesquisou sobre Mitologia grega. Inclusive, inseriu em algumas partes a criação de alguns mitos, como o das quatro estações do ano, por exemplo.

- Criatividade – É inegável que a mente do autor é fértil. Podemos observar pela quantidade de seres que ele inseriu na trama, fora algumas passagens bem interessantes.

- Potencial – O autor é bastante jovem e criativo. Precisa apenas amadurecer sua escrita. Não tenho certeza, mas creio que esse foi seu primeiro livro publicado. Então, acredito que ele irá melhorar a cada livro. Potencial ele tem.

Finalizo essa resenha avaliando esse livro com 2 estrelas. Essa classificação muito se deve a falta de revisão do mesmo.

http://www.skoob.com.br/torim-e-a-guerra-cosmica-438904ed497330.html

Cortesia da Editora Novo Século


Pernambucano, formado em Artes Cênicas e apaixonado por teatro e livros. Descobriu-se leitor depois de um empurrãozinho de uma amiga. Virginiano, pé no chão e que adora a calmaria. Leitor de quase todos os gêneros literários. Afinal, quando a trama é boa, o gênero é o que menos importa.

*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

13 comentários em "Torim e a Guerra Cósmica [Gabriel Mussolin]"

  1. caro Dom Dom, triste verificar que ainda temos este grande problema grave, falta de revisão. sou daqueles que iniciam a leitura pela ficha bibliográfica... olho tradutor, revisor etc. no afã de vender deixa-se de lado o princípio básico de que um livro tem que sair da gráfica perfeito (ou seria para diminuir custos?)
    bom... o alento é que o autor tem potencial e que nas mãos certas dará frutos saborosos. vamos cruzar os dedos e ficar na torcida.
    sua resenha sincera fez toda a diferença, amigão. valeu!

    ResponderExcluir
  2. Sua resenha me querer passar longe desse livro. hehehe
    Apesar da resenha não iria ler; já que não faz meu estilo.

    ResponderExcluir
  3. Oi, Nardonio! Que pena que o livro não te agradou tanto. Falta de revisão também me deixa bastante desanimada. É tão bom terminar um livro e perceber todo o cuidado e capricho da edição. Quanto a história, também acho que um grande número de personagens pode deixar a trama meio confusa. Mas, é bom saber que o autor possui muita criatividade e um grande potencial.

    ResponderExcluir
  4. Não costumo ler livros que envolve mitologia, acho meio confuso pra minha pobre cabecinha entender, e se você que gosta desse gênero ficou perdido, imagine minha situação?! Como diz meu pai pra que tantos personagens, não dá pra saber quem é quem na história!
    Bjos!

    ResponderExcluir
  5. Nardonio, nunca imaginei que um livro poderia ser publicado sem a devida revisão, é uma pena que justamente uma obra de fantasia, gênero que precisa de desenvolver no mercado nacional, sofra desse problema. Isso compromete muito! Em todo caso, devo ler esse livro mesmo assim, mas já esperando por esses problemas. Grande resenha, abraços!

    ResponderExcluir
  6. Oi Dom
    Essa é a segunda resenha que leio desse livro e definitivamente não quero lê-lo rs
    As primeiras obras dos autores as vezes são coisas complicadas, falta a experiência, amadurecimento da escrita e das ideias ainda, como nesse caso pelo jeito. Uma pena, tinha uma premissa interessante.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Nardônio!
    Essa é a segunda resenha que leio que diz que o autor tem potencial pra fazer uma ótima história, e tomara que ele melhore logo, assim talvez eu comece esse livro.
    Pelo jeito tem muitos defeitos, mas acho que o que mais irritaria seriam os erros de revisão.
    Um abraço!!

    ResponderExcluir
  8. Gosto muito do tema mitologia. Ele é bem rico e por isso tem que ser abordado da maneira certa para fazer sentido. Tenho que dizer que lendo sua resenha não tenho vontade de ler esse livro. Acho que talvez com uma boa revisão melhore. Sendo o primeiro livro do autor ele também deve ir se aperfeiçoando.

    ResponderExcluir
  9. Adoro livro com alguma mitologia. Mas querer pegar tudo de uma vez e jogar no liquidificador não dá certo. E tem que ter uma base boa nos mitos li um livro recentemente que pecou nisso. Esse livro não vai pra minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  10. Dom!
    Li uma outra resenha desse livro que apontava os pontos negativos parecidos com os seu.
    Na verdade o que não dá é para ter um livro de mitologia sem aprofundamento, fica difícil. Por mais que o autor tenha se empenhado para pesquisar, tem que dar uma noção ao leitor leigo.
    E muito personagens em uma obra inicial, realmente atrapalha.
    “Os homens não desejam aquilo que fazem, mas os objetivos que os levam a fazer aquilo que fazem.”(Platão)
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi!
    Gosto muito de Mitologia então adorei saber que temos um ótimo trabalho de pesquisa para a construção da historia também gostei bastante vários personagens geralmente leio livros com poucos personagens e quando se trata de mitologia quando mais melhor !!!

    ResponderExcluir
  12. Olá meus caros leitores, peço perdão por meus erros, realmente também fiquei um pouco chocado com os erros de revisão já que a editora que era responsavel por esta parte, ja venho amadurecendo minha escrita e devo dizer que surpresas estão por vir, verão que a história, os segredos, as duvidas e a verdadeira guerra cósmica estão por vir, abraços, obrigado pela dica, irei melhorar!!

    ResponderExcluir
  13. @Gabriel Mussolin Você não precisa pedir perdão, Gabriel!!! Apesar de serem complicados, esses problemas com revisão acontecem. Legal saber que muitas surpresas estão por vir. Claro que vou acompanhar essa série. Espero que o segundo volume seja lançado muito em breve.
    Abraços!!!

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir