acompanhe o blog
nas redes sociais

20.5.20

A Ilha do Guardião da Tempestade [Catherine Doyle]

Catherine Doyle
Cortesia da Editora Rocco

Olá pessoa! Fazia tempo que eu não lia uma fantasia e essa me prendeu de uma forma que eu nem podia imaginar, mesmo tendo adorado desde o início a sinopse. E conseguiu me fisgar de uma forma simplesmente maravilhosa desde a primeira página até a última.

A Ilha do Guardião da Tempestade
Título: A Ilha do Guardião da Tempestade
Autor: Catherine Doyle
Tradutor: Thales Fonseca
Série: A Ilha do Guardião da Tempestade
Editora: Rocco Jovens Leitores
Gênero: Fantasia
Páginas: 238
Edição:
Ano: 2020
Onde comprar: Amazon

Por ser o primeiro livro da série, temos a apresentação dos personagens e aos poucos também da ilha. Logo no começo descobrimos a história do grande dia, para entender a magia, o avô leva seu neto através das camadas do tempo e espaço e assim que chegaram ao tempo e momento preciso.

A história vem cheia de novidades, tão simples, tão elementares a fantasia e, contudo, tão completamente nova que não deixa de ser fascinante e cativante a cada minuto da leitura. Além da eterna luta entre o bem e o mal, da luz e das trevas a autora adiciona a trama a importância dos momentos e das memórias vividas como um elemento de força e de amor.

“Essa é a sua maior responsabilidade. Viver uma vida de sucessivos encantos, para que, quando ela começar a escapar de você, você ainda possa sentir a sombra da felicidade no seu peito e o sentimento de satisfação por ter rido o mais alto que pode, amado o mais profundamente e vivido sem medo”

Ser um guardião da tempestade além de grande honra é também um elo compartilhado pelo sangue e aqui outra pegada que adorei. Não temos apenas a “mãe” Terra, mas um guardião da natureza que mostra que ninguém é uma ilha mesmo que more em uma. E o tempo se cumpriu e agora é a hora do avô de Fionn Boyle, um senhor excêntrico e misterioso, renunciar e deixa que o novo guardião assuma.

Juntos com Fionn vamos descobrindo os segredos e mistérios da magia que só é destinado a quem está na ilha saber, por isso você precisa ler para saber todos os detalhes, mas preciso te alertar que ao mesmo tempo, uma magia sinistra está despertando, com a intenção de reacender uma guerra e mudar a vida de Fionn e o futuro da ilha para sempre. Assim, a medida que a hora de escolher vai chegando, a hora de ser escolhido também se aproxima.

“Você é a história dele, Fionn. Você e Tara. E sua mãe. E eu. Enquanto houver alguém que se lembre de você, você continuará vivo, assim como sua história”

E de todas as mensagens que essa aventura poderia nos dar, a primeira já é uma das mais preciosas. Nós somos a somatória de quem veio antes de nós, e caberá a nós passar esse legado adiante. Afinal nosso DNA conta a história dos que vieram antes de nós, aparecendo na forma de cor dos olhos, pele e tantas outras maneiras que trazem um pouco de cada um de nossos pais, avós ... antepassados conosco em forma de características. Algumas tão sutis que é preciso a ciência para nos revelar e quem sabe também um pouco de magia.

A edição está linda. A capa em relevo dourado, ótima encadernação quando diagramação e revisão estão excelentes, tanto a fonte quanto o papel estão ideias para uma leitura confortável.

Então, leia e divirta-se e claro fique à vontade para conversar comigo sobre a leitura.

21 comentários em "A Ilha do Guardião da Tempestade [Catherine Doyle]"

  1. Fui lendo a resenha e imaginando uma grande e gordinha cebola sendo descascada. Parece assim a relação entre os personagens, que juntos precisam adentrar nesse universo.
    Eu amo fantasia, mas admito que faz um tempinho que não leio o gênero.
    Já vai pra lista dos mais desejados com certeza.
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na Flor

    ResponderExcluir
  2. ingriD Figueiredo20 de maio de 2020 14:28

    Preciso começar dizendo que esse livro me surpreendeu porque foi muito além da fantasia! A história tem uma carga emocional muito intensa. Em meio à tanta tristeza, foi muito legal acompanhar o desabrochar do personagem que foi conseguindo reconhecer seu próprio valor.
    ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
    Gostei muito e a única parte ruim vai ser esperar a continuação! kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Que história mais emocionante. Eu sou encantada por fantasias,amo perdidamente e essa possuí uma premissas deslumbrante. Com essa resenhas me despertou o interesses pela história. Um livro de fantasia envolvendo magia,ilhas misteriosas,com personagens incríveis e ainda um escolhido, já quero ler para ontem. Gosto muito também quando possuem continuações. Essa capa chama muitos a atenção

    ResponderExcluir
  4. Não sou muito de ler fantasia mas A Ilha do Guardião da Tempestade tem uma sinopse de tirar o fôlego. Super entendo sua empolgação no início da resenha.

    ResponderExcluir
  5. Olá Elisabete!
    Eis aqui uma fantasia leve que não deixa de ser original, características que tornam a leitura fluída e muito agradável de acompanhar.
    Além de contar com uma capa impecável, a obra conta com uma linda mensagem envolvendo laços familiares, deixando claro que devemos nos orgulhar das pessoas que de uma forma ou de outra contribuíram para a nossa essência como pessoa.
    Espero que o universo seja expandido no próximo livro, com aventuras ainda mais eletrizantes.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Oiie!!
    Já tinha visto esse livro pelo twitter, mas é a primeira resenha que leio, fantasia sempre me agrada, foi dar mais uma pesquisada para decidir se leio ou não. Gostei muito da sua resenha, deu para perceber sua empolgação na resenha, a ilustração da capa é muito bonita

    brubs
    https://quemevcbrubs.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Elisabete!
    Sempre gosto de livros de fantasia, porque além de mostrar algo lúdico, traz sempre aventuras e quando vem com seres fantásticos, acho ainda melhor.
    Tão bom quando uma leitura nos envolve.
    Espero que toda série seja boa.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  8. Olá, Elisabete

    Estava procurando algum livro de fantasia para ler, já que os últimos que eu li foram ok, não me deixaram super empolgada como o tema geralmente me deixa.
    Esse eu não conhecia, e a capa parece uma leitura bem infato-juvenil, mas fiquei com vontade de ler.
    Sua resenha me animou
    beijos

    ResponderExcluir
  9. Olá Elisabete!
    Eu acho essas histórias juvenis encantadoras. Adorei o primeiro quote da resenha. Como gosto muito de fantasia e magia, já fiquei com vontade de ler. Ganhar o legado de alguém e ter a responsabilidade de passa-lo adiante é um enorme desafio, mas também a oportunidade de aprofundar a relação entre sucessor e antecessor. É muito bonito esse envolvimento familiar na trama. A capa também é muito fofa, mal posso esperar pela resenha dos próximos livros dessa série.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Ainda não conhecia o livro, mas como amo fantasia já estou super curiosa. Parece ser uma história cheia de aventuras, mas também com ensinamentos. Estou louca para descobrir mais sobre essa trama.

    ResponderExcluir
  11. Oi Elisabete,
    Fantasia sempre foi meu gênero favorito, mas, nos últimos anos, não tenho lido muitas obras com a temática. Sei que histórias do gênero seguem um certo “padrão”, na maioria das vezes, mas ainda assim é possível inovar e trazer algo cativante e surpreendente. De cara já gostei da proposta de A ilha do Guardião, desde o título até a capa. Essa ideia da descoberta de algo é excitante não só para o protagonista, mas também para o leitor que seguirá junto a ele nessa jornada. Isso foi o que sempre me encantou nas fantasias e é muito bom ler a respeito de uma obra que traga isso tão fortemente. Para um primeiro volume de uma série, acho que a autora fez um excelente trabalho, pois fiquei curiosa com este livro e instigada para o que vem a seguir.

    ResponderExcluir
  12. Olá! Parece ser um livro bem gostoso de ser lido, cheio de aventuras e mistérios contadas de uma maneira simples que nos faz nos sentir dentro da história.

    ResponderExcluir
  13. Estou amando ler fantasia, então foi bom saber desse livro.
    A mensagem é linda.
    E me parece ser uma leitura envolvente e prazerosa.
    Tem um tom juvenil, né? E isso é ótimo porque muitos adolescentes podem se aventurar nesse universo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. A capa do livro é realmente linda, e que bom que temos um enredo que nos prende, com uma leitura leve e fluída, e que ainda tem muito a nos ensinar.

    ResponderExcluir
  15. OLA
    A capa do livro é linda ,confesso que faz um bom tempo que naõ leio fantasia
    esse romance parece ser bem rapido e traz essa ligaçaõ do avp com o neto que deve acrescentar ao livro otimos momentos espero que a serie continue assim encantando a quem le
    dica anotada

    ResponderExcluir
  16. Sou fã de fantasia demais, mas confesso que não tinha tanto interesse em ler o livro por ser infanto-juvenil, certo? Mas, agora , depois de suas considerações ele entrará para a lista de desejados.

    ResponderExcluir
  17. Oi, Elizabeth
    Adorei a capa!
    Fantasia tem sido um gênero que estou lendo muito no momento, viajar para lugares que não existe ou se existe de forma diferente é maravilhoso.
    Tanto a ilha como a família de Fionn guarda muitos segredos e mágoas, estou curiosa para ler.
    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Eu gostei bastante, é muito bom ler uma fantasia sem muito conceito ou explicações por trás. A ilha do guardião da tempestade me lembrou bastante livros infantos juvenis (que eu adoro!), e não foi diferente com este, fiquei curioso para conhecer os personagens e a ilha e se aventurar na caminhada deles e seus ensinamentos.

    ResponderExcluir
  19. Cara, esse livro é exatamente meu número! hahaha Eu adoro, de verdade, livros de fantasia infanto juvenis. Acho a leitura tão leve e agradável!! Mesmo que algumas coisas sendo meio óbvias - tipo o novo guardão ser o Fionn e tals! hhahaha

    Foi pra lista!

    ResponderExcluir
  20. Oi, Elisabete
    Amoooo fantasias. E essa parece der das boas.
    A história do Fionn na ilha e com seu avô parece ser delicada e cheia de aventuras, além de deixar essa ótima reflexão que somos as soma dos povos do passado e podemos transformar o futuro.
    Lerei com certeza.
    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Fantasia é um dos meus gêneros favoritos, mas faz certo tempo que não leio nada sobre. Entrar nessa aventura do avô e do neto deve ser maravilhoso, além de tudo pois trás reflexões e ensinamentos no decorrer da trama.

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir