acompanhe o blog
nas redes sociais

13.9.16

A Garota do Calendário - Março [Audrey Carlan]

Audrey Carlan
Ed. Verus, 2016 - 119 páginas:
      Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Mia vai passar o mês de março em Chicago com o empresário Anthony Fasano, que a contrata para fingir ser noiva dele. A princípio Mia não entende por que um homem tão lindo e másculo precisa de uma falsa noiva, mas ela está prestes a descobrir...

Onde comprar:


Essa série está tão comentada que até quem não curte o gênero já deve conhecer a história de Mia Saunders, uma garçonete de Las Vegas que subitamente se vê precisando de um milhão de dólares para pagar uma dívida de jogo que seu pai, alcoólatra, contraiu com um agiota. Seu pai levou uma surra tão grande que está em coma no hospital e para que seus agressores não terminem o trabalho, matando-o, Mia tem que saldar sua dívida em um ano.

Ainda bem que ganhar um milhão de dólares em um ano é bem fácil para uma garçonete (para que não entendeu, estou sendo sarcástica), e Mia resolve procurar sua tia, dona de uma agencia de acompanhantes, para ajuda-la nesta tarefa simples, e vejam, não é que é realmente fácil! Mia vai trabalhar como acompanhante de luxo por doze meses, cada mês com um homem diferente, e pasmem, nem precisa transar com eles.

Mas pasmem mais ainda, os seus contratantes são tão bonitos que quem quer ter relações com eles é a própria Mia, ela quase baba em cima deles. E a garota não é nada boba, ela está disposta a aproveitar tudinho que este emprego dos sonhos pode lhe proporcionar.


Seus clientes de Janeiro e Fevereiro eram quase uns deuses da beleza e luxúria e em março as coisas parecem que não serão diferentes, ao ver Anthony Fasano, Mia quase desfalece, de tão extraordinário que ele é. Mas porque um homem maravilhoso e ainda por cima cheio da grana precisa de uma acompanhante para fingir ser sua noiva perante sua tradicional família italiana? Não posso dizer aqui, senão o único mistério do livro seria desvendado, atrapalhando a leitura de vocês.

"Foi quando meu cliente entrou no quarto, usando apenas uma pequena toalha precariamente pendurada nos quadris. Minha boca secou e meu coração quase parou de bater. Eu tinha acabado de decidir que aquele seria um bom jeito de morrer. Basicamente, aos vinte e quatro anos, eu finalmente via a perfeição em toda a sua glória nua."

Anthony Fasano é um impressionante homem de negócios, lutador de box, único filho homem de uma tradicional família italiana. E sua família foi o que mais me divertiu no livro. Ela é grande e espalhafatosa como uma boa família italiana deve ser, todos falam gritando uns com os outros, gesticulando como se estivessem espantando moscas, uma verdadeira loucura. E como sempre, Mia acabou aprendendo alguma coisa neste mês, como não ter medo de assumir que ela é e nunca deixar que outra pessoa escolha como sua felicidade deve ser.

O que posso falar sem medo é que Audrey Carlan ainda não me surpreendeu, mesmo que neste livro ela tenha modificado a forma de relacionamento entre Mia e Anthony. As histórias de cada volume são muito curtinhas e "simplistas", o que me faz querer entender o que levou a série a fazer tanto sucesso. O romance também não é seu ponto forte, porque Mia não quer se apegar a ninguém, mas posso garantir que seu coração já está meio balançado por um dos seus clientes. Curiosos? Leiam os livros e tirem suas próprias conclusões.

E no final de cada livro, você ganha de brinde o primeiro capítulo do próximo volume.

Clique sobre as capas para ler a resenha dos livros anteriores:


 Cortesia do Grupo Editorial Record
Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

16 comentários em "A Garota do Calendário - Março [Audrey Carlan]"

  1. Olá Gi!
    Eh a segunda resenha das que já li sobre a série que fla isso...
    Espero realmente que eu não me decepcione com a autora, pq estou colocando bastante fé nessa série acredita, por ser um gênero que eu curto, vamos ver né...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Bom, tenho lido várias e várias e várias resenhas sobre essa série e algumas são muito boas, algumas são muito ruins, e algumas ficam no meio termo. Pelo jeito as opiniões estão bem divergentes e eu não sei em quem acreditar, mas ainda assim, estou morrendo de vontade de conhecer, principalmente por essa divulgação toda e o sucesso repentino dessa autora. No entanto, realmente parece um livro bem simples. Preciso ler pra saber.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. cara Gi, fico aqui lendo suas linhas sobre o romance e me acabando de rir de seu sarcasmo. gosto de pegadas "hot", mas continuo a acompanhar a saga através de seus olhos "sacásticos" e cheios de ironia. adorei a resenha!

    ResponderExcluir
  4. Olá, Gisela! Estou acompanhando suas resenhas da série e, pelo visto, o livro segue o mesmo ritmo dos anteriores, sem apresentar algo novo que surpreenda o leitor. Acho que consigo imaginar o motivo pelo qual a Mia se faz passar por noiva de Anthony. Será rs? Apesar de não ter intenção de ler a série, quero seguir acompanhando suas resenhas.

    ResponderExcluir
  5. Não curto esse tipo de livro. Então, nem tenho muito o que comentar.

    ResponderExcluir
  6. Às vezes tenho vontade de ler esses livros só pra saber por que as pessoas gostam tanto. Mas ainda não me chamou a atenção o suficiente. Parece muito sem sentido o porquê da autora ter feito 12 livros quando poderia ter simplesmente feito uns 4, só que mais grossos. E mesmo que a Mia não se apaixone por todos os clientes, ainda parece uma história rasa.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  7. As famílias italianas são as minhas preferidas nos livros, sempre grandes, espalhafatosas e divertidas... mas apesar de haver uma família italiana na história continuo não me interessando por essa série...

    ResponderExcluir
  8. Oi, Gi. Eu li uma outra resenha que praticamente desvendou todo o mistério deste livro, mas sinceramente não me importo. Até hoje estou com o primeiro livro pela metade... não consegui embarcar na leitura, nem gostar da Mia e de sua maneira de "querer ficar com todos, mas não gostando que eles a tratem como uma prostituta", tipo assim Hello?! Tem algo errado aí.
    Mesmo assim, vou tentar voltar a leitura (espero que dê certo).
    Beijo, Visite o Leitora Encantada

    ResponderExcluir
  9. Olá, Gisela.
    Eu li apenas o primeiro e desisti. Também queria entender o motivo do estrondoso sucesso da série. Afinal, os livros são bem rasinhos e comuns.
    Se o livro não surpreendeu nem a você, que gosta do gênero, imagino pessoas que não curtam. É bem complicado.
    Dessa série, no momento, estou passando bem longe. rs

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de setembro. Serão três vencedores, cada um ganhando dois livros.

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    Não tenho curiosidade de ler essa série. Não é um estilo de leitura que me chame a atenção. Mas de qualquer forma, sempre leio as resenhas e acompanho o desenvolvimento do enredo, a cada livro lançado. Ótima resenha, como sempre. Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Ainda estou lendo o de janeiro e estou gostando, embora esteja lendo sem pretensões, mais pelo passatempo. Talvez seja porque não quero me apegar a nenhum dos caras porque teremos 12 livros pela frente e ela está com um novo cliente a cada um. Agora fiquei curiosa em saber por que o Antony precisa de acompanhante e também em conhecer essa família dele - italianos devem ser engraçados. Essa Mia cada hora é um cara de nacionalidade diferente? kkkkkk Confesso que gostaria dela em algum livro pegar algum cliente que cause mais problemas porque senão vai ficar enjoativo isso de homem rico, bonito, bom de cama e que a ajuda a ter experiências positivas.

    ResponderExcluir
  12. Huhauhauh,adorei os vários "pasmem" dessa resenha,Gi! XD
    E vou continuar acompanhando suas impressões dessa série,vai que aparece um que consegue te surpreender.
    119 páginas,é bem curtinha sim.Olha,fiquei curiosa pra saber o mistério desse livro.

    ResponderExcluir
  13. Gi!
    Confesso que ainda não me interessei em ler nenhum dos livros da série, embora saiba que ela é bem badalada e tenha romance.
    Mas... como o livro é curtinho, quem sabe um dia consiga lê-la?
    “A vida guarda a sabedoria do equilíbrio e nada acontece sem uma razão justa.” (Zíbia Gasparetto)
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  14. Oi..
    Quero muito ler essa serie,pois ja li muitos bons comentarios em relaçao a ela,e fiquei bastante curiosa ,de inicio pensei que seria de um casal so ,mas depois foi que descobrir que era so da Mia com varios homens diferentes,e sinceramente nunca li um livro com uma historia assim.
    Um abraço e muito sucesso :)

    ResponderExcluir
  15. Os livros ainda estão em minha lista de leitura. Vou ler todos de uma só vez, assim mesmo sendo ruim termino a serie :)
    Gostei de sua resenha por não conter spolier, li uma resenha em outro blog e já sei o que acontece com Fasano. Acredito que pelo livro ser curtinho fica quase impossível falar sobre ele sem os spolier.

    ResponderExcluir
  16. Oi.
    Adorei a resenha, mas eu acho que está aí uma série que nunca irei ler, minha cabeça não aceita o que a mocinha faz então essa não é uma leitura para mim.
    Gostei que esse mês a autora inovou, mas ainda assim essa não é para mim.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir