acompanhe o blog
nas redes sociais

6.3.17

Crave a Marca [Veronica Roth]

Crave a Marca
Ed. Rocco, 2016 - 480 páginas:
      Primeiro de uma série de fantasia e ficção científica, “Crave a marca” é o novo livro de Veronica Roth, autora do fenômeno Divergente, com mais de 32 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo. Numa narrativa cinematográfica, Veronica Roth narra a relação de dois jovens de origens e dons distintos – Cyra Noavek e Akos Kereseth – cujos destinos se cruzam de forma decisiva num planeta em guerra. Política, democracia, tolerância, amizade e redenção estão entre os temas abordados pela escritora neste lançamento, que chegou simultaneamente às livrarias de 33 países, em 17 de janeiro. Com uma narrativa eletrizante, repleta de batalhas espaciais e reviravoltas, “Crave a marca” surpreenderá não só os fãs de Veronica Roth, mas também de clássicos sci-fi como Star Wars.

Onde comprar:

Mundialmente conhecida por escrever a série Divergente, a autora Veronica Roth decide lançar uma nova série um tanto inovadora, se é que posso usar este termo. Seguindo o mesmo estilo distópico de sua outra estória, Roth nos apresenta um mundo completamente novo. Esqueça o muro de Chicago, esqueça as facções e entre no mundo do espaço regido pela a Assembleia.

Para entendermos a trama falarei um pouco de como foi organizado todo esse universo novo. Nossa história se passa no espaço e nele existem nove planetas que ficam dentro do limite da Corrente, uma força muito poderosa que possibilita dar dons as pessoas. Em cada planeta há uma cultura, pois trata-se de vários povos, e todos esses planetas são regidos pela a Assembleia, uma nave gigante que paira sobre todo o sistema solar.

O desenrolar do enredo se dará em Thuve, um planeta que diferente dos outros, possui dois povos em guerra, que se odeiam como inimigos mortais. Nosso protagonista Akos é de Thuve enquanto nossa outra protagonista é Cyra, que vive em Shotet. Akos vive com sua mãe, seu pai e seus irmãos até que um dia os Shotets invadem sua casa, matam seu pai e sequestram ele e seu irmão mais novo Eijh. O motivo do sequestro é esclarecido. Cada planeta possui Oráculos, e esses Oráculos preveem as fortunas de algumas pessoas. As fortunas são no contexto da estória, o destino de cada pessoa, e os Oráculos de Shotet previram as fortunas de Akos e seu irmão, ao qual diziam que eles morreriam à serviço da família Noavek. Depois do sequestro é que as estórias de Cyra e Akos se cruzam, pois foi a família de Cyra que havia sequestrado os dois irmãos.

Rysek Noavek é o rei dos Shotets e segue a cultura Shotet como fora assim ensinado. Usa sua irmã como uma arma para torturar e matar seus inimigos, já que o dom da Cyra dado pela Corrente é provocar dor extrema. Entretanto há um porém, da mesma forma que ela provoca dor, ela sente uma dor muito forte a todo instante. Mas havia uma esperança para que essa dor fosse cessada.

Akos também possui um dom, e o seu dom é justamente cortar a Corrente, ou seja, toda vez que ele chega perto de outra pessoa com dons, o dom dessa pessoa cessa, para de funcionar na hora. Rysek possui uma relação não tão boa com a irmã, e sente que ela está cada vez mais longe dele. Querendo agradá-la, Rysek manda Akos ficar o tempo todo com Cyra para que assim a dor que sente em seu corpo seja amenizada e suportável. Mas um subterfugio usado por Rysek. Outro motivo para o sequestro dos irmãos thuvesianos foi o fato de Rysek ter recebido uma fortuna não muito agradável, e o irmão de Akos, Eijh, possui o segredo para alterar essa fortuna.

É um mundo totalmente novo para nós leitores. Um elemento ou outro nos faz relembrar outras estórias, mas Veronica deixou peculiaridades que o fizeram único e admirável. O objetivo central da história ao meu ver, foi toda a questão das fortunas. São destinos que não se alteram e que se concretizarão, mas Rysek não aceita.

Os personagens são muito bem desenvolvidos e ficamos empolgados com cada um dos protagonistas, e mais ainda depois de todo o desenrolar e percebermos por onde a autora quer nos levar, que pra mim foi muito inteligente e louvável. Toda a construção de mundo, ordem politica, culturas, foi perfeitamente arquitetado e conseguimos acreditar que aquilo é real, e no contexto torna-se plausível.

Esse livro foi alvo de criticas lá fora. Andei dando uma pesquisada depois que havia lido a respeito por que durante a leitura não havia percebido nada que fosse anormal. Depois de pesquisar acabei compreendendo, que é a questão do racismo. Vou explicar melhor.

O povo de Thuve no enredo é descrito como pessoas brancas, com uma sociedade pacífica, enquanto o povo Shotet é caracterizado por um tom de pele mais escuro e de serem pessoas violentas. Falo acima que custei a perceber essas criticas porque a forma como Roth desenvolveu isso passa despercebido. Não há na narrativa essa divisão delineada, não conseguimos ter essa diferença a olho nu, apenas que o povo de Shotet é temido. O que quero dizer é que dentro das descrições não conseguimos visualizar isso como uma forma usada para diferenciar os dois povos, porque durante a trama a autora vai desmistificando isso. Enquanto Thuve possui uma visão temerosa do povo Shotet a muito tempo, percebemos que a coisa é apenas uma questão de falta de interpretação, de falta de comunicação, e falta de conhecimento entre os dois povos. Ambos só se conhecem pelas guerras que travam entre si para ocupar um mesmo mundo. Isso tudo é desmitificado pela relação entre Akos e Cyra, por isso que falei acima o qual inteligente e admirável a autora foi.

A narrativa também é algo notável. Podemos ver um amadurecimento da escrita da Veronica de Divergente para a Veronica de Crave a Marca. Os capítulos são alternados em primeira pessoa pelo ponto de vista da Cyra e em terceira pessoa pelo ponto de vista do Akos. Foi muito bem contado e muito bem estruturado.

Até mesmo a escolha do título não poderia ser tão bem escolhido, pois Crave a Marca vem de um ato do povo Shotet de honrar as pessoas que eles matam. Cada morte realizada eles marcam uma linha em sua própria pele.

O final do livro surpreende e empolga mais ainda o leitor para ler a sequencia. Serão apenas dois, e espero que no segundo seja explorado mais ainda a questão da Assembleia e a Borda. A Borda é onde o que limita os planetas reconhecidos pela Assembleia, e os que estão para fora da borda são o que não são considerados relevantes.

É um livro muito gostoso de ser lido com um enredo muito inteligente. Os fãs da autora não se decepcionarão. Estou muito ansioso para ler o segundo e ultimo volume dessa duologia. Boa leitura amigos.

 Cortesia da Editora Rocco
Douglas Brandão
Geminiano, formado em Magistério e futuro professor de História. Mora na Bahia e louco por livros. Um pouco ciumento e orgulho. Fanático por Harry Potter e chegou a receber o apelido de "Vírgula" por sempre dar uma opinião ou comentário, porque sempre usa "Entretanto", "Contudo" e "Todavia" por ser sempre "Do Contra". Sincero ao extremo e venho para compartilhar meu gosto de leitura com vocês.
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

23 comentários em "Crave a Marca [Veronica Roth]"

  1. Oi Douglas.
    Eu li muitas resenhas negativas sobre o livro e confesso que já estava desistindo dessa leitura, mas você despertou novamente minha curiosidade, achei interessante que o livro seja narrado em primeira e terceira pessoa, acho que esse olhar mais amplo sobre tudo da um ajudinha na hora da leitura, entende um pouco por que o livro é alvo de tantas criticas, mas faz sentido, gostei de saber que a escrita da autora melhorou, já que não conseguia me apesar aos personagens de divergentes.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  2. Olá!!!
    Olha não sei o que esperar muito em relação ao livro pois não comecei a ler minha coleção de Divergente não posso afirmar nada da escrita da autora por isso, mas acho que esse novo livro não seja tão esperado assim entre os fãs e é por isso que não vou comprar o livro agora até porque já tem mais na frente e até la vou lendo as resenhas e saber mais sobre a opinião das pessoas!!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Douglas!
    Não gosto da autora, comecei a ler a série Divergente e não gostei, sinceramente, amo os filmes, mas achei os livros bem cansativos. Sobre Crave a Marca, eu até então não achei razões para ler, mesmo com sua resenha positiva (e já é a terceira que leio) eu fiquei meio perdida na história, e tenho a impressão de que não vou gostar. A única coisa que achei interessante foi o fato de ter mais de um protagonista, isso normalmente me prende.
    Bj!

    ResponderExcluir
  4. Douglas, ainda não tive nenhuma oportunidade de ler alguma obra da Veronica mas entre toda, "Crave a marca" é qual eu estou mais interessada.
    Amei todo esse enredo, ele me lembrou um pouco "A Rainha Vermelha" por causa dos poderes que os personagens possuem, mas parece que essa obra é tão boa quanto. Ela possui a mistura de tudo o que gosto, ficção e romance, mesmo este sendo como um plano de fundo.
    Espero ler o livro em breve, é uma das minhas leituras que mais anseio em poder começar.

    ResponderExcluir
  5. Oi mano, jesus quanto tempo kkkk Bem voltando ao livro, o começo dessa série mostra que temos aí um ótimo enredo pra ser desenvolvido futuramente, o que espero sinceramente que ela saiba desenvolver depois de ter dado uma escorregada legal no enredo da série divergente e espero também uma amadurecida melhor par a escrita dela, o que acho que aconteceu porque temos presenta na leitura dois tipos de narrativas e isso é muito bom. Espero realmente que o segundo volume seja tão bom quanto esse mano.

    ResponderExcluir
  6. opa... nem li divergente ainda e já bem mais uma saga de roth? são inesgotáveis os caminhos que nos levam á leitura né Douglas? e se este livro já te deixou ansioso, lá vamos nós novamente colocá-lo também entre os desejados. vida difícil essa nossa de leitores viciados, rs. bela resenha amigão!!!

    ResponderExcluir
  7. Olá!!
    Ainda não li Divergente, mas preciso ler urgentemente, para ler esse livro, que é super incrível!!
    Amei a resenha!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  8. Oi! Não sabia que seria uma duologia e, na verdade, essa foi a primeira resenha do livro que li porque ele não me interessou muito. Só li os dois primeiros da trilogia Divergente e gostei muito (nem sei por que não li o terceiro) mas o Universo criado em Crave a marca não me instigou tanto assim.
    Legal você ter pesquisado sobre as críticas e explicar pra gente :)

    Duas Leitoras - no Top Comentarista de Março você pode escolher entre 4 livros!

    ResponderExcluir
  9. Estou lendo esse agora kkk e quase morri quando soube que o segundo só sai ano que vem.
    Estou amando a Cyra e o que me atrapalha são algumas palavras por serem bem estranhas. Estou no comecinho e apesar de ter travado em algumas partes estou gostando da história

    ResponderExcluir
  10. Olá!!! Quando vi esse livro logo me interessei e ele foi para lista de desejados, gostei muito dos seus pontos de vista sobre a história e confesso que fiquei mais curiosa para conferir, mas sabendo que será uma duologia prefiro esperar o lançamento do próximo, para não ficar ainda mais na ansiedade.

    ResponderExcluir
  11. Que bom que Veronica amadureceu e apresentou uma boa obra. Achei o nome dos personagens meio difícil de guardar, mas pela sua resenha este não é um ponto negativo. Gostei deste mundo criado pela autora e fiquei bem curiosa para conhecer seus detalhes. Entendi a polêmica que aconteceu lá fora, mas não acredito que essa fosse a intenção da autora. Ótima resenha.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  12. Douglas!
    Acho que essa questão de racismo é bobagem, porque a descrição do povo está dentro do contexto do livro, as pessoas se incomodam com pequenas coisas que nada tem haver, porque o enredo na minha concepção, é maravilhoso!
    “Saber de cor não é saber: é conservar aquilo que se deu a guardar à memória.” (Michel de Montaigne)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de MARÇO, livros + KIT DE PAPELARIA e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  13. Ainda não li nenhum livro da autora. Fiquei bem interessada nesse livro, pois achei diferente essa historia e interessante os dons das pessoas, mas o da Cyra achei cruel tanto para quem recebe assim como para ela também, adoro finais surpreendentes. Em relação ao racismo achei que não tem nada a ver.

    ResponderExcluir
  14. Oi Douglas!!
    Gosto bastante da autora e queria muito ler o livro - acabei ganhando ele e espero logo receber e começar a leitura! Sou realmente apaixonada por livros que saem do "normal", e saber que esse se passa em outros planetas me deixa ainda mais ansiosa para ler! Não sabia das críticas sobre racismo, mas pelo o que vc disse, para que que foi o povo tentando problematizar... Bom, de qualquer forma estou muito ansiosa para ler.

    BJS

    ResponderExcluir
  15. Hum,uma duologia,ponto positivo.
    Acompanho a série Divergente,mas sobre esse novo livro da Veronica Roth ainda estou em dúvida,vou aguardar o resenha do último volume para conhecer um pouco mais.

    ResponderExcluir
  16. Não curto distopia, é difícil de acontecer de algum livro pertencente a esse gênero despertar o meu interesse, mas lendo sua resenha sobre Crave a Marca fiquei muito curiosa para conhecer a história de Cyra e Akos, achei genial os personagens possuírem poderes, mas o que mais gostei de saber foi que o livro faz parte de uma duologia pois confesso que estou desanimada com séries "intermináveis"...
    Abraços, e valeu pela dica!

    ResponderExcluir
  17. Oi Douglas, tudo bem?
    Eu estou lendo os livros da série Divergente e até agora tenho gostado da escrita da autora. Eu achei super legal a ideia de fugir do ambiente que ela havia explorado nesses livros e se reinventar com uma história que se passa no espaço. Esses dias eu li uma resenha negativa desse livro e confesso que fiquei chateada, mas vendo agora que houve um amadurecimento nesse livro por parte da autora, voltei a fiquei animada para ler o livro.
    Beijos
    [SORTEIO]Baile Literário
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Ainda não conheço a escrita da autora, preciso me atualizar urgente, pois qro mto ler esse livro...
    Adorei a resenha!
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Olá, eu já ouvi fala de autora muita vezes e também já vi os filmes da serie Divergente porém nunca li os livros más quero muito ler..
    Esse livro me encantou não só pela capa más também pela historia, super fantasiada, adoro historia assim...

    ResponderExcluir
  20. Oi Douglas!
    Gente me julguem mas não li (nem vi os filmes) de Divergente :X
    Porém pretendo ler um dia <3
    Adorei a proposta de Crave a Marca, ser em diferentes universos com povos em combate.
    Achei que no início da leitura talvez os nomes compliquem um pouco, mas já estou curiosa para saber mais sobre Cyra e Akos ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
  21. Li esse livro e acho que ele tinha de tudo para dar certo, porém, acho que a escrita da Veronica Roth acabou atrapalhando um pouco, achei que a história ficou bem confusa e tinha momento em que tinha que parar e voltar vários parágrafos porque não estava entendendo nada, a proposta em si é muito boa, não é um tema muito visto nos livros e acho que a Veronica se dá bem em criar histórias que fogem do real, mas acho que só a escrita atrapalhou um pouquinho, tirando isso, adorei o livro.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  22. Sou apaixonada por Divergente, mas confesso que fiquei com o pé atras com esta nova historia da autora. Achei tudo muito parecido com varias historias que já li. Apesar de tudo parece uma historia interessante. Vou esperar o lançamento do segundo volume para ler os dois livros juntos.

    ResponderExcluir
  23. Oi!
    Quando fiquei sabendo do lançamento desse livro fiquei bem curiosa sobre essa historia, mas ainda não tinha parado para ler a resenha, porém lendo a resenha esse livro acabou superando minhas expectativas, gostei muito desse enrendo que a autora cria e principalmente desse mundo, fiquei bem curiosa para ler mais e essa é uma historia que está na minha lista de leitura !!

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir