acompanhe o blog
nas redes sociais

20.6.22

Morra Por Mim, Vol. 03 - Série Killing Eve [Luke Jennings]

Luke Jennings

Cortesia do Grupo Companhia das Letras

Se tem algo que deixa o leitor bastante feliz, é ter em mãos a continuação de uma série que o cativou. E, como Eve Polastri e Villanelle me conquistaram a tal ponto, tive que “burlar” minha programação de leituras pendentes, para acompanhar o desfecho dessa jornada.

Morra Por Mim
Título: Morra Por Mim
Autor: Luke Jennings
Tradutor: Leonardo Alves
Série: Killing Eve
Editora: Suma
Gênero: Policial, Suspense e Mistério
Páginas: 216
Edição:
Ano: 2022
Onde comprar: Amazon

Morra por Mim” é o terceiro e último (assim espero) volume da trilogia, que traz o embate dessas duas personagens peculiares. Ao iniciar esse desfecho, o leitor é “convidado” a desconstruir todo o seu juízo de valor em relação ao certo ou errado; a quem é vilã ou mocinha; ou até saber se você está torcendo pelo lado certo. Outros questionamentos são: Uma pessoa nasce ou torna-se psicopata? É possível um indivíduo ter alguns comportamentos psicopatas, mas continuar sendo considerado “normal”? Enfim, temáticas para reflexões são o que não faltam.

“Ela sempre começa se gabando. Adora descrever suas vinganças contra quem a subestimou (uma lista extensa de pessoas) e a facilidade com que superou todo mundo que tentou capturá-la.
Devido a sua tendência de ficcionar sua própria vida, é difícil para mim estabelecer uma história definitiva, mas já sei dos fatos básicos e, aos poucos, vou juntando as peças.” Posição 335

Algo que precisa ser destacado é a narrativa do autor. É fluida, simples e dinâmica. As reviravoltas apresentadas nessa trama foram também um dos pontos altos. Confesso que fui pego de surpresa constantemente. Em um determinado ponto, eu, como leitor, não via mais outra saída a não ser a morte de nossas protagonistas. E o desfecho, achei satisfatório. E, sinceramente, espero que o autor resolva não revisitar esse universo. A cereja do bolo fica a cargo de uma personagem que já existia no enredo, mas se descobriu não-binária. Então, temos o uso de pronomes neutros em algumas passagens.

“Depois eu viria a descobrir que Villanelle sentia a mesma coisa. Que, embora atuar como a melhor assassina dos Doze tivesse seus benefícios profissionais e materiais, ela começara a almejar uma empolgação que os assassinatos políticos de rotina não proporcionavam. Ela havia desenvolvido um apetite pelo perigo. Queria atrair uma perseguidora para ficar em seu encalço, alguém que fosse digna de enfrentá-la. Ela queria dançar no fio da navalha. Ela me queria.” Posição 89

Algo que me incomodou um pouco nesse volume, foi a relação de amor e ódio que tive com nossas protagonistas. Algumas atitudes de Villanelle ainda consegui aguentar, afinal, ela é uma psicopata, mas as de Polastri, foi difícil de engolir. Mas, ao final, o resultado foi positivo. Ela tinha créditos comigo.

Alerto também que algumas passagens são bastante violentas e existe o uso de palavrões. Portanto, essa leitura não é indicada para leitores mais jovens. Em relação a parte gráfica, a editora está de parabéns. A capa é bonita e segue o padrão da série. Não encontrei erros.

Indico a leitura para os amantes de um bom thriller policial, e que apreciem uma narrativa rápida e cheia de reviravoltas.

Se você quiser conhecer um pouco sobre os livros anteriores desta série, clique nas capas para ler as resenhas:


10 comentários em "Morra Por Mim, Vol. 03 - Série Killing Eve [Luke Jennings]"

  1. Oi, Nardonio! Fiquei bastante interessada nessa série depois de acompanhar as resenhas anteriores. Pelo visto, as protagonistas vão brincar com os nossos sentimentos... Essa questão de amor e ódio que vc citou. E que bacana o uso de pronomes neutros.

    ResponderExcluir
  2. Fechou com chave de ouro ainda que com ressalvas...
    Sempre achei as protagonistas dúbias

    ResponderExcluir
  3. Então..sabe quando você vê a série na tv e decide que ela será melhor que os livros? Sei que pode parece meio maluco, mas eu hoje, não me interesso muito em ler os livros não. Acabei desistindo, por conta do viés romântico que tudo tomou.
    Sei lá, essa relação de amor e ódio na série de tv, ficou legal...mesmo com ressalvas.
    Mas sinto que nos livros, fica é cansativo.
    Prefiro guardar as meninas somente na série!!!
    Beijo

    Angela Cunha Gabriel/Rubro Rosa/O Vazio na flor

    ResponderExcluir
  4. Não entrou na lista de leituras top mas não foi uma decepção, já tá bom né.
    Essa trilogia não me atraiu tanto, apesar dessa relação de amor e ódio com as personagens, que acho interessante.

    Danielle Medeiros de Souza
    danibsb030501@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ola
    Essa série não me chamou a atenção. Não bateu aquela vontade de assistir .Pelas resenhas que já li eu não gostei das construções dos personagens .

    ResponderExcluir
  6. Dom!
    O mais importante é ter conseguido concluir a leitura de mais um livro da série que parece intrigante.
    Gosto quando tem personagem psicopata e a briga entre as duas parece algo como uma rivalidade muito grande.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    Eu tenho muita vontade de continuar a série, mas tenho zero vontades de ler os livros kkkkk Não sei pq, mas não me empolga para ler, sabe? Apesar de muita gente falar bem :/
    Amo essas capas

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi Nardonio,
    Já vi uma parte do seriado e preciso terminar, parece estar cada vez melhor!
    É bom ver que no livro a narrativa é fluida, simples, dinâmica e com reviravoltas, uma leitura que entraria facilmente em minha lista para ler.

    ResponderExcluir
  9. Confesso que não sou muito fã de thrillers, mas essa trilogia parece ser interessante, ainda mais que é dinâmica e com muitas reviravoltas. Eu acho bacana esse conflito que as personagens proporcionam.

    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Essa foi uma das séries que eu preferi ter todos por aqui para depois decidir se leria ou não, mas confesso que ainda não me decidi, por um lado a história chama atenção, ainda mais por ser um gênero que eu não leio muito, mas por outro alguns pontos e ressalvas me deixaram com o pé atrás, enfim, bora jogar no uni-duni-tê e ver o que dá!

    ResponderExcluir

Qual sua opinião sobre o livro? Compartilhe!

Tecnologia do Blogger.
siga no instagram @lerparadivertir