acompanhe o blog
nas redes sociais

27.5.16

Acabei de Ler - Maio de 2016


Minhas leituras de maio, afora os já resenhados. Todos me agradaram bastante, mas o destaque fica mesmo para "Sejamos Todos Feministas", livro fininho mas de conteúdo.


A Indomável Sofia [Georgette Heyer]

Georgette Heyer
Ed. Record, 2016 - 406 páginas:
      Sofia Stanton-Lacy é alegre, impulsiva e de uma franqueza desconcertante, características que não combinam com o que se espera de uma mulher em sua posição na sociedade londrina do início do século XIX. Educada durante as viagens de seu pai, órfã de mãe, ela chega à casa de sua tia em Berkeley Square para derrubar as convenções e surpreender a todos com seus modos independentes e sua língua afiada. E Sophy parece ter chegado no momento certo: seus primos estão com muitos problemas. O tirânico Charles está noivo de uma jovem tão maçante quanto ele, já Cecilia está apaixonada por um poeta, e Hubert tem sérios problemas financeiros. A prima recém-chegada decide então ajudar a todos com sua determinação e impetuosidade. O que ela não espera, porém, é que seu primo Charles, que aparentemente não vê a hora de arrumar um marido para ela, de repente passa a enxergá-la com outros olhos...

Onde comprar:

Depois de ler a resenha que a Adriana fez aqui para o blog (leia aqui) fiquei muito interessada no livro e peguei emprestado para leitura. Aconteceu exatamente como ela descreveu, fiquei apaixonada pela Sofia, alegre e extrovertida, que ao hospedar-se temporariamente na casa de seus tios, consegue intrometer-se na vida de todos, acabando por ajuda-los. E existe, é lógico, o romance, só que bem sutil, percebemos que o amor está acontecendo através de algumas atitudes dos personagens, mas em nenhum momento a autora é clara, utilizando-se da linguagem para expressa-lo, como acontece na maioria dos romances de época. Gostei demais da leitura, fica a dica.


Sejamos Todos Feministas [Chimamanda Ngozi Adichie]

Chimamanda Ngozi Adichie
Ed. Companhia Das Letras, 2015 - 64 páginas:
      Chimamanda Ngozi Adichie ainda se lembra exatamente do dia em que a chamaram de feminista pela primeira vez. Foi durante uma discussão com seu amigo de infância Okoloma. “Não era um elogio. Percebi pelo tom da voz dele; era como se dissesse: ‘Você apoia o terrorismo!’”. Apesar do tom de desaprovação de Okoloma, Adichie abraçou o termo e começou a se intitular uma “feminista feliz e africana que não odeia homens, e que gosta de usar batom e salto alto para si mesma, e não para os homens”. Sejamos todos feministas é uma adaptação do discurso feito pela autora no TEDx Euston, que conta com mais de 1,5 milhão de visualizações e foi musicado por Beyoncé.

Onde comprar:


Sejamos todos Feministas é um livro pequeno e bem curtinho, mas que consegue passar sua mensagem de maneira extremamente clara e eficiente. É uma leitura imprescindível para homens e mulheres, pois Chimamanda mostra que o machismo está impregnado na sociedade como um todo e não é somente uma atitude masculina, pelo contrário, a maioria das mulheres, principalmente as mães de garotos, são responsáveis diretamente pela disseminação da cultura machista. Fiquei fascinada pela postura da autora, tão simples e ao mesmo tempo tão imperativa. Já virei sua fã. Não deixem de ler esta importante mensagem, que pode ser obtida gratuitamente no site da Amazon (clique aqui). Faça a sua parte.

"A Cultura não faz as pessoas. As pessoas fazem a cultura."


Peça-me o Que Quiser [Megan Maxwell]

Megan Maxwell
Ed. Suma De Letras, 2013 - 408 páginas:
      Com tempero latino e uma abordagem excitante, a autora conta a história da secretária espanhola Judith Flores e seu chefe, o alemão Eric Zimmerman, também conhecido como Iceman: um homem muito sério e com os olhos azuis mais intensos e sexies que ela já viu. Recém-chegado ao comando da empresa Müller, antes dirigida por seu pai, Eric tem uma atração instantânea pelo jeito divertido de Judith e exigirá que ela o acompanhe nas viagens de trabalho pela Espanha. Mesmo sabendo que está se metendo numa situação arriscada, a ideia de estar ao lado de Iceman é irresistível. Com ele, a jovem viverá experiências sexuais até então inimagináveis, em um universo de fantasias eróticas pouco convencionais. 

Onde comprar:


Sempre tive curiosidade de ler esta série, desde o lançamento, mas não tive oportunidade. Agora reservei em tempo para conhece-la. Peça-me o que quiser da escritora espanhola Megan Maxwell, é um romance erótico cuja temática principal é o voyeurismo. Conciliando sexo e romantismo, o livro é uma história de amor cheia de encontros e desencontros, e sua principal força está na personagem principal, Judith Flores, dotada de uma personalidade que julgo ser bastante "caliente". Judith é simples, divertida e não leva desaforo para casa, mesmo quando seu desafeto é o chefão da empresa onde trabalha, o frio e egocêntrico alemão Eric Zimmerman, apelidado pelos funcionários de Iceman. O embate entre personalidades é muito divertido, pois o povo espanhol é considerado de sangue quente e são festivos enquanto os alemães são sérios e frios. E aí, será que esta mistura vai dar certo?

Clique nas capas para ver as resenhas dos outros livros lidos em maio:


Gisela Menicucci Bortoloso
Capixaba, leonina, analista de sistemas e mãe. Apaixonada por livros, sou uma leitora compulsiva e como o tempo é curto, leio em todo o lugar: esperando o elevador, dentro do ônibus, no salão de beleza... Ler é meu prazer e minha paixão!
*Sua compra através dos links deste post geram comissão ao blog!

comentários pelo facebook:

15 comentários em "Acabei de Ler - Maio de 2016"

  1. querida Gi, você só pode ter 7 fôlegos, não consigo compreender como você consegue ler tantos livros em tão pouco tempo. sei que sou uma tartaruga, mas você deixa a lebre no chinelo, rs.
    interessei-me por "sejamos todos feministas". todas as vezes em que se toca no feminismos me coloco rapidamente no lugar das mulheres e de nossa sociedade patriarcal, fruto de um catolicismo machista e muitas vezes retrógrado, que insiste em tratar melhor um gênero a despeito do outro. então acho que este pequeno livro deveria ser leitura obrigatória.
    por outro lado, "peça-me o que quiser", com um título desses já me faria virar os olhos e as páginas caso me deparasse com ele em uma livraria. gosto de livros com pegada "hot", então também já estou de olho na saga por seus olhos e suas palavras.

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gisela!
    Também fiquei muito curiosa para ler A indomável Sofia. Parece ser um romance de época muito gostoso de se ler. Sejamos todos feministas é um livro que quero ler muito, pois trata dessa cultura machista infelizmente tão presente no mundo todo, e sim é importante salientar que não parte apenas dos homens. :/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Gi! Que bom que gostou de Peça-me o que quiser, é um dos meus livros preferidos. Eu quero muito ler A Indomável Sofia, como uma apaixonada por romances de época, esse não passou despercebido. Esse segundo livro nunca ouvi falar, mas a premissa me é bastante cativante.
    Um abraço!
    O Reino Encantado de uma Leitora

    ResponderExcluir
  4. Oi Gisela!

    Eu li A indomável Sofia e adorei! Agora a série Peça-me o que quiser é um dos meus hots favoritos, terminei recentemente e estou carente da Jud e do Erik kkkkkkkkk

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Quero muito ler A Indomável Sofia, já li várias resenhas positivas sobre a obra. Também pretendo ler Sejamos Todos Feministas em breve. Conhecia Peça-me o Que Quiser apenas pelo titulo e pela capa, irei pesquisar mais sobre o livro e se o enredo me agradar eu o lerei.

    ResponderExcluir
  6. Espero que tenha aproveitado a leitura.
    Os livros citados na resenha não fazem muito meu estilo, mas parece ser bom para quem gosta.

    ResponderExcluir
  7. espero que tenha gostados dos livros, pelo dias que estamos vivendo acho que vou dá uma conferida no sejamos todas feministas, pelo jeito é um livro bem atual a capa do peça-me o que quiser parece com a capa de outros livro (e parece ser bem interessante) adorei as dicas ^^

    ResponderExcluir
  8. espero que tenha gostados dos livros, pelo dias que estamos vivendo acho que vou dá uma conferida no sejamos todas feministas, pelo jeito é um livro bem atual a capa do peça-me o que quiser parece com a capa de outros livro (e parece ser bem interessante) adorei as dicas ^^

    ResponderExcluir
  9. Oi Gisela.
    Eu amei suas leituras, eu quero muito ler A indomável Sofia, sou louca de paixão por romances de época, essa capa é divina.
    A premissa do livro é muito interessante, irei ler com certeza.
    Boa Tarde.

    ResponderExcluir
  10. Leu bons livros aparentemente, e estou realmente curiosa com A Indomável Sofia, já li outras resenhas que dizem o quanto o romance é sutil e todas foram bem positivas, acho que pode ser um romance de época que vou gostar muito.
    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Oi Gisela, gosto muito da série Peça-me o que quiser, e tive o imenso prazer de conhecer e mediar um encontro com a autora. Lembro que na época que resenhei este livro no blog, comentei que a pessoa teria que ler com uma mente aberta e que eu, mesmo não sendo ciumenta, não teria capacidade de fazer o que o casal se propõe :)
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Tão fininho o livro da Chimamanda Ngozi,foi o que mais me interessou entre suas leituras de Maio.
    Infelizmente,nem 3 livros consegui ler esse mês =[

    ResponderExcluir
  13. Gi, você fez ótimas leituras esse mês. Estou curiosa para ler o livro da Chimamanda a bastante tempo, sei que é inspirador. E preciso ler A Indomável Sofia, de tanto que você e Adri falaram dele, rs. Que o próximo mês venha leituras ainda melhores.

    Beijos, Gabi
    Reino da Loucura || Participe do top comentarista de maio

    ResponderExcluir
  14. Oii Gi!
    Adorei a sinopse de A indomável Sofia! Fiquei bastante curiosa pra conhecer os livros da autora, tenho lido excelentes comentários e resenhas sobre as obras de Georgette!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  15. Olá, Gisela.
    Realmente você fez boas leituras esse mês.
    Dos livros desbravados, eu li apenas Sejamos Todos Feministas e adorei. É uma obra bem interessante e enriquecedora.
    Apesar de não gostar de romance de época, A Indomável Sofia parece ser um bom livro. Quero conferir.

    Desbravador de Mundos - Participe do top comentarista de maio. Serão três vencedores!

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir