acompanhe o blog
nas redes sociais

2.11.15

Outlander: O Resgate no Mar, Vol. 03 – Parte I [Diana Gabaldon]

Outlander: O Resgate no Mar - Diana Gabaldon
Ed. Saída de Emergência, 2015 - 592 páginas:
      Há vinte anos Claire Randall voltou no tempo e encontrou o amor de sua vida - Jamie Fraser, um escocês do século XVIII. Mas, desde que retornou à sua própria época, ela sempre pensou que ele tinha sido morto na Batalha de Culloden. Agora, em 1968, Claire descobre, com a ajuda de Roger Wakefield, evidências de que seu amado pode estar vivo. A lembrança do guerreiro escocês não a abandona - seu corpo e sua alma clamam por ele em seus sonhos. Claire terá que fazer uma escolha; voltar para Jamie ou ficar com Brianna, a filha dos dois. Jamie, por sua vez, está perdido. Os ingleses se recusaram a matá-lo depois de sufocarem a revolta de que ele fazia parte. Longe de sua amada e em meio a um país devastado pela guerra e pela fome, o rapaz precisa retomar sua vida. 

Onde comprar:

O terceiro volume de Outlander foi dividido em duas partes devido ao seu elevado número de páginas. Em O Resgate no Mar, Parte I são 592 páginas e a parte II é composta de 655, logo a divisão foi bem vinda, pois fica mais fácil manipular livros menores. Mesmo assim o livro ainda tem um tamanho relevante, mas Diana, como venho comprovando, sabe o que está fazendo e O Resgate no Mar, Parte I continuou majestosamente empolgante.

Nos próximos parágrafos você vai encontrar spoiles:

Retornando para o seu próprio século, Claire se obriga a viver, mesmo acreditando que Jamie morreu na Batalha de Culloden, afinal ela está gravida e precisa criar sua filha. Como sempre foi uma mulher muito autentica, não escondeu nada de seu marido do século XX, Frank Randall. Mesmo sabendo que Claire agora ama outro homem, Frank retoma o casamento e assume a paternidade de Brianna, filha de Claire e Jamie. Enquanto isso, no século XVII, Jamie sobrevive ao extermínio ocorrido na Batalha de Culloden por um golpe de sorte, mas seu desejo era estar morto, já que não conseguia imaginar sua vida sem a presença de Claire.

"Clarie. O nome cortou seu coração como uma faca, provocando uma dor mais torturante do que qualquer sofrimento que seu corpo já havia suportado."

Vinte anos depois, quando Claire e Brianna estão visitando a Escócia, Claire descobre com a ajuda de Roger Wakefield, historiador e filho adotivo do reverendo Wakefield, que Jamie não morreu em Culloden como ela supunha. Determinada, com a ajuda da filha e de Roger, passa a investigar através de pesquisas o que aconteceu com Jamie depois de Culloden. E a medida que vão descobrindo os fragmentos da história, Claire começa a se dar conta que ela pode voltar ao passado e reencontrar Jamie, mas poderia deixar sua carreira de médica, que lutou tanto para conseguir e principalmente, poderia deixar Brianna para trás?

"Eu vejo. Eu sei que ela precisa dele. - O volumoso lábio inferior tremeu ligeiramente. - Mas... eu preciso dela! - As mãos de Brianna agarraram-se subitamente aos joelhos e ela inclinou-se para frente, como se tentasse conter uma dor repentina."

Fim do Spoiles

O que mais me impressiona na escrita de Diana Gabaldon é o fabuloso detalhamento físico e psicológico dos personagens de modo que conseguimos imaginar perfeitamente cada um deles, como se estivéssemos inseridos na história. Jamie continua apaixonante e cativante, sempre pronto a se sacrificar pelos que ama, a lutar pelo que acredita e, mesmo nos piores momentos, mantém sua serenidade. Claire é uma mulher forte e guerreira, sabe o que quer e é sempre muito autentica, independente da situação. Roger e Brianna ficam mais em evidencia neste volume e já começamos a gostar dos dois também. Outro personagem que se destaca é o Major John William Grey, que chegou até a ganhar sua própria série.

Nos primeiros volumes fiquei pensando como a autoria iria fisgar o leitor numa série tão longa, mas agora, acredito já conhecer a resposta. Mesmo concentrada no casal protagonista, Outlander tem ótimos personagens secundários e sua trama é inserida dentro da História, compondo vários cenários diferentes a cada aventura vivenciada pelos protagonistas.

Li o livro em um dia, porque este foi o volume mais comovente, chorei em quase todos os capítulos devido a intensidade dos dramas familiares. Outlander realmente apaixona.

"- Eu a tenho visto tantas vezes - disse ele, a voz sussurrante e morna em meu ouvido. - Você veio a mim tantas vezes. Em sonhos, às vezes. Quando estava delirante em febre. Quando estava com tanto medo e tão sozinho que achava que ia morrer. Quando eu precisava de você, eu sempre a via, sorrindo, com seus cabelos cacheados em volta do rosto. Mas você nunca falou comigo. Nunca me tocou."

Já foram publicados quatro volumes pela editora Saída de Emergência:

Livro 01 (2014) - A Viajante do Tempo
Livro 02 (2014) - A Libélula no Âmbar
Livro 03 (2015) - O Resgate no Mar (Parte I)
Livro 03 (2015) - O Resgate no Mar (Parte II)

Outlander


 Cortesia da Editora Saída de Emergência
Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

18 comentários em "Outlander: O Resgate no Mar, Vol. 03 – Parte I [Diana Gabaldon]"

  1. Outlander é uma série tão elogiada, que apenas o tempo e outros infortúnios me impediram de ter começando os livros.
    No começo, ao saber o quanto a série duraria e o tamanho de seus livros, me perguntei se a autora não se perderia ou tornaria algo maçante uma série tão longa, mas diante das resenhas que sempre encontro sobre seus livros e a expectativa pelos próximos, vejo que ela está guiando a série de forma fantástica.
    O amor de Jamie e Claire parece ser lindo, apenas os poucos trechos que encontro por aí demonstram isso, e ver a autora indo além do romance deles, que apesar de lindo pode dar espaço para outros assuntos, é agradável. Ao que parece, ela sabe tocar o leitor com seus dramas.
    Adorei a resenha.
    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Nunca tinha ouvido falar dessa série, mas concerteza já está na minha lista da Amazon Haha*-* também tenho que admitir que só li a sinopse pois odeiooooo SPOILER então obrigado por avisar Haha, apesar de tudo li também só umas partes (leitora curiosa) não pude deixar de notar que esse livro concerveja (concerteza) tem tudo pra dar certo no meu gosto literário, e como eu AMO séries #partiucompraroutlander U.U

    ResponderExcluir
  3. Nunca tinha ouvido falar desta série, mas depois desta otima resenha ( tirando que não li a parte de spoiles) adorei a história e ainda o fato de ser um livro de romance me conquistou, já está na minha listona de leituras *--*
    Bjss

    ResponderExcluir
  4. Gisela!
    O que mais me chama a atenção nessa série são essas passagens de um tempo a outro, sou fascinada pelas viagens no tempo.
    E a abordagem psicológica das personagens, me aparece que a autora sabe como envolver o leitor com a forma como mostra cada lado deles.
    “Jamais se desespere em meio as sombrias aflições de sua vida, pois das nuvens mais negras cai água límpida e fecunda.”(Provérbio Chinês)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista, serão 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
  5. Nossa... nem li o primeiro ainda. Tô desanimada total com essa série. Mas pretendo ler ainda, pois gostei da temática. Esperando criar coragem.

    ResponderExcluir
  6. Cada resenha que eu leio sobre essa série só aumenta a minha vontade de começar a ler logo ela. Parece ser uma leitura incrível que eu vou só jogando mais frente. Espero poder começar logo, porque posso está perdendo algo sensacional! Ótima resenha ^^

    http://blogvagandoedivagando.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. ahhhhh querida Gi, poucas são as sagas, atualmente, que me chamam a atenção. esta me fisgou logo de cara, por causa da fantasia e da idade média, duas coisas que me encantam. a viagem no tempo é clássica, então é claro que torna-se obrigatória a leitura. me fez lembrar, guardadas as devidas proporções, o livro "a mulher do viajante no tempo" que simplesmente adorei, principalmente por causa do romantismo. esta saga está bem separadinha do lado esquerdo do peito, quero ler também e acompanhar suas maravilhosas resenhas. bjos.

    ResponderExcluir
  8. Oi Gi,a autora vem mesmo conquistando muitos fãs com esta série que vai me surpreendendo. Não cheguei a chorar neste volume, mas gostei muito do livro. Realmente ela detalha de um jeito que é muito fácil imaginar as cenas.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  9. Bom, confesso que a série Outlander, me assusta um pouco por causa do número de páginas, mas como li As Crônicas de Gelo e Fogo que também tem bastante páginas, acredito que não será um problema, só é um pouco cansativo.
    Sua resenha está muito boa e pretendo começar a ler Outlander em breve.

    ResponderExcluir
  10. Nunca ouvi sobre essa serie, mas ela me chamou muito a tenção, pois tem uma das coisas que eu mais gosto de ler: historias de época. Quero descobrir qual dessas duas escolhas difíceis a Claire vai tomar. Sem duvida leria essa serie.

    ResponderExcluir
  11. Parei no aviso de spoiler,é uma série bem conhecida,vejo muitos comentários.
    Parte I com 592 páginas e a parte II composta de 655,é uma autora que gosta de escrever!Ainda não encarei a leitura,só vi os 2 primeiros episódios do seriado,deu pra sentir como é o clima da história,mas não sei se é fiel aos livros.

    ResponderExcluir
  12. Puxa vida, eu to loca por esta série e depois de ler sua resenha (a parte sem spoilers) fiquei com mais vontade e decidi adquirir os livros logo e começar a ler.
    O que estava me desmotivando é o tamanho, o medo de ir perdendo o encanto devido a isso.
    Adorei saber dos personagens, como são bem descritos e nos envolvemos na vida deles e como os secundários ajudam para que a trama seja boa.
    Vc conseguiu ler em um dia? bóh.
    O que dizer, vou demorar para chegar nesse, mas começarei a série logo logo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Oi Gisela! A primeira vez que vejo sobre essa série é no blog de vocês. Mas confesso que me instigou muito. O tema viagem no tempo é muito fascinante, e se envolve ambientes categóricos do século XVII então... Já vi que vou gostar!
    MDS, vc leu isso tudo em um dia??
    Abraço

    ResponderExcluir
  14. Pessoal, li o livro em um dia pois foi numa viagem de avião bem longa e como a história foi envolvente, acabei não dormindo e fiquei lendo sem parar.
    abraços

    ResponderExcluir
  15. Oi Gisela :)
    Nunca ouvi sobre a série, nem mesmo sobre a autora. Porém, logo que vi o gênero não me interessei muito, pois o gênero não é nem um pouco meu favorito e não consigo me interessar por livros desse gênero. Mesmo não gostando do gênero e não me interessando não li a parte do spoiler hahaha Parece que dá um medo hahaha não sei se é só comigo!

    ResponderExcluir
  16. Olá, Gisela. Esta série me interessa bastante, de inicio não dava nada por ela, mas logo depois vi que Outlander prometia, e muito. Confesso que li a resenha por partes para evitar me aprofundar já na terceira história da série. O ponto que mais concordo com você é sobre o longo livro, mas que prende o leitor, pois toda a história, e todos os personagens, nos fazem não querer parar de ler até o fim. Gostaria muito de iniciar esta série.

    ResponderExcluir
  17. Outlander é uma das séries que estou tão impaciente e com raiva de não ter tido a oportunidade de adquirir os exemplares ou se já tive a oportunidade de adquiri-los estava desejando outro livro. Mas enfim, jâ avia lido muitas resenhas sobre este livro e com certeza irei ler esse livro.

    ResponderExcluir
  18. Confesso que livros grandes sempre me causam um certo desconforto, pois fico sempre com a sensação de que vai ser maçante e/ou repetitivo, mas, pelo que tenho visto, isso passa bem longe dos livros da Diana Galbadon. Que bom que ela tem um completo domínio de sua escrita. Tanto na questão personagens, como na condução das cenas. E, apesar dos tamanhos dos volumes, com certeza vou querer conhecer essa série de perto.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir