acompanhe o blog
nas redes sociais

21.6.17

Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir, Vol. 03 - Série Os Números do Amor [Sarah Maclean]

Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir
Ed. Arqueiro, 2017 - 336 páginas
Juliana Fiori é uma jovem ousada e impulsiva, que fala o que pensa, não faz a menor questão de ter a aprovação dos outros e, se necessário, é capaz de desferir um soco com notável precisão. Sozinha após a morte do pai, ela precisa deixar a Itália para viver com seus meios-irmãos na Inglaterra. Ao desembarcar no novo país, sua natureza escandalosa e sua beleza estonteante fazem dela o tema favorito das fofocas da aristocracia. Pelo bem de sua recém-descoberta família britânica, Juliana se esforça para domar seu temperamento e evitar qualquer deslize que comprometa o clã. Até conhecer Simon Pearson, o magnífico duque de Leighton. O poderoso nobre não admite nenhum tipo de escândalo e defende o título e a reputação da família com unhas e dentes. Sua arrogância acaba despertando em Juliana uma irresistível vontade de desafiá-lo e ela decide provar a ele que qualquer um – até mesmo um duque aparentemente imperturbável – pode ser levado a desobedecer as regras sociais em nome da paixão.


Onde comprar:

Acredito que as autoras sempre deixam o melhor para o final, mas talvez seja eu que gosto demais de personagens femininas desafiadoras, daquelas que não levam desaforo para casa, principalmente quando se trata de Duques arrogantes, que pensam que são superiores aos reles mortais.

Já sabem então porque me encantei com Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir, o último volume da série Os Números do Amor. Juliana, a meia-irmã dos gêmeos Gabriel e Nick, não podia ser mais abrasadora, ela é quase um "escândalo" somente porque sua mãe abandonou o marido marquês para se aventurar mundo afora, casando-se em seguida com um mercador italiano, quando desta união Juliana nasceu. Mas sua irrequieta mãe também abandonou o pai de Juliana, que praticamente a criou sozinho. Quando ele morreu, foi enviada para Inglaterra, para morar com seus irmãos que ela nem sabia que existiam até então.

"Estava acostumada aos insultos, à especulação ignorante que lhe era dirigida por ser filha de um mercador italiano e de uma marquesa inglesa desonrada que havia abandonado marido e filhos... e repudiado a elite de Londres."

Gabriel, o marquês de Ralston, que já conhecemos do primeiro livro, acolhe a irmã com todo seu coração, mas para Juliana não estava sendo fácil se adaptar a aristocrática sociedade inglesa, eles eram feitos de gelo e Juliana era puro fogo, por isso a desprezavam abertamente. Ela esbarra com Simon Pearson, o décimo duque de Leighton, em uma livraria e desde o primeiro momento se encanta pela beleza do jovem duque, e ele parecia ter se encantado por ela também, até saber quem era: a meia irmã bastarda do marques de Ralston. Então Juliana passa a entender porque o apelido de Simon é "O Duque do Desdém".

"E fora naquele momento que ela decidira permanecer em Londres. Para provar ao duque e a todos os outros que a julgavam por trás de seus leques esvoaçantes de renda com seu frio olhar inglês, que ela era mais do que eles viam."

Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir

O Duque passou então a despreza-la, Juliana é o oposto de tudo o que ele representa, a antítese de tudo o que ele queria em seu mundo. E devido a um escândalo que ameaçava se abater sobre sua imaculada família, Simon precisava casar-se logo com alguma jovem aristocrata com uma reputação impecável, a fim de manter o bom nome de sua família. Porém Juliana, inconformada pela frieza do Duque, lhe propõe uma aposta, que acaba deixando seu coração despedaçado.

"Ela queria aquele homem perfeito e arrogante de joelhos.
- Prove - desafiou. - Deixe que eu lhe mostre que nem mesmo um duque frio pode viver sem emoção."

O livro é muito divertido pois as participações do marques de Ralston sempre garantem diálogos espirituosos, este é um daqueles personagens que marcam sua presença na trama. E Juliana já contava com minha empatia só por ser italiana, mas depois de conhecer sua língua ferina, minha admiração só aumentou. Ela em nenhum momento deixou de responder o Duque a altura.

"Ralston sentou-se e recostou-se na poltrona.
- Minhas desculpas. Tive a impressão de que você havia selecionado a sua futura duquesa como se ela fosse gado premiado."

Se você também é uma amante de romances de época, prepare-se para se deliciar com as peripécias de Juliana e Simon, que fecharam com chave de ouro mais uma saborosa série de romance de época.

Clique nas capas para ler as resenhas dos livros anteriores:



Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!
Cortesia da Editora Arqueiro
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

22 comentários em "Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir, Vol. 03 - Série Os Números do Amor [Sarah Maclean]"

  1. Eu gosto muito de ler livros do gênero romance de época, então desde que vi o primeiro livro da série Os Números do Amor, já me interessei em ler, e após ler sua resenha sobre a história de Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir, fiquei mais ansiosa ainda para começar a ler esta série.

    ResponderExcluir
  2. cara Gi, sou amante dos livros de época, Idade Média me fascina (acho até que deveria ter nascido nessa época), mas percebi que tenho um fraco por ler alguns livros através de suas resenhas arrebatadoras, dá pra perceber que seu fascínio supera o meu em gênero, número e grau. adorei suas palavras e seu entusiasmo pela protagonista durona. parabéns! :)

    ResponderExcluir
  3. Oi Gisela, esse é um livro que fecha a trilogia de forma maravilhosa, Juliana é uma personagem incrível, super corajosa e cativante e já vinha gostando dela desde os livros anteriores e nessa história ela se destaca. Já Simon, bem, essa história de Duque do Desdém não surgiu a toa e ele demorou a me conquistar (nem sei se conseguiu haha), mas a história é linda mesmo assim. Amei mesmo essa história e sou uma fã de romances de época <3

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Não costumo ler muito romance, ainda mais romance de época.
    Mas estou tentando rever isso, porque o único que li foi Orgulho e Preconceito e é um dos meus preferidos.
    Estou anotando várias dicas e vou anotar essa também <3
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Gi, apesar de querer bater no Simon algumas vezes eu adorei o livro. A narrativa da Sarah Maclean é sempre ótima e confesso que vou sentir saudades da série!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oi Gisela,
    Os números do amor é uma trilogia que tem chamado muita atenção e não vejo a hora de conhecer a escrita da autora. Simon e Juliana são personagens que defendem ideais diferentes, por isso, o relacionamento não poderia ter começado de outra forma. O fato da protagonista ter sido criada sem uma presença materna e com dois irmãos mais velhos, a tornou uma mulher mais desinibida e diferente do que se era esperado das moças pelas sociedade, a tornando uma personagem bem interessante de se acompanhar. Acredito que a autora soube concluir bem a trilogia com uma história e personagens marcantes e espero realizar esta leitura o mais breve possível.

    ResponderExcluir
  7. Olá! Simplesmente fiquei com um sorriso no rosto ao terminar de ler este livro, amo a escrita da Sarah MacLean, Juliana é uma mulher forte, decidida e muito divertida, já o Simon é lindo, apesar de ser um tanto teimoso, os embates entre os dois foram ótimos, realmente concluiu muito bem essa trilogia maravilhosa.

    ResponderExcluir
  8. Giii adorei a resenha, tenho os dois primeiros volumes, e serão os próximos que irei ler, é a primeira vez que leio obras da autora...
    Contando os segundos pra começar!
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Gi!
    Acabei de ler o primeiro livro dessa série (que já está entre as queridinhas) e adorei Juliana. Me identifiquei muito com ela por falar o que pensa, por ser italiana (minha avó era italiana, tenho descendência, por quebrar as regras, enfim, vários motivos.
    E ver aqui um exemplar só dela, deve mesmo ser o desfecho perfeito para a série.
    Quero ler.
    Boas festas juninas!!!!
    “O que importa afinal, viver ou saber que se está vivendo?” (Clarice Lispector)
    Cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA DE JUNHO 3 livros, 3 ganhadores, participem.
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Gisela ;)
    Adorei sua resenha, e fiquei mais ansiosa pra ler Onze Leis a Cumprir na Hora de Seduzir!
    Li apenas o primeiro volume da série e adorei o casal e a trama, e amei a escrita da autora (já virei fã)!
    Acho que a Juliana foi a personagem que eu mais gostei no primeiro livro, então estou ansiosa pra ler o livro dela. E espero que o Simon esteja a altura dela kkk
    Bjos

    ResponderExcluir
  11. Gisela!!!
    Eu tenho só o primeiro livro e ainda não li, a protagonista não é nada fácil hein?
    Eu vou começar a ler assim que tiver completado toda coleção, gostei da sua opinião a respeito faz com que muita gente se aventure nesse romance.
    Abraços!!

    ResponderExcluir
  12. Oi,Gi
    Bonita a foto com a moldura.
    Adoro personagens com uma língua ferina,é preciso dar boas respostas em certos momentos!

    ResponderExcluir
  13. Amo livros de época e com esse não foi diferente. É um livro maravilhoso para quem quer passar um feriado ou férias com uma boa leitura. Eu gosto muito da escritora, a escrita dela é excelente que te prende do começo ao fim do livro. O casal da história foi o meu preferido. Ansiosa por mais livros.

    ResponderExcluir
  14. Oi Gisela,
    Sou fã da Sarah MacLean, essa autora sabe escrever um romance de época com maestria. Li a série O Clube dos Canalhas e me encantei por sua escrita, as histórias são envolventes, apaixonantes e divertidas, com diálogos repletos de ironia que me deixavam com um sorriso bobo no rosto durante grande parte da leitura.
    Já gostei da Juliana, uma mulher com personalidade forte (italiana né kkk), essa mocinha de língua afiada vai me conquistar com suas aventuras doidas. Já Simon, vamos ver se esse duque vai me cativar.
    Ainda não comecei a ler essa trilogia, mas já esta na meta e pretendo maratonar os três livros.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi Gisela!
    Nunca li nada da Sarah MacLean mas sempre vejo resenhas e críticas elogiando suas histórias, ainda mais pra quem curte um romance como eu. O que me encantou nesse livro foi a personalidade da protagonista que, para aquela época, é de se admirar não é mesmo? Quero descobrir como se desenrolou essa situação entre ela e o Simon. Onde já se viu viver sem emocao? Aiai

    ResponderExcluir
  16. Oi Gi.
    Eu estou ansiosa por este ultimo livro, eu li o primeiro e o segundo e nem preciso dizer o quanto eles me encantaram.
    Eu sou apaixonada por romances de época, e sim não vejo a hora de me divertir com as peripécias desse casal.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Parece ser uma leitura bem divertida com as diferenças dos personagens, gostei muito da Juliana por ser decidada e não temer o Duque e pelo visto ninguém. É maravilhoso quando uma série termina de forma que agrada o leitor.

    ResponderExcluir
  18. Dessa autora só li o primeiro livro do Clube dos Canalhas, pretendo ler o restante é começar essa série que parece ser maravilhosa! Já li as outras resenhas e quero muito!

    ResponderExcluir
  19. Oi, Gi!!
    Gostei muito da resenha já li os dois primeiros livros e amei!! Espero ansiosa para ler a história de Juliana e Simon!! Até já garanti o meu só falta chegar.
    Bjoss

    ResponderExcluir
  20. Olá,
    Já tinha lido varias resenhas sobre essa serie e vi que realmente e maravilhosa. Não cheguei a ler nada de romance de época, porém tenho essa vontande imensa de me afundar nessa magnifica historia. Essa tem uma premissa muito boa, contém uma personalidade unica a personagem, gostei bastante dela por querer ser a unica e diferente da ademas.

    ResponderExcluir
  21. Assim como você também gosto demais de personagens femininas desafiadoras, daquelas que não levam desaforo para casa, mas detesto mocinhos arrogantes como o Simon e pelo seus comentários em relação a ele não tenho dúvidas de que não vou simpatizar por ele, espero que a Juliana lhe dê uma lição daquelas!

    ResponderExcluir
  22. Giii, ola quase chará!
    Amo personagens femininas assim, que não levam desaforo pra casa! Já amei nossa Juliana! E que vida ela teve! E que duque infeliz! E que vontade de entrar nesse livro... E olha que nem li e nem comecei a ler ele ainda hihi
    Obrigada pela dica de leitura!
    Gisele Aguiar, Fora dos Trilhos

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir